Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

Nubank é a principal empresa unicórnio da América Latina

Recentemente, a newslatter The News publicou um levantamento informando as dez principais empresas unicórnios da América Latina. Atualmente o Nubank ocupa o primeiro lugar da lista, sendo avaliado em aproximadamente R$ 155 bilhões.

É considerada uma empresa unicórnio, startups com um modelo de negócio digital e que é avaliada em mais de US$ 1 bilhão. O termo foi utilizado pela primeira vez em 2013 pela investidora norte-americana Aileen Lee, especialista em capital de risco. Sendo assim, por se encaixar no perfil, o Nubank é considerado uma dessas empresas.

Essa maneira de chamar as startups que surgem do nada e conseguem alcançar 1 bilhão de dólares, é relacionada a sensação de magia e fantasia dos unicórnios. Afinal, atingir todo esse valor de mercado não é uma tarefa fácil, parecendo ser mais uma história da mitologia.

Apesar disso, atualmente ao redor do globo existem 530 empresas consideradas unicórnios. A maioria delas encontra-se nos Estados Unidos e na China, porém também existem na América Latina, como o caso do Nubank . A maior empresa unicórnio da atualidade é a chinesa ByteDance, avaliada em mais de US$ 140 bilhões.

Nubank é a maior empresa unicórnio da América Latina

Segundo o levantamento divulgado pela newletter The News, além do Nubank, outras seis empresas brasileiras ocupam o top 10 da América Latina em startups unicórnio. A pesquisa considerou o México como parte da América Latina, apesar de pertencer geograficamente  à América do Norte.

Das três startups não brasileiras pontuadas no levantamento, duas são mexicanas, sendo elas a Kavak, de compra de carros usados, e a Bitso, casa de ativos digitais. A empresa colombiana Rappi, de Delivery, também ocupa um espaço nessa lista.

Como já dito anteriormente, o Brasil, que nos últimos anos vem se tornando referência no setor de startups, ocupa sete posições nesse ranking. A primeira colocada da lista, é o banco digital brasileiro, Nubank. Confira as sete principais startups unicórnio brasileiras e em quanto elas foram avaliadas:

NubankUS$ 30 bilhões
QuintoAndarUS$ 4,0 bilhões
Wild LifeUS$ 3,0 bilhões
LoftUS$ 2,9 bilhões
C6 BankUS$ 2,1 bilhões
Mercado BitcoinUS$ 2,1 bilhões
CreditasUS$ 1,7 bilhões

 

Como as pessoas físicas podem investir em startups?

Com tantos negócios no âmbito da tecnologia dando certo ao redor do mundo, muitas pessoas se interessam em descobrir como investir em startups. Atualmente, uma das formas de realizar esse investimento é por meio do crowdfunding. O crowdfunding, de forma muito simplista e a título de didática, pode ser parecido com uma vaquinha virtual.

Existem várias modalidades para essa vaquinha, e a crowdfunding de ações é a utilizada para financiar novos produtos e empresas. Desta forma, é possível que os investidores tornem-se acionistas da startup e recebam parte dos lucros obtidos por ela. Apesar da facilidade, é preciso pensar bastante sobre o futuro investimento.

Se a startup não agradar ao mercado e fechar, o investidor terá perdido seu dinheiro. Esse tipo de investimento é considerado de alto risco e especulativo. Mas se o investidor observou que Nubank foi avaliado em R$ 155 bilhões e, por conta disso, surgiu um enorme interesse em investir numa futura empresa unicórnio, alguns sites são utilizados para realização dessa espécie de vaquinha virtual.

Um exemplo bastante utilizado é o Kickstarter, site criado para apoiar projetos inovadores, principalmente os ligados ao ramo da tecnologia. Nessa plataforma, se o financiamento não atingir a meta, os investidores recebem o dinheiro de volta. Todo esse sucesso com novos investidores tem sido visto com o Nubank.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.