Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

Avalie o Texto.

Me sinto insuficiente no trabalho: O que fazer?

Me sinto insuficiente no trabalho, o que posso fazer? Quais são as reflexões que podem me ajudar nesse sentido?

Você tem se sentido dessa forma? Tem se sentido insuficiente, e percebe até mesmo que a sua autoestima está abalada? Respire fundo e tente se acalmar um pouco.

Embora esse pensamento seja muito recorrente na vida de muitas pessoas, algumas reflexões podem ajudar a lidar com isso.

Além disso, em casos mais intensos, a ajuda profissional, por meio da psicoterapia, também é válida.

Considerando isso, trouxemos algumas reflexões que podem ser interessantes. Acompanhe.

Quais são os gatilhos para esse autoconceito?

Comece tentando compreender quais são os gatilhos por trás desse autoconceito. Às vezes, eles são difíceis de serem detectados, e tudo bem! Não tenha pressa.

O ideal é que você comece a refletir em quais momentos o sentimento de baixa autoestima opera com maior intensidade.

Será que quando você tem algo novo para fazer, você diz “Me sinto insuficiente no trabalho”? Ou será que quando o seu chefe lhe dá uma crítica, esse sentimento vem?

Entender os gatilhos pode lhe ajudar a pensar melhor sobre as causas desse pensamento. Afinal, muitas vezes, a baixa autoestima pode estar associada a visões distorcidas sobre si, que se associam com o que é visto e ouvido de terceiros.

Isto é, às vezes interpretamos uma crítica construtiva como um julgamento, mesmo quando não é. Fique atento a isso.

Você já analisou seus atributos?

Sim, isso pode ser bastante difícil quando se tem uma baixa autoestima. E caso você não consiga nomear nenhum atributo, não se maltrate por isso.

Às vezes, nossas emoções podem nos impedir de enxergar as qualidades que temos. E isso associa-se com uma série de questões pessoais.

Sendo assim, tente fazer o exercício de encontrar aquilo que você sabe fazer bem. Se não conseguir encontrar de primeira, novamente reiteramos que a ajuda profissional é válida.

Como está sua posição com os julgamentos alheios?

Você costuma aceitar os julgamentos alheios? Acredita que o que as outras pessoas dizem é algo real? Ou ainda… Tende a aumentar os julgamentos alheios, se maltratando por conta deles?

Pense um pouco sobre isso. Embora todo mundo diga que “a opinião alheia não conta”, nós sabemos que ela impacta sim.

Porém, está em nossas mãos ir encontrando formas de manejar o que sentimos com relação a isso. Então, se você diz “Me sinto insuficiente no trabalho”, cuidado com esse tipo de postura de aceitar a fala alheia como verdade – nem sempre é.

A psicoterapia também pode lhe ajudar

Lembre-se de que a psicoterapia é muito interessante em algumas circunstâncias nas quais o sujeito diz “Me sinto insuficiente no trabalho”.

Afinal, por meio dela é possível mergulhar mais a fundo nesses pensamentos que, em algumas circunstâncias, podem estar distorcidos.

Além disso, você poderá caminhar rumo ao seu autoconhecimento, entendendo melhor os seus sonhos, atributos, etc. Ao passo que cuida da sua saúde mental e das suas emoções também.

Esperamos que este conteúdo tenha lhe servido para algumas reflexões. Boa sorte!

Avalie o Texto.

Veja o que é sucesso na Internet:

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.