Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

Gasolina ou energia elétrica? Veja qual combustível possui custo mais baixo

Com o preço da gasolina e combustíveis em alta, os carros elétricos ganham mais atenção dos consumidores. Porém, a energia elétrica também está em alta, por conta da crise hídrica, que torna a geração de energia mais custosa. Nesta semana, a Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) anunciou reajuste nas contas de luz.

Assim, fica a dúvida, quanto custa rodar com um carro movido a gasolina ou etanol? É importante saber qual o valor por km rodado e até que ponto um carro movido a bateria elétrica pode ser mais econômico que um movido a combustível. Ainda mais com o impacto do aumento das contas de luz.

Para o cálculo do custo por km rodado em um modelo a gasolina, será usado como referência um Chevrolet Onix, carro mais vendido do Brasil. O carro, com um motor 1.0 turbo flex, que também é capaz de rodar com etanol, declara um consumo de 13,9 km/l na cidade e 16,7 lm/l na estrada com gasolina. E com etanol, 9,9 km/l e 11,7 km/l.

O preço da gasolina no estado de São Paulo está atualmente em R$ 5,405 e o custo do etanol está em R$ 4,215. Sendo assim, com uma média de 12.000 km rodados em um ano, o custo com gasolina para este modelo de carro em um ano ficaria em R$ 4.560 na cidade e R$ 3.840 na estrada, respectivamente. Já no caso do etanol, o custo em um ano ficaria em R$ 5.040 e R$ 4.320, respectivamente.

E em relação aos carros híbridos?

Os carros híbridos são os carros mais eficientes por combinarem motor a combustão, que usa gasolina, e um ou mais elétricos para melhorar consumo e emissões. Para cálculo desse cenário, a referência será o Toyota Corolla Altis Hybrid, que é um dos carros mais acessíveis do mercado com essa tecnologia.

O consumo declarado do Corolla híbrido com gasolina é de 16,3 km/l na cidade e de 14,5 km/l na estrada. Assim, usando o mesmo valor de R$ 5,405 por litro de gasolina e tomando a mesma média de 12.000 km rodados em um ano, o gasto com o combustível para este modelo ficaria em R$ 3.960 e R$ 4.473, respectivamente.

Como o motor do Corolla Híbrido também é flex, é possível fazer o mesmo cálculo com o etanol. O consumo declarado com etanol é de 10,9 km/l na cidade e 9,6 km/l na estrada. Levando em consideração o mesmo custo de R$ 4,215 por litro do combustível, o custo em um ano ficaria em R$ 4.560 na cidade e R$ 5.160, respectivamente.

O custo dos carros elétricos vale mais que a gasolina?

Será usado como referência o preço da conta de luz na cidade de São Paulo (SP), onde o custo por kWh passou a ser R$ 0,85 no fim deste mês. O carro usado para o cálculo será um Renault Zoe, que possui um consumo de 0,13 kWh/km. Lembrando que o carro elétrico é bem mais eficiente na cidade do que na estrada, onde a bateria acaba mais rápido.

Sendo assim, levando em consideração os mesmos 12.000 km rodados em um ano, o Renault Zoe vai custar R$ 1.835 considerando que o carro tenha um consumo ideal. Deste modo, pode-se ver que o consumo de gasolina acaba saindo mais caro a longo prazo do que de carros elétricos, mesmo com a alta do preço das contas de luz.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.