Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

Avalie o Texto.

Pix: avanço tecnológico no cenário financeiro e econômico

O Pix representa um avanço tecnológico no cenário financeiro e econômico, além disso, é uma otimização no e-commerce. Saiba mais!

 Conforme informações do estudo sobre o PIX, realizado pela consultoria Gmattos, a aceitação do Pix segue elevada no cenário financeiro econômico brasileiro.

Pix: avanço tecnológico no cenário financeiro e econômico

Os dados divulgados informam que houve um salto no volume de transações. Sendo assim, a modalidade criada e gerida pelo Banco Central do Brasil, representava 1,16% do total de transações nos primeiros meses deste ano. 

Elevação no volume de transações 

Entretanto, no segundo semestre, as transações feitas via Pix saltaram para 2,16%, considerando todas as transações bancárias, o que é um número bastante expressivo. Dessa forma, a tendência do Pix é que feche o ano de 2021 com 3,4% do total de transações digitais. 

Otimização no processo de compra para o e-commerce

Considerando apenas o setor de e-commerce, a aceitação do sistema de pagamentos instantâneos mais que dobrou. De acordo com os dados apontados, no começo de 2021, o Pix representava 16,9% dos lojistas consultados no início do ano, número que passou para 40,7% ao final do segundo trimestre. Ou seja, o e-commerce disponibilizou em maior número o Pix como um meio de pagamento.

O Pix é um meio de pagamento relativamente novo, o que surpreende é o quanto ele avança na sua utilização. Já que, de forma implícita, a população brasileira tem um certo receio de utilizar novos canais digitais. 

Entretanto, isso demonstra uma mudança na aceitação da ferramenta, dada a sua facilidade para utilização. Além disso, o Pix também é uma ferramenta importante para o comércio, pois ao disponibilizar o Pix como meio de pagamento para o seu cliente, o lojista recebe o valor sem precisar de intermediários.

Concorrência gerada pelo Pix pode diminuir as taxas de intermediadores 

Visto que, anteriormente a essa tecnologia, era possível pagar empresas intermediadoras de pagamentos. No entanto, os valores ficavam retidos por essas empresas por um período que variava, porém, em média era de 14 dias; ao passo que a empresa retirava uma porcentagem para entregar esse valor ao lojista.

O Pix permite que o lojista tenha contato direto com o seu cliente.  Claro que as empresas intermediadoras ainda funcionam, e ainda são viáveis para empresas de vários portes e segmentos.

Novos paradigmas financeiros e fluidez comercial 

No entanto, o Pix representa uma adequação à uma nova forma de pensar do cidadão brasileiro. Sendo assim, é um avanço importante no cenário competitivo financeiro, que pode ser de grande valia para o cliente, dada a concorrência e a fluidez nos fluxos empresariais. Por isso, o Pix representa uma inovação para todos os envolvidos.

Avalie o Texto.

Leia Também:

Está "bombando" na Internet:

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.