Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

Nubank é um banco? Veja o que explica o próprio Nubank

O Nubank surgiu com o intuito de facilitar a vida de seus usuários, além de revolucionar e simplificar os serviços financeiros do Brasil. A instituição começou seus trabalhos em 2013 com o lançamento de seu cartão de crédito sem anuidade e livre de taxas nas entrelinhas, após isso, a fintech lançou diversos produtos e serviços inovadores para o ramo.

Atualmente, o Nubank tem a permissão para atuar como instituição de pagamento e como instituição financeira. Mas em suma o Nubank pode ou não ser considerado um banco?

Popularmente falando, o Nubank é considerado um Banco Digital independente. Porém, na realidade, o Nubank é uma plataforma de serviços digitais, ao mesmo tempo que pode ser considerado uma fintech, uma instituição financeira e uma instituição de pagamentos.

Para entender como o Nubank pode ser classificado como tantas coisas ao mesmo tempo, primeiramente é necessário entender o que as seguintes classificações significam. E é isso que explicaremos abaixo nesta matéria.

Fintech por definição

O termo Fintech vem do inglês e é uma junção de palavras ”financial”, financeiro, e “Technology”, tecnologia. Resumindo, as Fintechs são empresas que utilizam de tecnologia para trazer inovações ao mercado financeiro, e oferecem essas inovações através de suas plataformas e canais digitais de maneira exclusiva.

O Nubank pode ser considerado uma fintech porque foi criado em um meio inteiramente digital, e desde então vem utilizando a tecnologia e o design inovador para devolver aos seus clientes o controle sobre as próprias vidas financeiras. Com isso, a Fintech já foi capaz de promover a inclusão de milhões de brasileiros no sistema financeiro.

Basicamente o termo fintech refere-se ao modelo de negócios do Nubank, que vem visando a desburocratização do mercado, oferecendo por meio de seu aplicativo soluções simples, tornando o serviço mais otimizado e promovendo a economia dos clientes por não haver o repasse de custos operacionais da empresa aos usuários.

Dados da própria instituição já mostraram que a economia gerada pelo Nubank aos seus usuários já passa de R$21 bilhões em taxas abusivas e anuidades.

Nubank é um Instituição de pagamento e financeira

As duas classificações têm a ver com autorizações que são concedidas pelo Banco Central do Brasil, órgão regulador das instituições financeiras no Brasil. Elas têm mais a ver com os produtos e funções que o Nubank tem direito de oferecer aos usuários.

A definição cedida pelo Banco Central sobre uma instituição de pagamento é de uma empresa que autoriza serviços de compra, venda e movimentação de bens pelo Sistema de Pagamento Brasileiro. Porém uma instituição de pagamento não é possibilitada de oferecer empréstimos e financiamentos aos seus usuários.

Já a Instituição Financeira é a que pode receber, realizar as transações e investimentos de dinheiro, em qualquer moeda existente no mundo. Além disso, as instituições financeiras também podem guardar o valor pertencente aos usuários, empresas e instituições. Ou seja, essas instituições são a conexão entre os clientes e os serviços do mercado financeiros.

O Nubank se encaixa nas duas definições, por oferecer produtos para compra aos seus clientes e também produtos como empréstimos pessoais e fundos de investimentos. Vale lembrar que todas as instituições financeiras são fiscalizadas pelo Banco Central e não é diferente no caso do Nubank.

Leia Também:

Está "bombando" na Internet:

Acesse www.pensarcursos.com.br
Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.