Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

Avalie o Texto.

Economia é considerada ruim ou péssima pela maioria

Uma pesquisa revelou que 70% dos brasileiros consideram que a economia está ruim ou péssima, de acordo com dados da Confederação Nacional da Indústria (CNI). Outra dado que chama atenção é que para 80% essa está entre a pior crise econômica que o país já passou.

Os resultados dão conta que, pensando nos últimos 6 meses:

  • 56% acha que a economia piorou
  • 22% acha que a economia melhorou

Já em relação ao futuro, o resultado é o seguinte:

  • 34% acreditam num bom resultado (sendo 27%  que a economia vai melhores um pouco ou muito, 7%);
  • 27% acreditam que a economia não deve mudar muito;
  • 32% acreditam que a economia vai piorar – um pouco (15%) ou muito (17%).

Economia e investimentos

Analistas da economia observam que, para enfrentar a crise econômica, algumas atitudes são necessárias e já foram observadas em outros países.

“Um olhar atento e qualificado para o cenário internacional mostra que os países que conseguiram melhor enfrentar a crise econômica gerada pela pandemia foram aqueles que contam com uma indústria forte. A solução para reverter a situação em que o Brasil se encontra passa, necessariamente, pelo investimento em inovação e pela aprovação de reformas estruturantes que melhorem o ambiente de negócios no país. Esse é o caminho para gerar emprego e renda”, disse o presidente da CNI, Robson Braga de Andrade, de acordo com informações do portal Metrópoles.

Inflação

Os resultados da pesquisa em relação a economia não são a toa, tem relação com a inflação sentida no dia a dia pelos brasileiros, seja no preço dos alimentos, nas contas de consumo, como a de energia elétrica que aumentou significantemente, ou na gasolina e no gás de cozinha.

A inflação chegou atingir 10,67% em 12 meses, o que levou também o aumento dos juros, que deve ser sentido nos próximos meses. Neste cenário, os brasileiros também afirmaram o que esperam da inflação:

 

  • 29% acredita que a inflação vai subir muito;
  • 25% acredita que a inflação vai subir pouco;

Além disso, 74% afirmou que foi obrigado a reduzir seus gastos, sendo que 58%  a diminuição foi muito grande (20%) ou grande (38%). Em algumas famílias o gás de cozinha inclusive precisou ser substituído, em outras até a alimentação foi prejudicada, neste cenário o pagamento do Auxílio Brasil de R$ 400 começou hoje – veja aqui o calendário completo.

Você pode também clicar aqui e entender se você é considerado “baixa renda” ou não. Os valores que você ganham podem estar dentro dos requisitos para se inscrever no Cadastro Único para Programas Sociais (CadÚnico).

Avalie o Texto.

Veja o que é sucesso na Internet:

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.