Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

Seis dos 14 colégios militares do Brasil retomam as aulas presenciais

Até o momento, a Justiça determinou que professores civis não podem retornar às atividades

O Exército Brasileiro anunciou o retorno das aulas presenciais em todos os 14 colégios militares do Brasil para a última segunda-feira (21). Entretanto, somente seis delas retomaram as atividades de fato.

Entre as escolas que retornaram está a de Belo Horizonte, que, a saber, recebeu veto de funcionamento da Justiça Federal. Por conta da abertura sem permissão, o colégio da capital mineira precisou fechar imediatamente suas portas. Além disso, existe a possibilidade dos responsáveis pagarem multa de R$50 mil.

Proibição da volta dos professores civis

Na última sexta-feira (18), a Justiça Federal proibiu o retorno dos professores civis, ou seja, sem formação militar, às aulas presenciais nos colégios militares de Belo Horizonte e Rio de Janeiro.

 

Caso houvesse esse retorno dos educadores, a multa estabelecida a pagar é de R$ 5 mil. Nesse sentido, determinou-se que os profissionais continuassem trabalhando por meio do teletrabalho.

“Defiro a tutela provisória de urgência, para determinar à União Federal que mantenha o regime de teletrabalho todos os professores do Colégio Militar de Belo Horizonte (CMBH), até ulterior manifestação do Juízo, ficando sujeita à multa diária de R$ 5.000,00 (cinco mil reais) em caso de descumprimento”, escreveu o juiz em relação à escola mineira.

Semelhantemente, a Justiça determinou que os professores civis do Rio de Janeiro só trabalhassem de forma remota. Desse modo, então, houve mudanças nas aulas do colégio da cidade, as quais retornaram no último dia 14.

A partir dessa segunda, apenas os professores militares ministraram aulas presenciais no colégio militar.

O retorno segue o seguinte cronograma:

  • Segunda-feira: 1º, 2º e 3º anos do ensino médio;
  • Terça-feira: 8º e 9º anos do ensino fundamental;
  • Quarta-feira: 2º e 3º anos do ensino médio;
  • Quinta-feira: 8º e 9º anos do ensino fundamental;
  • Sexta-feira: 1º e 3º anos do ensino médio.

Lembrando que os colégios militares de Belém, Manaus e Rio de Janeiro já tinham retornado há algum tempo. Conforme dito anteriormente, no RJ voltaram dia 14.

No colégio militar de Manaus, no Amazonas, as aulas presenciais já ocorrem desde o dia 20 de julho. Belém voltou no dia 8 de setembro.

Leia também outro artigo – Ministério da Saúde destina R$ 454,3 milhões para apoio ao retorno das aulas

Leia Também:

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Obrigado por se cadastrar nas Push Notifications!

Quais os assuntos do seu interesse?