Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

INSS: cerca de 4,9 milhões ainda não fizeram a prova de vida

De acordo com atualizações do próprio INSS, quase 5 milhões de pessoas ainda não realizaram a prova de vida

De acordo com informações do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS), algo em torno de 4,9 milhões de pessoas ainda não realizaram a prova de vida. Isso quer dizer que boa parte desses cidadãos estão prestes a perder o benefício previdenciário. Isso porque vários grupos estão vendo o prazo terminar.

Vale lembrar, no entanto, que esse montante já foi maior. Em agosto, por exemplo, algo em torno de 2,3 milhões de brasileiros decidiram não perder mais tempo e fizeram a prova de vida. Em tese, ainda de acordo com as normas do INSS, esses cidadãos estão com o benefício garantido, pelo menos nos próximos meses.

O estado que mais registra pessoas que ainda não fizeram a prova de vida é São Paulo. Por lá, algo em torno de 814 mil usuários ainda não realizaram esse processo. Em segundo lugar vem Minas Gerais. Cerca de 570 mil mineiros ainda não foram até a agência do banco para fazer a comprovação da vida desde o início desta pandemia.

O destaque vem da Bahia. É que o estado completa o top 3 de mais pessoas precisando fazer esse processo. Algo em torno de 482 mil baianos estão precisando ir ao banco para comprovar que estão vivos. Esta é a única maneira de seguir recebendo o benefício. E isso é muito importante sobretudo neste momento de dificuldade financeira para muita gente.

O Rio de Janeiro vem em quarto. São 402 mil fluminenses ainda precisando fazer a prova de vida. Muitos deles só poderão realizar esse processo até o próximo dia 30 deste mês. Logo depois, o benefício passa por um bloqueio. Pelo menos é isso o que dizem as regras do próprio Instituto Nacional para programas beneficiários.

Calendário

Com a pandemia do novo coronavírus, o INSS acabou retirando a obrigatoriedade da realização da prova de vida. Essa liberação durou vários meses do ano passado. Só que agora essa obrigação voltou a existir.

Para tentar atualizar as datas, o INSS criou uma espécie de novo calendário. Agora, a pessoa precisa saber quando era o vencimento desse processo no último ano, para saber quando é o novo prazo final este ano.

Quem tinha vencimento previsto para setembro ou outubro do ano passado, por exemplo, precisa fazer a prova de vida até o próximo dia 30 de setembro. As pessoas desse grupo que não fizerem isso poderão ter o benefício bloqueado.

Confusão sobre prova de vida

Esse é um assunto que naturalmente causa um pouco de confusão nas pessoas normalmente. Este ano, então, parece que tudo conseguiu ficar um pouco mais complicado para os usuários dos programas previdenciários.

Recentemente, o Congresso aprovou uma nova suspensão da obrigatoriedade da realização da prova de vida. No entanto, o Presidente Jair Bolsonaro vetou essa parte do projeto. Então o calendário de adaptação do INSS segue valendo normalmente.

Vale sempre lembrar que não é necessário esperar até a data do mês de vencimento para fazer a prova de vida. É apenas necessário verificar como esse processo está acontecendo no seu banco. Isso porque essas situações costumam ter algumas alterações a depender da agência.

Leia Também:

Está "bombando" na Internet:

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.