Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

Avalie o Texto.

Lula diz que Bolsonaro tem que dar aumento do Bolsa Família

De acordo com ex-presidente, esquerda não pode reclamar de aumento do Bolsa Família decidido por Bolsonaro

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva quebrou o silêncio nesta quarta-feira (20) e falou sobre a questão do Bolsa Família. Em seu perfil oficial do Twitter ele disse que a esquerda não pode questionar esse aumento no valor do programa e disse que o seu partido defende até que essa elevação seja maior.

“Tô vendo o Bolsonaro dizer agora que vai dar R$ 400 de auxílio. Tem gente dizendo que é auxílio eleitoral, que não podemos aceitar. Não penso assim. O PT defende um auxílio de R$ 600 desde o ano passado. O povo precisa. Ele tem que dar. Se vai tirar proveito disso, problema dele”, disse Lula.

Em evento no Ceará nesta quarta-feira (20), o Presidente Jair Bolsonaro cravou que vai pagar o novo Bolsa Família no valor de R$ 400. Assim, ele contraria sua ala do Ministério da Economia que teme que esse nível de elevação acabe causando um problema nas contas públicas em um futuro próximo.

Parlamentares mais liberais estão criticando o Presidente justamente por esse motivo. Eles acreditam que esse aumento mais forte pode acabar se voltando contra a própria população mais pobre em algum momento. Na visão deles, a quebra no teto de gastos pode fazer com que menos empresas invistam no Brasil e isso poderia, ainda na visão deles, diminuir a oferta de empregos.

Por outro lado, parlamentares de esquerda também criticam Bolsonaro, mas por outro motivo. Eles afirmam que o Presidente estaria usando o programa para fazer apenas uma campanha eleitoral. Eles citam a ideia de que o projeto vai diminuir de valor no final de 2022, ou seja, depois das eleições presidenciais do próximo ano.

Anúncio cancelado

Aliás, a história de que o Auxilio Brasil subiria para R$ 40 começou a circular pela imprensa ainda nesta terça-feira (19). O Governo Federal chegou a agendar um evento no Palácio do Planalto para falar sobre esse assunto. Mas eles cancelaram o anúncio.

Aparentemente isso aconteceu por causa de uma forte reação negativa por parte do mercado financeiro. E isso ficou bastante claro ao observar o comportamento da bolsa brasileiro no momento em que a notícia do aumento vaza.

De qualquer forma, a fala do Presidente nesta terça-feira (19) no Ceará pode ser um indício de que ele não mudou de ideia. Não se sabe, no entanto, quando o Governo Federal vai poder fazer um novo anúncio sobre isso.

Auxílio em 2022

Não tem como negar. Os pagamentos do Auxílio Brasil em 2022 serão carregados de um forte teor político. Pelo menos pelo que se vê até aqui, líderes políticos deverão usar muito ele de argumento para a disputa eleitoral.

De acordo com informações de bastidores, até mesmo a troca do nome do programa deve acontecer por causa de uma questão política. Vários políticos estão falando sobre esse tema em suas redes sociais atualmente.

Vale lembrar ainda que Lula e Bolsonaro lideram a corrida presidencial até este momento. Pelo menos é isso o que mostram todas as pesquisas eleitorais até. Então pode ser que eles sejam adversários na campanha política de 2022.

Avalie o Texto.

Leia Também:

Está "bombando" na Internet:

1 comentário
  1. Karina Diz

    Lula roubou e ainda quer dar opinião ! Sai fora! As pessoas tem que ser muito burra pra aceitar ele dinovo! Tem vários vídeos dizendo com a própria boca que roubou! Agora se o povo estiver cego! Sou a favor do que é certo, não de injustiças com o povo!

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.