Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

5/5 - (1 vote)

MCTI e CNPq: financiamento de pesquisa no Sistema Amazônico de Laboratórios Satélites 

O MCTI e o CNPq abriram chamada pública para financiamento de pesquisa no Sistema Amazônico de Laboratórios Satélites. Saiba mais!

O Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovações (MCTI) e o Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) abriram chamada pública para pesquisa no Sistema Amazônico de Laboratórios Satélites na Amazônia (SALAS), de acordo com recente divulgação oficial.

MCTI e CNPq: financiamento de pesquisa no Sistema Amazônico de Laboratórios Satélites 

O Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovações (MCTI), por meio do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq), abriu na última sexta-feira, 29 de julho, a chamada CNPq/MCTI nº 55/2022 – Sistema Amazônico de Laboratórios Satélites (SALAS).

A chamada, no valor global de R$ 1,2 milhões, tem por objeto apoiar projetos de pesquisa a serem desenvolvidos em dois laboratórios do SALAS geridos pelo Instituto de Desenvolvimento Sustentável Mamirauá (IDSM).

Formulários disponíveis na plataforma do CNPq

Conforme a divulgação oficial, as propostas devem ser submetidas até 23h59 (horário de Brasília) de 13 de setembro de 2022 por meio do Formulário de Propostas online disponível na Plataforma Integrada Carlos Chagas do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq).

Os recursos financeiros são oriundos do orçamento do Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovações (MCTI). Do valor global da chamada, R$ 480 mil são destinados ao pagamento de bolsas de fomento tecnológico e R$ 720 mil para o custeio de despesas dos projetos, detalha a divulgação oficial. A chamada prevê que cada projeto poderá apresentar valor máximo de financiamento de R$ 300 mil, sendo até R$180 mil em custeio e até R$ 120 mil em bolsas.

Diversos projetos serão apoiados

O Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovações (MCTI) informa que serão apoiados projetos nas áreas de ciências humanas, biológicas e da saúde que visem contribuir significativamente para o desenvolvimento científico e tecnológico e a inovação do país.

A chamada tem como objetivos e diretrizes ampliar o conhecimento e o desenvolvimento tecnológico a partir da biodiversidade da região amazônica.

Ampliação de pesquisas e ações educacionais

Além de ampliar o desenvolvimento de pesquisas em parceria com o IDSM; formar recursos humanos na região amazônica e ampliar a base de dados de ocorrências da biodiversidade da região Amazônica no Sistema de Informações sobre a Biodiversidade Brasileira (SIBBr).

Por fim, promover ações de educação, popularização e/ou divulgação científica para diferentes tipos de público, alcançando amplos setores da sociedade, em articulação com especialistas, grupos e instituições que atuam nas áreas de educação formal e não formal, detalha o Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovações (MCTI).

Laboratórios 

Os projetos deverão utilizar as estruturas de dois laboratórios do Sistema Amazônico de Laboratórios Satélites na Amazônia (SALAS). O Vitória-régia é um laboratório flutuante com estrutura adequada para a triagem de material biológico, arqueológico e etnográfico, pormenoriza o Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovações (MCTI). 

Atualmente, está localizado na Reserva de Desenvolvimento Sustentável Mamirauá, próximo à confluência do Rio Japurá com o Rio Solimões. O Laboratório Satélite Peixe-Boi está localizado às margens do Lago Tefé na Reserva de Desenvolvimento Sustentável Amanã.

A estrutura se encontra em uma área de florestas de terra firme e é inteiramente construída em alvenaria, com uma área de 214,20 m2, informa o Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovações (MCTI).

5/5 - (1 vote)
Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.