Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

5/5 - (1 vote)

Gestão multifatorial: estratégias holísticas na era digital 

A gestão de uma empresa é multifatorial na era digital. Confira apontamentos estratégicos e relevantes para administrar a sua marca!

A definição estratégica de uma empresa digital é multifatorial, ainda que a gestão tenha clareza sobre quais são os seus valores e a sua visão.

Gestão multifatorial: estratégias holísticas na era digital 

Diversos fatores devem ser considerados por uma empresa na era digital. Por isso, definir suas estratégias requer uma visão ampla e abrangente sobre o mercado e seus fatores externos. O resultado de uma empresa na era digital requer uma análise ampla de conceitos e dados para que a gestão consiga alcançar seus objetivos, contornando os fatores externos não controláveis.

A economia impacta o mercado e o poder aquisitivo do cliente

A economia atual é inconstante, impactando o mercado de forma global. Visto que a pandemia oriunda do novo coronavírus e o atual conflito entre a Rússia e a Ucrânia são fatores que impactam diretamente o fluxo de oferta e demanda de forma abrangente. Sendo assim, são fatores passíveis de acompanhamento no que tange às políticas públicas nacionais e as ações internacionais. 

A tecnologia impacta a gestão empresarial

Além dos fatores externos relacionados à política e a economia, a gestão de uma empresa deve se atualizar sobre seu concorrente e sobre a tecnologia. Visto que o seu concorrente estimula o cliente para que modifique hábitos e troque o produto ou serviço de sua preferência, ao passo que a tecnologia pode tornar a sua marca obsoleta, caso não se atualize.

Dessa forma, é possível entender como pequenas mudanças podem direcionar uma empresa através da resiliência e da adaptabilidade à realidade do mercado atual.

A escalabilidade e a inovação

O investimento em tecnologia não é opcional para uma empresa na era digital. Entretanto, esse investimento pode ser planejado de forma holística, considerando os valores da empresa, as mudanças dentro do seu segmento e a escalabilidade como uma necessidade real para uma empresa de pequeno porte.

Dessa forma, é possível que a gestão da empresa seja feita de maneira otimizada e direcionada, construindo uma relação positiva com o seu público-alvo.

Otimize fluxos internos de forma flexível 

Portanto, a otimização dos fluxos operacionais e a inovação nos processos são fatores de extrema valia para o futuro de uma marca na era digital. Sendo assim, é válido o planejamento estratégico flexível desde o surgimento na empresa. 

No entanto, essa flexibilidade não diz respeito a mudar o seu foco, e sim ao fato de contornar situações não controláveis para que a empresa continue funcionando e não perca a qualidade mediante uma situação de crise.

5/5 - (1 vote)
Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.