Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

Novo Bolsa Família deve atender cerca de 20 milhões de pessoas, diz jornal

O novo Bolsa Família do Governo Federal deve atender cerca de 20 milhões de pessoas até o final deste ano. Pelo menos é isso o que garante uma matéria do jornal O Globo, deste domingo (13). De acordo com a publicação, esse é um número que o próprio Presidente Jair Bolsonaro defende.

De acordo com informações do Ministério da Cidadania, o Bolsa Família atual está atendendo cerca de 4 milhões de pessoas. No entanto, vale lembrar que este número está defasado. Isso porque boa parte dos usuários do programa está recebendo o Auxílio Emergencial atualmente.

Em condições normais, o Bolsa Família paga suas parcelas para cerca de 14 milhões de brasileiros. Então como o Governo quer pagar o projeto para 20 milhões, imagina-se que eles estejam pensando em incluir mais seis milhões de cidadãos até o final deste ano.

É uma proposta ousada. Pelo menos é isso o que dizem os especialistas. Vale lembrar que o próprio esquema de gastos do Bolsa Família permite um aumento no tamanho do projeto. No entanto, não se sabe se ele comportaria uma elevação de custos deste tamanho.

É que além da quantidade de pessoas, o novo Auxílio deve ter uma média de pagamentos maior. Ainda de acordo com informações da imprensa, o desejo do Presidente é aumentar os repasses médios para a casa dos R$ 300. Hoje, de acordo com o Ministério, esse patamar está na casa dos R$ 190.

Não difere muito do Auxílio

Caso essas informações se confirmem, dá para dizer que mesmo com esses aumentos, o novo Bolsa Família seria menor do que o atual Auxílio Emergencial. E o programa atual costuma receber muitas críticas justamente por “ser pequeno”.

De acordo com dados do Ministério da Cidadania, o benefício atual está pagando quatro parcelas de valores que variam entre R$ 150 e R$ 375. Segundo as informações do Dataprev, cerca de 39,1 milhões de brasileiros estão recebendo esse dinheiro todos os meses.

O novo Bolsa Família, no entanto, passaria a atender cerca de 20 milhões de pessoas. Seria portanto uma queda de 19 milhões de brasileiros de um programa para o outro. No entanto, vale sempre lembrar que essas ainda não são informações oficiais do próprio Governo Federal.

Data do programa

Todos os dias a imprensa brasileira divulga novas informações de bastidores sobre o projeto novo. É que existe uma certa curiosidade dos brasileiros em torno deste tema. Muita gente quer saber se vai conseguir receber essa quantia ou se vai ter que se virar de outra forma.

No entanto, apesar dessa grande quantidade de informações, poucas delas são oficiais. O Governo Federal está adotando uma estratégia de esconder os principais pontos do programa. Um dos pontos que ainda não dá para saber é a data de estreia do projeto novo.

Em entrevista recente, o Ministro da Economia, Paulo Guedes, disse que o Auxílio Emergencial terá uma prorrogação de dois ou três meses. No entanto, ele evitou cravar uma data. Disse apenas que um programa vai começar assim que o outro chegar ao fim.

4 Comentários
  1. Regiane santos de Almeida Diz

    Eu Regiane santos tive meu bolsa família cancelado a mas um ano..tem filhos sou mae solteira..já fiz o recadastramento ate agora nada continua cancelado to desempregada .não recebi nenhum auxílio por conta do cancelado.. Quero saber quando o governo vai fazer o desbroquei

  2. Fabricio arpino mena Diz

    Dúvidas:o novo bolsa família….quem está escrito terá que se escrever novamente?…….(registrar-se)????

    1. Joseane pacheco Martinho Diz

      Eu Joseane pacheco Martinho não recebi o alxilho emergência so o bolsa família normal no ano passado eu recebi o axilho emergência não sei porquê esse ano eu não fui aprovada sou mãe de Família tenho uma filha de 1 ano e nove meses e um filho adolescente de 16 anos sou desepregada não tenho tenho renda própria so recebo o bolsa família.

      1. Marinalva Mota dos santos pereira Diz

        Eu Marinalva Mota não recebir auxílio emergencial porque sou mãe solteira e só recebir 90 reais do bolsa família porque

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.