Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

Criação de novo programa Renda Brasil ou Auxílio Brasil

Levantamento mostra que diferentes membros do Governo prometem criar um novo programa há mais de um ano

O Governo do Presidente Jair Bolsonaro está prometendo criar um novo programa social fixo há mais de um ano. No entanto, pelo menos até este presente momento, nada saiu do papel. De acordo com um levantamento do economista João Villaverde, que é professor da Fundação Getúlio Vargas (FGV), a promessa é antiga.

Ele levantou a informação de que o Ministro da Economia, Paulo Guedes, prometeu criar um novo programa ainda no último dia 8 de junho de 2020. Já naquele primeiro momento a promessa era de que esse suposto novo projeto iria chegar nas mãos dos mais vulneráveis em breve. Só que até aqui isso não aconteceu.

De acordo com esse levantamento, já se passaram mais de 490 dias. O projeto prometido até mudou de nome algumas vezes. Inicialmente ele se chamaria Renda Brasil, depois mudaram para Renda Cidadã e agora o plano é transformar ele em Auxílio Brasil. Só que esse também não saiu do papel ainda.

Vale lembrar, no entanto, que este último foi o que chegou mais longe até aqui. Ele virou uma Medida Provisória (MP) que está em tramitação no Congresso Nacional. O próprio Presidente Jair Bolsonaro foi entregar esse documento pessoalmente nas mãos de Arthur Lira (PP-AL).

Só que na prática, esse projeto, assim como os anteriores, ainda é até este momento um pedaço de papel. Hoje, de acordo com informações oficiais da própria Câmara dos Deputados, o documento ainda não mostra algumas informações básicas como o valor médio dos pagamentos e nem mesmo a quantidade de usuários que irão receber o dinheiro.

Plano do Auxílio Brasil

Apesar dessa falta de informações, o Governo Federal segue confiante de que vai começar os pagamentos do programa ainda no próximo mês de novembro. A ideia é aumentar o tamanho do projeto em relação ao que se vê atualmente no Bolsa Família.

Hoje, de acordo com o Ministério da Cidadania, o Bolsa Família atende algo em torno de 14,6 milhões de brasileiros. São pessoas que estão em situação de pobreza e de extrema-pobreza. Eles recebem parcelas mensais médias de R$ 189.

O plano do Governo Federal é aumentar o número de usuários para a casa dos 17 milhões. Além disso, os valores médios subiriam para R$ 300. Essas são informações de bastidores, ainda não confirmadas pelo Palácio do Planalto.

Mudança de opinião

O temor de muita gente é que o Governo federal possa mudar de opinião mais uma vez. É que isso já aconteceu em outras oportunidades. No final do ano passado, por exemplo, o Presidente Jair Bolsonaro prometeu que não mexeria no Bolsa Família.

Ele disse que o programa seguiria do jeito que conhecemos hoje até o final do seu mandato. Só que agora ele mudou de ideia e decidiu que quer reformular o projeto. Até mesmo o nome vai mudar para Auxílio Brasil.

E o fato é que de acordo com informações de bastidores, há uma ala dentro do Governo Federal que está tentando fazer Jair Bolsonaro mudar de opinião mais uma vez. Agora é esperar para saber qual vai ser a sua decisão sobre o assunto.

Leia Também:

Está "bombando" na Internet:

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.