Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

Avalie o Texto.

Excesso de autoconfiança pode ser prejudicial – Saiba mais

excesso de autoconfiança pode ser prejudicial por uma série de motivos. Embora ser autoconfiante seja importante, quando essa confiança em si passa dos limites o indivíduo pode acabar se tornando uma pessoa egocêntrica e “mente fechada”.

Por isso, neste conteúdo trouxemos algumas das consequências da autoconfiança excessiva, a fim de lhe ajudar na sua autoanálise. Acompanhe!

Descubra por que o excesso de autoconfiança pode ser prejudicial

O excesso de autoconfiança pode ser prejudicial a partir do momento em que o indivíduo pode se “cegar” para os ricos e para as decisões ruins, por exemplo. A pessoa passa a se sentir superior e acredita que já chegou ao topo da sua vida profissional e acadêmica, estagnando-se dessa forma.

Abaixo listamos essas e outras considerações importantes:

1. Situações de risco

Existem diversas situações em nosso cotidiano que podem colocar nossos relacionamentos e nosso trabalho em risco.

Afinal, uma pessoa com muita autoconfiança pode se sentir tão segura dentro do trabalho ou das relações que nunca mais se esforça para crescer e melhorar em algo. Isso faz com que ela fique estagnada e acabe perdendo o emprego mais tarde, por exemplo.

Além disso, pensando nas considerações acerca da saúde e vida de fato, a autoconfiança também pode ser perigosa. É o caso de pessoas que têm comportamentos prejudiciais para consigo mesmo, como no caso de uma alimentação ruim, dirigir embriagado, e por aí vai.

2. Tomadas de decisão prejudiciais

As tomadas de decisão também pode ser prejudicadas. Isso porque a pessoa tem tanta confiança nela mesma, que pode escolher situações negativas acreditando que dará tudo certo “porque sim”.

Porém, quando a situação acontece, ela percebe que a decisão foi ruim – mas nem sempre admite. Normalmente, pode culpar terceiros, jogando a própria responsabilidade “no lixo”.

3. Pode impedir o seu crescimento

O excesso de autoconfiança pode ser prejudicial a partir do momento em que ele pode impedir o seu crescimento. Isso ocorre devido ao fato de que uma pessoa muito autoconfiante pode acreditar que já sabe “o bastante”, a ponto de não precisar aprender ou crescer mais.

4. Influencia a sua imagem profissional e pessoal

A sua imagem profissional e pessoal também pode ficar “manchada” quando há uma autoconfiança que beira o narcisismo e o egocentrismo. Portanto, cuidado com as posturas que você tem adotado com as pessoas que compartilham a vida com você!

5. Problemas em relacionamentos interpessoais

Os relacionamentos interpessoais, como comentamos acima, podem ser prejudicados pela autoconfiança excessiva. A autoconfiança pode fazer com que a pessoa se sinta “perfeita” e acabe se acomodando dentro das relações.

Esse tipo de postura começa a repelir os outros que compartilham momentos com você, prejudicando os laços sociais que já foram construídos.

Além disso, o excesso de autoconfiança pode ser prejudicial a partir do momento que ele também atrapalha na hora de construir novas relações. As pessoas podem lhe enxergar como arrogante, afastando-se e impedindo qualquer tipo de início de amizade.

Fique atento a isso e cuide da sua imagem, do seu bem-estar e da forma como você se vê. Bom autoconhecimento para você!

Avalie o Texto.

Veja o que é sucesso na Internet:

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.