Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

Pix Saque, Pix Troco e outras novidades do BC

Entenda melhor o Pix Saque e o Pix Troco, bem como, confira outras novidades do Banco Central para a ferramenta. Veja mais!

Pix Saque e Pix Troco

A partir do dia 29 de novembro, a população vai ter mais uma opção para sacar dinheiro além do caixa eletrônico e agência bancária, informa o Governo na coluna sobre economia (conta gov.br), o Pix Saque e o Pix Troco.

Sendo assim, o site também informa que essa possibilidade também vai estar disponível, por meio do Pix, no estabelecimento comercial em que o cliente faz compras em lojas, padarias e supermercados. O Pix Saque e o Pix Troco são novos produtos da Agenda Evolutiva do Pix, definida pelo Banco Central.

Pix Saque 

Para fazer o saque pela ferramenta, basta que o cliente envie um Pix para o estabelecimento, em dinâmica similar a de um Pix normal, a partir da leitura de um QR Code. Mas nesse caso, a loja vai repassar o valor integral do Pix em dinheiro para o cliente, informa o Banco Central. 

Pix Troco

Já no Pix Troco, a dinâmica é parecida, relata o BC. O cliente faz uma compra, paga com Pix, mas num valor superior ao das mercadorias ou serviços. O estabelecimento devolve em dinheiro o valor excedido. Sendo assim, para oferecer os novos serviços, o estabelecimento comercial ou instituição financeira precisa estar credenciado ao Pix.

Como fazer um Pix?

Conforme informações oficiais do BCB, para realizar um pagamento via Pix, você pode:

  • ler um QR Code com a câmera do seu smartphone, na opção de fazer um Pix no aplicativo da sua instituição financeira ou de pagamento;
  • utilizar a opção “Pix Copia e Cola”, com ela você cola o código relacionado ao QR Code. Opção para quando você está usando o seu celular e não pode fazer a leitura do QR code pela câmera. Essa opção também pode ser usada no internet banking; 
  • informar a chave Pix do recebedor, que pode ser CPF/CNPJ, e-mail ou telefone celular, ou uma chave aleatória, por meio da opção disponibilizada por sua instituição financeira ou de pagamento no aplicativo instalado em seu smartphone, essa opção também pode ser usada no internet banking;
  • Usar o serviço de iniciação de transação de pagamento.
Quais são as novidades do Pix ainda em 2021?

Conforme informações oficiais do BC, ainda em 2021, as principais novidades da ferramenta são:

  • Inclusão da conta salário na lista de contas movimentáveis por Pix;
  • Possibilidade de devolução ágil de recursos pela instituição recebedora, em casos de fundada suspeita de fraude ou falha operacional nos sistemas das instituições participantes;
  • Pix Saque, para dar ao consumidor mais uma opção de obtenção de dinheiro em espécie e para facilitar a gestão de caixa do lojista;
  • Transações por aproximação, para dar mais facilidade e conveniência na iniciação de um Pix e para atender casos de uso específicos;
  • Iniciador de pagamentos no Pix, com desenvolvimentos que seguirão o cronograma estabelecido no Open Banking. Assim, para permitir que os iniciadores possam ser participantes do Pix agregando ainda mais competição ao arranjo;
  • QR Code pagador, que viabiliza a realização de Pix mesmo quando o pagador estiver off-line, ampliando o acesso da sociedade ao Pix;

O Banco Central informa que ainda não há datas definidas para a implementação dessas ações. Por isso, é importante que fique atento ao nosso site e nossas redes sociais para saber das novidades.

Leia Também:

Está "bombando" na Internet:

Acesse www.pensarcursos.com.br
Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.