Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

Portabilidade do crédito imobiliário sobe 200% em 2019, afirma BC

O estímulo à portabilidade aconteceu por causa da queda das taxas de juros

Nesta terça-feira, 3 de junho, o Banco Central (BC) deu dados sobre a portabilidade de crédito imobiliário em 2019. A portabilidade de contratos de crédito para compra do imóvel próprio subiu 200% ano passado.

Foram feitas 4.610 operações ano passado. Se levar em conta renegociações de contratos com o mesmo banco, foram cerca de 6 mil operações de 2019, totalizando R$ 2,15 bilhões.

O Banco Central também explicou que há renegociações de mercado sem envolvimento de outro banco. Nessas renegociações, o tomador e o banco entram em acordo sobre redução de taxas. Nessa modalidade, foram feitas renegociações em cerca de 30 mil contratos, totalizando R$ 9,94 bilhões em 2019.

O aumento da portabilidade do crédito imobiliário aconteceu por causa da queda dos juros básicos nos últimos anos. Essa queda também é sentida em outras linhas de crédito. Nos dias de hoje, a taxa Selic está em 3% ao ano, valor de mínima histórica.

Por fim, de acordo com o Banco Central, se considerar operações contratadas antes de 2019, fossem adimplentes ou com taxas de juros acima de 10%, há milhares de operações que poderiam se favorecer da portabilidade. E o favorecimento poderia ocorrer de forma direta ou indireta.

Leia Também:

brasil 123  

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Obrigado por se cadastrar nas Push Notifications!

Quais os assuntos do seu interesse?