Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

Veja perguntas e respostas sobre a vacinação

No Brasil, até agora, duas vacinas já estão sendo administradas e chagaram ao país CoronaVac e a AstraZeneca. Ambas são aplicadas em duas doses para eficácia. Confira perguntas e repostas abaixo.

Entenda também a importância da vacinação para a economia. 

Com isso, pairam muitas dúvidas. Quando serei vacinado? Quando devo tomar a segunda dose? A vacinação é obrigatória? Já tive covid-19 posso me vacinar? Estou amamentando posso ser vacinada?

A BBC News Brasil elaborou um compilado de perguntas e respostas sobre e nós traremos um resumos dessas informações.

Confira abaixo dúvidas tanto para quem já teve covid-19 e informações gerais.

1) Quem já teve covid-19 pode tomar a vacina?

A resposta é sim, de acordo com o próprio Ministério da Saúde. “Não há evidências até o momento de qualquer preocupação de segurança na vacinação de informações com história anterior de infecção ou com anticorpo detectável pelo SARS-COV-2”, declarou o órgão.

2) Quando serei vacinado?

Como vou saber quando serei vacinado? Você tem essa dúvida? Tudo isso vai depender do calendário oficial da sua cidade e de quantos imunizantes ainda serão distribuídas pelo governo federal.

Cada cidade tem autonomia para, dentro dos grupos prioritários, definir quem será vacinado primeiro.

Algumas cidades estão disponibilizando um aplicativo para facilitar o processo. Procure informações no site da prefeitura da sua cidade e de mídias regionais.

Dependendo do grupo que você se encontra, a vacinação pode ficar até para 2022. 

3) Há vacinas para todo no país?

Ainda não, por este motivo o  Ministério da Saúde determinou os grupos prioritários para a imunização com base no maior risco para agravamento da doença e morte. Conforme o país receba mais doses, mais pessoas poderão ser incluídas.

Atualmente, os grupos prioritários são:

  • pessoas com 60 anos ou mais institucionalizadas
  • pessoas com deficiência institucionalizadas
  • indígenas vivendo em terras indígenas
  • trabalhadores de saúde
  • pessoas de 60 anos ou mais
  • povos e comunidades tradicionais ribeirinhas
  • povos e comunidades tradicionais quilombolas
  • pessoas com comorbidades
  • pessoas com deficiência permanente grave
  • pessoas em situação de rua
  • população privada de liberdade
  • funcionário do sistema de privação da liberdade
  • trabalhadores de educação
  • guarda de segurança, salvamento e Forças Armadas
  • trabalhadores de transporte coletivo rodoviário de passageiros
  • trabalhadores de transporte metroviário e ferroviário
  • trabalhadores de transporte aéreo
  • trabalhadores de transporte de aquaviário
  • caminhoneiros
  • trabalhadores portuários e trabalhadores industriais.

Por outro lado, em nota a BBC, o Ministério da Saúde afirmou que “o SUS é tripartido e, portanto, Estados e municípios têm autonomia para estabelecer a ordem de vacinação dentro das peculiaridades de cada localidade”.

4) Onde posso ser vacinado?

 

Dependo do que for definido pela cidade a qual reside. Na Fortaleza (CE), por exemplo, a prefeitura optou por imunizar os idosos acima de 75 anos em suas residências.

Ainda no Estado de São Paulo, todas as pessoas já aptas para a vacinação contra a Covid-19 poderão  fazer um pré-cadastro pelo site www.vacinaja.sp.gov.br .

Esse cadastro não serve como agendamento, porém, “vai garantir um atendimento mais rápido nos locais de vacinação e evitar a formação de aglomerações”, declarou o governo paulista.

“Quem não conseguir fazer o pré-cadastro não precisa se preocupar, pois a vacinação também será feito sem ele. Apenas será necessário fazer o cadastro completo na unidade de vacinação”, acrescentou.

5) Qual o intervalo entre as doses?

Quando devo tomar a segunda dose da vacina? Saiba que depende qual de qual imunizante disponível no Brasil você recebeu.

No caso da Coronavac, o intervalo entre as doses é de 02 a 04 semanas. Já na AstraZeneca é preciso esperar 12 semanas.

“Caso haja ocorrência alguma ocorrência que impeça o indivíduo de retornar no prazo determinado, orienta-se tomar a 2ª dose para completar o esquema”, diz o Ministério da Saúde.

6) Sou obrigado a tomar vacina?

Não é permitido o uso da força para aplicação, por outro lado você pode sofrer penalidades caso não seja imunizado.

Por outro lado, na prática, os imunizantes são obrigatórias. A vacinação em dia já é obrigatória para matrículas em escolas públicas, concursos públicos e Bolsa Família.

 

 

Leia Também:

Está "bombando" na Internet:

Acesse www.pensarcursos.com.br
Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.