Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

3.8/5 - (194 votes)

Fim da multa de 40% do FGTS e do seguro-desemprego em 2022

Há algumas semanas, um tema entrou em evidencia entre os trabalhadores de todo o país. Foi divulgado que o seguro-desemprego e a multa rescisória de 40% do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) poderiam encerrar definitivamente.

Na realidade, o fim dos benefícios, normalmente concedidos aos trabalhadores demitidos sem justa causa, foi sugerido em um estudo realizado pelo GAET (Grupo de Altos Estudos do Trabalho), grupo formado pelo Governo Federal em 2019. Naquele mesmo ano, o presidente Jair Bolsonaro afirmou que não iria implementar as mudanças propostas.

Em síntese, a proposta do GAET, formado por economistas, juristas e acadêmicos, tinha como objetivo criar um único fundo de proteção ao desemprego, custeado pelo empregador e pelo Governo Federal.

Desta forma, os valores dos benefícios que seriam ocasionalmente repassados aos trabalhadores demitidos sem justa causa, seriam encaminhados ao FAT (Fundo de Amparo ao Trabalhador).

Por sua vez, o FAT teria responsabilidade de abastecer as contas do FGTS vinculadas aos trabalhadores que recebem até um salário mínimo e meio. Neste sentido, o montante seria distribuído entre as contas em um prazo de até 30 meses.

Os depósitos seriam equivalente a 16% do salário do trabalhador. Sendo assim, os repasses mensais seriam de 24%, contando com a distribuição mensal de 8% da remuneração já realizada pela empresa nas contas de seus funcionários.

Assim, após os 30 meses de depósitos, os trabalhadores atingiriam 7,2 salários mínimos nas contas do FGTS e o governo deixaria de depositar os 16%. Lembrando que os 8% depositados pelo empregador continuariam sendo creditados.

No mais, o valor desses salários nas contas do FGTS dos trabalhadores passaria por uma correção monetária, segundo os índices praticados pelo governo para elevar a renda dos empregados.

A ação faria com que, quando os trabalhadores completassem 12 salários mínimos na conta do FGTS, os mesmos teriam direito de sacar os 8% depositados todos os meses pelas empresas responsáveis.

Mas a multa de 40% e o seguro-desemprego podem mesmo acabar?

Vale destacar que as duas propostas foram apresentadas pelo GAET no ano de 2019 (fim da multa do FGTS) e em 2020 (fim do seguro-desemprego).

Todavia, desde então, após a apresentação do último relatório não houve nenhuma movimentação do governo ou do próprio GAET apontando para uma nova possibilidade de acabar com os benefícios.

Prova disso é que em todos os momentos aos quais o presidente Jair Bolsonaro, ou qualquer outro membro da Economia é questionado sobre o tema, todos negam a possibilidade.

Recentemente, inclusive, o jornal Folha de São Paulo publicou uma matéria em que afirma ter tido acesso a uma série de minutas de Medidas Provisórias (MPs). Os textos, supostamente escritos por membros do Ministério da Economia, previam a diminuição dos ganhos dos trabalhadores com o FGTS em diversas situações.

O Ministro da Economia, Paulo Guedes, voltou a falar sobre a proposta de diminuição da arrecadação do Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS) para os trabalhadores. Em contato com a jornalista Andrea Sadi, da emissora Globo News, ele disse que “detonou e recusou” a ideia que estava sendo discutida sobre o tema.

Embora diga que é contra o plano de corte no FGTS para os trabalhadores, Guedes confirmou que procura uma maneira de diminuir os chamados encargos trabalhistas. Ele disse que analisa dezenas de ideias, mas que nenhuma delas está pronta ou definida para sair do papel nos próximos meses.

3.8/5 - (194 votes)
98 Comentários
  1. Nilton Diz

    Como diz a bíblia, ” O mundo está na mão do iníquo”.
    É muito simples, o que nos resta fazer, é a nossa parte com responsabilidade e conhecer e escolher a quem entregamos o comando. Mas estamos falando de sistemas de governo, então não pensem somente no poder executivo. Pois a maior parte dos problemas vem do legislativo e judiciário.
    Vamos tirar todos os que estão lá, usando nossa melhor arma, que é o voto.
    O resto não vale mais a pena discutir.

  2. Carla Diz

    Caraca, como tem gente que so sabem criticar,meu Deus do céu,tenho pena de vcs,com a mente tao pequena e desinformados,abrem os olhos e vao atras da verdade,vcs so sabem apontar, olham as coisas boas da vida ,pra de vcs melhorarem,vamos ler mais,criticar menos,tirem as vendas dos olhos.

  3. Roberto Diz

    Lendo alguns comentarios e nitido que a maioria nao leu a materia, somente leram o titulo, em nem um momento se fala de retirar direitos do trabalahado , e outra em alguns comentarios ainda citao o ministro da ecomnomia como carasco do trabalhador , leiam a materia o proprio afirma sim em diminuir os encargos trabalistas para o empregador mas nao diz em retirar direitos do trabalhador,

  4. Luh Diz

    Ainda tem os problemáticos que ver o Brasil indo pra fundo desse buraco mais só lembram de PR e pq essedesgoverno não trabalha para o povo ao invés de beneficiar bancários e grandes empresários? quem está no poder não é o PT então pq culpar PT ? Tá bom de começarem a trabalhar de vdd e não ficar gastando o dinheiro público e tirar mais ainda do pobre

  5. Ney Diz

    Nós já ganhamos salário que é uma miserável ainda querem acabar com um pouco benefício que nos temos 😠😠😠
    Enquanto eles aumentaram Futuna pra eles rebanho de vagabundo e ladrãos

  6. A.D F Diz

    Tão vendo, esta notícia esta saindo no governo do Bolsonaro, então ele não pode ganhar se não os trabalhadores vão perder os 40%.

  7. Ricardo Diz

    Sensacionalista essa matéria, o pior é os comentários de quem só leu o titulo

  8. Estolano Diz

    Cadê o Alexandre de Moraes que não vê essas notícias, fake do governo é vigiada já dá oposição, pode.

  9. Toutonge Diz

    Bando de políticos ladrões que ganham muito além do roubo que fazem, Pra não fazerem nada. Querem mexer no direito do trabalhador que ganha um salário miserável. O povo tem que ir as ruas brigar por seus direitos e parar de se vender ou votar em bandeira.

  10. Leandro Diz

    Mais que desgraça que é essa? A única coisa que o probre tem é vocês do governo, cambada de ordinário inventar uma dessa! O pobre já sobrevive nessa maldita crise e agora mais essa… O negócio é reunir uma galera e cometer umas maldades pra cima desse governo maldito e corrupto!!! Tá achando que o brasileiro é o que em????

  11. Alexandre Diz

    Essa multa nunca se enquadrou no normal a ser paga.O pq deve ser paga se todos os salários,impostos,etc ja foram pagos.Isso prejudica os pequenos empresarios,funcionarios não concordam lógico pq recebem um dinheirinho a mais sem fazer nada.Deveriam tirar essa multa de 40% e o trabalhador receber só oq é de direito não esses 40% que é mais uma esmola pra ele gastar no mercado e quebrar os pequenos empreendedores.

  12. Ionne Diz

    Tudo que esse desgoverno puder fazer para desgracar a vida dos trabalhadores ele ja fez, faz e fara. Reforma trabalhista que so beneficiou os “patroes”, os ricos. Agora mais essa. E o povo otario so observa. Mas ja esta cansado. Uma hora acaba a inercia e ai…melhor nao pagar para ver!!!@ ja chega!!@@@

  13. Marcelo Diz

    A única Garantia que o trabalhador desempregado teria, esses malditos querem acabar. E vcs jornalista que não têm o que escrever ficam insistindo no assunto…

  14. Cilene Diz

    Ridículo e mal intencionado o título da matéria o fim da multa de 40%sobre o montante do FGTS e o do seguro-desemprego NÃO são sequer tema de discussão dentro do governo federal.
    O Presidente Jair Bolsonaro já disse mais de uma vez que NÃO IRÁ MEXER NISSO.
    Então eu pergunto a esse site PARA QUE FAZER SENSACIONALISMO BARATO?
    Falta de assunto? Preguiça? Incompetência? Ou será para criar clima de animosidade contra o governo em razão das próximas eleições?
    Lamentável!

  15. Martim Diz

    Bom, dando uma olhada no comentários, de fato 90% não leram a reportagem.
    Simplesmente comentaram sobre o que entenderam da manchete.
    É assim que a desinformação vai adiantar.

  16. Martim Diz

    Lendo a manchete dá a ideia de que o governo tirou esse direito dos trabalhadores.
    Porém lendo o texto, não é nada disso.
    Então, resta saber qual foi a intenção da manchete.
    1. Apenas chamar a atenção para o tema?
    2. Apostando que a maioria passa por cima e não lê os textos, induzir o leitor a uma informação falsa sobre o governo?
    De tantas reportagens maldosas que diariamente são veiculadas em textos, tv, que parece mais militância política do que jornalismo, paira a dúvida.

  17. George Diz

    Resumindo mais uma fake news que muitos desinformados,ou mal informados caem.

  18. Rodrigo Diz

    Normal tudo que ferre com o trabalhadores eles dão um jeito de criar agora quero ver tirar uma s benefícios de tudo que estirpe pros políticos nesses esses especialistas ricos não mechem

  19. Gi Diz

    Só no cool do trabalhador!! Raça nojenta.

  20. Anailton Diz

    Saulo isso é piada, ou uma comédia?. O trabalhador que rala , rala o mês inteiro e na maioria ganha um salário mínimo que não dá nem pra se alimentar e ainda vem esses políticos bandidos tirar os nossos benefícios. Eles podem ter auxílio disso auxílio daquilo , vários auxílio. Já o trabalhador o pouco dos direitos que tem ainda é tirado.

  21. Atacilio Ribeiro de Carvalho Diz

    Bom. Em resposta ao Paulo Guedes.Com suas ideias mirabolantes. Para retirar os direitos dos trabalhadores. Que carregam esse país nas costas dando suas vidas no trabalho. Seu Paulo Guedes você tem que tomar vergonha na cara e pedir demissão na função de economista. Desse governo incompetente do governo Bolsonaro. Quero lhe dizer seu banqueiro Paulo Guedes. Seja homem com H não seja muleque. Quer dizer que para você como ministro incompetente. Para melhorar a economia é necessário arrancar ou acabar com os direitos dos trabalhadores como os 40% do FGTS e o seguro desemprego. Retira os nossos direito e mole ou e fácil de mas. Nós temos um povo covarde que não luta pelos seus direitos Quando vemos um governo maldito e malandro que só enxerga a melhoria de seu governo e retirando os direitos dos trabalhadores. Vou lhe dar uma ideia melhor para melhorar a economia do seu governo. Vamos tirar todos os benefícios dos a começar pelos ministros, parlamentares e dos juízes e dos embarcadores de todos os estados do Brasil. Será que você Paulo Guedes e junto com o seu incompetente do Bolsonaro. Tem coragem ou tem medo. Tem que tira dos mas fracos. Vocês dão sorte que o povo brasileiro não luta como o povo da França. Um povo que não deixa o governo fazer o que quer com os seus direitos já conquistados a mas de 50 anos ou mas. E aí vem um economista de araque que tem envolvimento com estrábico de fundo de pensão de 7 empresas. E convocado para ser ministro da economia. E muita falta de vergonha na cara. E ainda tem uma turma de cegos e lunático que apoia a reeleição desse incompetente do Bolsonaro. Seja um presidente do povo .pois como parlamentar você não foi em 28 anos e em 4 anos só fez merda encima de merda. Só fez duas reformas para retirar os nossos direitos. Mas nada de bom você fez. Retire a sua candidatura. Para reeleição . Porque você como presidente não presta.

  22. Linsmar Diz

    Que necessidade tem de vcs noticiarem isso. Se desde quando não foi aprovado e nem se quer mencionado pelo presidente ou por Paulo Guedes. Irresponsáveis

  23. Antônio Diz

    Com o fim dos direitos trabalhistas, porquê não repassar para o salário é só repassar os direitos que foram retirados para os salários já que o governo não quer fazer nenhuma distribuição para o trabalhador aumentar o salário, tenho certeza que se fosse com eles eles já tinham arrumado alguma coisa pra não perder nada,

  24. Luiz Diz

    festa junina !
    …olha a chuva?
    é mentira .

  25. Luiz bajar Fagundes Diz

    E uma vergonha essas leis que estão fazendo acabando com direitos do trabalhador sem palavras porque eles não corta os altos salários deles e mordomias que muitos tems

  26. Rafael Diz

    Que título merda. Click bait dos infernos. Título pra deixar quem não lê a matéria preocupado. É por isso que o jornalismo está cada vez mais desacreditado.

  27. Leandro Diz

    porque esses bandidos não acabam com as mordomias deles o trabalhador que trabalha de Sol a Sol e ganha uma mixaria e tem que se desdobrar para pagar suas contas fazer feira e ainda bancar os roubos de todos porque não tirão a os 5000 de vale refeição deles e os auxílio palito e o auxílio moradia desses bandidos , agora a casa do meu primo caiu e eles estão pagando 200 reais de auxílio moradia .me digam onde tem pelo menos um quarto por 200

  28. Nivaldo Diz

    Eu sei, Paulo Guedes quis dizer que ñ está pronto para esse assunto até a eleição depois da eleição se bozo ganhar aí a lei está diretamente aprovada. Só que o PT partido do trabalhador já ganhou essa mais uma vez 👏🔝🇧🇷🙏

  29. ROQUE matana Diz

    Enrolou, enrolou e não explicou nada tentando tirar mais um direito do trabalhador

  30. Marcilene Diz

    Acho um absurdo corta o seguro desemprego e os 40% do FGTS fala sério trabalhador nesse país só se lasca meche no auxiliar Brasil,da auxílio pra muitas pessoas que não precisa muitas não querem nem trabalhavpor causa disso e que ferra trabalhado

  31. Marcilene Diz

    Acho um absurdo corta o seguro desemprego e os 40% do FGTS fala sério trabalhador nesse país só se lasca meche no auxiliar Brasil

  32. Claudio Diz

    Seria uma ótima ideia se tirasse o seguro desemprego e o FGTS, mais pra isso teria que aumentar o salário mínimo igual existe em muitos países da Europa que não tem direitos trabalhistas e o salário supre as suas necessitades, pois um funcionário registrado da despesas de três .

  33. Carlo Diz

    O povo infelizmente deixa os políticos fazerem o que querem, roubam roubam roubam. Tenho certeza que um dia isto vai acabar. Tanta injustiça. Querem tirar nossa multa para passarem para eles este valor. O povo burro que não enxerga nada. Tá na hora disto acabar.

  34. Juliana de Abreu Diz

    Eu não sei se é verdade ele sempre manda a proposta para mim mas quando eu faço o cartão nunca vai meu empréstimo

  35. Sergio Henrique Vieira De Assis Diz

    Acho q tem q tirar o direito de regalias e benefícios é dos políticos que já ganham um ótimo salário e que não fazem nada para povo brasileiro, tinham que mudar a lei para prender políticos corruptos bloquear as contas deles e devolver tudo q foi roubado e ficar preso sem benefícios de saidinha,já estamos cansados de corrupção.

  36. Sheron Diz

    Tenho algumas moedas das olimpíadas, gostaria de vender. Como faço?

  37. JR Santos Diz

    Se eu fosse funcionário público também apoiaria essa idéia de gênio! E olha que precisou sentar juristas, economistas e o governo para chegar nessa obra prima… Um claro sinal de que inteligência e estudo são duas totalmente diferentes. Parabéns Jair! Você como um cara que está provando que faz muito mais merda do que fala. A maior delas é conseguir ao longo do seu mandato ser o cabo eleitoral do bandido.👍🏼

  38. Mauricio Nunes Da Rocha Diz

    Porque não fazem a reforma dos altos salários de políticos ao invés de querer prejudicar o trabalhador que tem o FGTS como uma garantia de quando sai do emprego até achar outro lugar

  39. Regi Diz

    Bolsonaro neles, só mexe nos trabalhadores. Onde vamos para?…

  40. João alves Diz

    E o trabalhador cada vez mais perde seus direitos…já estamos caminhando para o fim da aposentadoria, agora diminuição dos benefícios trabalhistas…complicado esse país!

  41. Eu Diz

    Pinta a banda de vermelho, que se aparecer….

  42. Eronildo Delmondes Diz

    Eu não duvido nada desse desgoverno

  43. Juliano Frutuoso de Almeida Diz

    Um ponto positivo que vejo dessa alteração é que hoje muitas pessoas não pedem a conta justamente para não perder a multa, logo o funcionário não tem nada para perder de desligando da empresa. Muitas pessoas acabam perdendo excelentes oportunidades de emprego por causa da multa.

  44. Lilian Janaína Diz

    NO FIM QUANTO MSIS POBRE O TRABALHADOR FICAR ….MELHOR PARA OS PICARETAS DO MERCADO FINANCEIRO FICAR MAIS RICO E SEM PRODUZIR RIQUEZA…JA QUE É UM CAPITAL IMPRODUTIVO . ESSE PAULO GUEDES É O ECONOMISTA MAIS BURRO QUE JÁ APARECEU…QUANTO MAIS POBRES TIVER , MAIS RICO A ELITE DO ATRASO FICA.

  45. Silva Diz

    Pq num acabar com altos salários dos políticos e STF g é só no nosso

  46. Jorge Diz

    Não estão fazendo nada nem movimentando devido ser ano eleitoral, imagina tirar esses benefícios adquiridos ao longo de anos que na verdade é um recurso que mantém o trabalhador após perder o emprego não ganharia as eleições de forma nenhuma. Deixa ele vencer para ver se não é votado e colocado em prática essa ideia do fim dos 40% e do seguro desemprego. Nossa economista é empresário ele quer alívio para ele os pobres que se dane.

  47. Ronaldo Diz

    Estranho. Porque 1 mês atrás consultei o fgts e constava saldo para fins rescisórios.
    Nessa semana consultei novamente e estava zerado.

  48. Edimar Diz

    Troca o nome dessa matéria porque o título é enganos e causará discórdia palhaçada… Vocês usam de um notícia mentirosa pra atrair pessoas me enjooa isso.

  49. Darley Diz

    Lula 2022

  50. Eduardo Diz

    Esse projeto é bem antigo, é dos governos de esquerda. Mas até hj não foi a frente. Mas entendo que seria uma boa o fim do fgts bem cm a multa de 40% e os encargos trabalhistas. Iria diluir tudo ao salário do trabalhador e ia acabar com a mamata dos governos.

  51. Ramanci Diz

    Engraçado que nenhum político fala em retirar os inúmeros “benefícios” que despojamncom dinheiro público de suas atuais regalias. Salários absurdos, vantagens extravagantes, e só proposta para tirar ainda mais de quem não tem!!!

  52. Everaldo do nascimento Diz

    Uma pena e ao mesmo tempo uma vergonha de um governo eleito por uma nação na sua grande maioria composta de trabalhadores que num país cheio de incertezas a última certeza que temos é de que quando formos demitidos dos nossos empregos vamos ter um dinheiro garantido por um governo que lá no nosso passado realmente pensou na sua nação como um todo…ao contrário dos nossos governantes nos nossos dias atuais que só pansam em nos ferrar liralmente. Sol um pai de família e um trabalhador que um dia acreditou no nosso país, mais hj em dia tenho vergonha de dizer que sou brasileiro, cada vez mais deixo de acreditar na polica no Brasil… porque nos políticos já não acredito a muito mais muito tempo mesmo.

  53. Elis Diz

    Que HORROR aí invés de melhorias aos pobres querendo retirar…

  54. Jose Fernandes Diz

    Estou aposentado, graças a Deus não preciso mais correr atrás de emprego.

    Tem que tirar todos os benefícios dos trabalhadores da iniciativa privada.

    Tem que facilitar a vida do empreendedor (Empresário) tirar esses custos absurdos da folha de pagamento.
    Gerar mais empregos é a solução para Economia manter o Estado e seus milhões de funcionários.

    Equiparar todos trabalhadores do Brasil, sendo eles público ou privado.
    Assim como tempo de serviço e aposentadorias.

  55. Marcelo Diz

    Ou seja, só conversa fiada. Nenhum governo é louco de mexer num vespeiro desses, pois seria um tiro no próprio pé.

  56. Sandra Diz

    Daqui a pouco vão querer que agente trabalhe de graça.querem comer até o dinheiro da gente.

  57. raignodbs@gmail.com Diz

    O pobre já não tem nada e bem consegue juntar dinheiro com tá tantas contas mensais sua esperança de comprar um carro ou dar entrada no tal sonhado ao é através do fgts e ainda querem fazer isso . Aí fica difícil.

  58. Marcelo Diz

    Eu acredito que a reforma seja necessária, mas também acho necessário que diminuam os benefícios e façam uma reforma nível europeu nos salários dos nossos parlamentares, juristas, desembargadores, etc…
    São uma classe que ganham muito além do que deveriam.

  59. Juliana Coelho Diz

    O governo sempre tentando achar uma forma de tirrar nossos direitos, tentando achar um modo novo de roubar nosso dinheiro. Daqui a pouco vão achar um modo de todos os trabalhadores trabalherem sem receber nada. Daqui a pouco vão dar uma idéia das pessoas trabalherem de graça.

  60. Gérri Diz

    É óbvio que este plano só estará em pauta após as eleições , caso Bolsonaro seja reeleito .

  61. Caio Diz

    Título tendencioso e engana o leitor, por mais que seja a sua estratégia pra ganhar visualização, é de um nível muito baixo e que representa muito bem a sua página falida.

  62. Francismar Couto Diz

    Ele afirmou ter ideias que não estão prontas para saírem do papel nos próximos meses. Como esse é um ano de eleições, caso ele permaneça no governo juntamente com Bolsonaro na presidência, é possível que essas ideias amadureçam logo no começo do próximo mandato.

  63. Braian Diz

    Vai gerar mais empregos, confia

  64. Benito Diz

    Hoje os trabalhos são praticamente contratos , três meses e você já é desligado da empresa , difícil alguém nesse país hoje durar mais que um ano em uma empresa , foi se o tempo que havia estabilidade , depois dessa reforma , os empresários deitam e rolam sem respeito nenhum ao trabalhador , e o rico cada vez + rico.

  65. Stefano Diz

    Seguramente o que trava o país crescer é os encargos desproporcional em cima dos empregadores e o trabalhista é um deles simplificar e deixar mas justo essa relação é o caminho do sucesso mesmo porque a maioria das empresas hoje são pequenas de pé de igualdade com os empregados

  66. Gimenis Ribeiro Diz

    Esses camaradas são uns safados mesmo né, para diminuir nossos benefícios eles rapidinho acham maneiras, mais para diminuir o salário deles vixiiiiii nunca pode. Bando FDP isso que eles são. E por isso que não acredito em político nenhum.

  67. Marco Diz

    Queria saber qiando os jornais vao parar com essa idiotice de enganar as pessoas com chamadas fakes, oh falta de respeito

  68. WILLIAM Diz

    Leia a matéria completa amigão

    Todavia, desde então, após a apresentação do último relatório não houve nenhuma movimentação do governo ou do próprio GAET apontando para uma nova possibilidade de acabar com os benefícios.

    Prova disso é que em todos os momentos aos quais o presidente Jair Bolsonaro, ou qualquer outro membro da Economia é questionado sobre o tema, todos negam a possibilidade.

  69. Daianesilvacarvalho57@gmail.com Diz

    O engraçado e que nisso e so o pobre que se lasca enquanto eles so ganham

  70. WILLIAM Diz

    Uma NÃO notícia. Parabéns método Paulo Freire implantado com sucesso.
    Quando você lê a “notícia” ela desmente o título ao dizer :

    Todavia, desde então, após a apresentação do último relatório não houve nenhuma movimentação do governo ou do próprio GAET apontando para uma nova possibilidade de acabar com os benefícios.

    Prova disso é que em todos os momentos aos quais o presidente Jair Bolsonaro, ou qualquer outro membro da Economia é questionado sobre o tema, todos negam a possibilidade.

  71. Dener Diz

    Meu caríssimo ministro da economia vc com sempre tentado beneficiar os grande empresários de muti nacional. Pq vc e o ministro do trabalho não se junta-se e realmente fazem coisas que vam ajudar os trabalhadores com o trabalhador trabalhar apenas por produção e o salário do trabalhador se baseado no lucro da empresa e acabar com essas tal 44 horas semanas . A pessoas vai receber oq produzir.

  72. Jorge Diz

    Estudar economia em um país com o sistema corrupto e subdesenvolvido o formando só aprende subtrair do povo , baseado em análise de que os impostos e arrecadação do governo nunca são suficientes…a política brasileira está blindada com direitos constucionais e imunidade para roubar. O povo é um mero eleitor com direito a um salário mínimo congelado, com o dever de envelhecer trabalhando, se chegar a se aposentar , logo ,logo morrerá no “Sus” uma espécie de açougue para despachar os restos .

  73. Shinobi Diz

    Click bait desgraçado, por favor Saulo, vai escrever pro Sensacionalista…

  74. Andrew Diz

    Poderia tirar esses benefícios que esses políticos têm,esses crl só presta pra roubar o povo,nunca é pra beneficiar ,eles roubam e a gente que paga.ldrao

  75. Sabrina D Rodrigues Diz

    Triste ler a chamada da matéria o Google! Ela induz ao erro. A imensa maioria das pessoas não entra no link, nem sequer lê a matéria completa.
    A matéria desmente completamente o título publicado no Google.
    Vocês deveriam ter mais responsabilidade ao publicar um artigo.

  76. Wagner matos Diz

    Esse tipo de projeto é uma vergonha, tirar um direito conquistado pelo trabalhador, nós trabalhadores contamos com esse benefício no caso de uma demissão, o povo não consegue juntar dinheiro em poupança pq não sobra, comida cara,, gasolina cara e salário não acompanha. Se falta dinheiro no governo existe outras alternativas, pq não diminuem os parlamentares? Pq o salário dos empregados do povo, sim pq todos só estão aí graças ao voto, pq não diminuem e corta os privilégios, salário de 2000 reais pra vereador já estaria muito bom, governador e o resto da cambada no máximo até 5 mil. Qual trabalhador tem casa de graça, auxílio combustível, empregados para serviços, qual trabalhador aumenta seu próprio salário? Vergonha pensar que mexer no bolso do pobre vai resolver!! Político deveria dar exemplo, no mínimo coçar seus filhos na escola pública…pq não o fazem?

  77. Elygio Diz

    Em nosso país, os únicos que sustentam as benesses em todos os níveis são os empresários e empreendedores, pois são estes que geram empregos e renda. O restante vive ou quer viver destas benesses geradas pelos mais altos impostos de que temos notícias. Além de arcar com todas as despesas de seu negócio, os empresários ainda são os responsáveis por arcar, pós emprego, com uma multa de 40% sobre o FGTS, muitas vezes sendo obrigados a demitir péssimos funcionários. E quem é o responsável por depositar o FGTS? Também o empresário. Deposita e, posterior, ainda tem que pagar uma multa sobre o que depositou. É uma vergonha, um escracho total, uma inversão de papéis. Devemos ter a liberdade de admitir e demitir quem bem entendermos, sem sermos obrigados a recolher ou pagar subsídio algum. É este um dos maiores motivos de vermos carteiras de trabalho de funcionários com passagens por várias presas em curto espaço de tempo. As benesses têm que acabar. O funcionário deve zelar pelo seu emprego, trabalhar com afinco, pois é dele que provém o seu sustento. E, quem não concordar, que saia da sua zona de conforto e venha para a iniciativa privada. Venha gerar emprego e renda. Com certeza, vai ser muito fácil!!!

  78. Rafa Diz

    Pobre votando no Bolsonaro é isso q acontece kkkkk,perde seus direitos trabalhistas e ainda terá q trabalhar na idade avançada pra aposentar se é q consegue chegar lá vivo

  79. SERGIO ARAUJO Diz

    Parem de ficar postando Fake, isso não vai acontecer e vocês sabem disso. Parem de tentar manipular a cabeça das pessoas.

  80. Marcelo Davi Bohn Diz

    Talvez uma tabela proporcional ao tempo de trabalho do colaborador seria ideal.Pois sabemos que hoje 40% de multa sobre fgts e bastante pesado.Ja o seguro desemprego penso que para usufruir deveriamos aumentar o prazo minimo de vinculo empregaticio, pois tem gente que trabalha o prazo para ter direito ao seguro e hora de levar um pe no traseiro.

  81. Carla Diz

    O mais engraçado é que no salário e benefício dos políticos… Ninguém mexe né… Mas no trabalho ferrado kkkk aí sim ele rapidinho arrumar uma nova desculpa.

  82. Suelen Diz

    Porque é um governo contra pobre, oras. Falta de aviso não foi. Estamos colhendo os frutos dessa escolha como presidente.

  83. José Diz

    Tema da reportagem extremamente tendenciosa, não condiz com a reportagem de forma alguma!

  84. Angelita Diz

    Acho que devem diminuir o salário dos deputados e senadores antes de tirarem o seguro dos emprego que e direito do trabalhador e os 40% acho que eles querem nos decha sem nada querem nos faser de escravos.

  85. Natália Diz

    Fgts querem diminuir querem acabar com seguro desemprego e tudo mais, mas o inss q a gente nunca vai conseguir ter nunca vai se aposentar se n for por invalides ta la descontando certinho todo mês, bando se salafraios e ainda querem q a economia gire como se o povo vai ficar com menos dinheiro e mais divida. RIDÍCULO

  86. Nelson Diz

    Se sua fonte é a folha, não tem credibilidade, outra coisa isso teria que passar pelo congresso que provavelmente não passaria. Seja mais honesto nas matérias. abraço

  87. Nelson Diz

    Se sua fonte é a folha, não tem credibilidade, outra coisa isso teria que passar pelo congresso que provavelmente não passaria. Seja mais honesto nas matérias. abraço

  88. Ricardo de Oliveira chagas Diz

    Já chega o monte de perdas já implementadas por isso que taí ainda querem ferrar mais ainda o trabalhador

  89. Fabio Diz

    Tem que acabar mesmo…bom seria pegar esse dinheiro todo mês…chega de guardar dinheiro no governo e depender de governo

  90. Jhon Diz

    Cada tipo de notícia que dá vontade de “rasgar o jornal”‘ .

    Bando de abutres que faz da notícia verdadeira carniça para ganhar um click.

  91. Juliano Diz

    Vergonhoso,só querem tirar do trabalhador q na maioria ganha uma miséria,já q a economia ta tão crítica pq não diminuem o salário dos políticos q ganham uma fortuna p não fazerem nada,cancelam o auxílio moradia deles q não precisam pq ja q ganham tão bem podem morar nas suas casas ou comprar uma casa no lugar q quiserem,mas não,fica mais fácil tirar do bolso do pobre q sempre está vulnerável,pouca vergonha,por essa e outras q nosso país é uma vergonha,queria ver se ganhassem um salário mínimo se alguém queria ser candidato nesse país.

  92. Wilson Diz

    Olá. Bom dia, é engraçado né quando é pra resolver certas coisas referente ao trabalhador eles tem que marcar dia hora e outras coisas, para eles é na calada da noite e aprovado em instantes,mas esse governo já estava estudando essa Ipse não é de hoje,e como sempre só nos trabalhares que ferra.

  93. Reinaldo Bertino Diz

    Parabéns pelo trabalho, um texto coerente e de fácil entendimento.

  94. Wilton Diz

    Vcs não são humanos

  95. Ricardo Diz

    A cabar com a multa de 40%por cento do FGTS e o seguro desemprego isto é uma camba de filhas das putas só para fuder com o trabalhador é uma camba de ladrão filhas de uma egua

  96. Joana Diz

    Seus putos, estão acabando com todos os direitos trabalhistas que João Figueiredo deixou. Porque não tiram as mordomias de vocês, Deputados Senadores que entram só pra roubar e prejudicar os trabalhadores que já ganham um salário de merda, desvalorizado. O Salário mínimo hoje no Brasil DEVE SER, NO MÍNIMO R$3.000,00 NO MÍNIMO… UM CIDADÃO HONESTO, PAI DE FAMÍLIA E TRABALHADOR TEM DE TRABALHAR 30 DIAS PRA GANHAR R$1.200 REAIS ? PAGA ALUGUEL E NÃO SOBRA PRA COMER. VÃO TODOS PRA PQP.

  97. Alandre Diz

    Que manchete sensacionalista. Se vcs, redatores, soubessem o tanto de gente que coloca sites com notícias assim, na blacklist, não estariam fazendo.

  98. Geraldo Diz

    Boa tarde , porque será que esse governo quer acabar com os benefícios do trabalhador, sabendo que o salário mínimo está devastado , sabe , pelo preço que já está, os próximos candidatos ,eu sei que é difícil , mas deveria de recolocar o salário mínimo, que pela carestia ,deveria estar ,c$ 5.300,00 mensais , Deus abençoe o nosso povo.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.