Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

Avalie o Texto.

Como fazer a transição de carreira?

Fazer a transição de carreira parece assustador para você? Saiba que você não é o único a se sentir dessa maneira!

São tantas coisas em jogo quando pensamos em mudar de carreira que o medo é a primeira resposta do nosso organismo. Isso porque estaremos diante de algo diferente e desconhecido, que pode proporcionar um insegurança e assim, para o nosso cérebro, ser visto como um risco para a nossa sobrevivência.

Porém, como somos seres pensantes e conseguimos partir da racionalidade, podemos criar estratégias que minimizem essas sensações. A seguir, portanto, apresentamos algumas delas. Acompanhe.

Como fazer a transição de carreira?

Fazer a transição de carreira não é algo impossível, mas pode ser visto como algo difícil. O segredo, na verdade, é respeitar o seu tempo, os seus limites e a sua singularidade. Para isso, considere que cada caso sempre será um caso.

Isso quer dizer que não adianta querer seguir os mesmos passos que o seu ex-colega de trabalho: isso não funcionará. Cada ser humano é único, e passa por processos de mudanças de uma formas distintas e igualmente únicas.

Por isso, antes de se lamentar por “demorar para chegar lá”, ao se comparar com algum colega, apenas comece. Não fique pensando no que os outros acham ou fizeram, mas use você mesmo como a sua régua.

Com isso em mente, vamos as dicas e estratégias que listamos neste conteúdo:

1- Comece analisando o mercado da nova carreira

O planejamento deverá ser o seu melhor amigo durante todo o processo de transição de carreira. É por meio dele que você terá subsídios para entender o mercado, compreender o que está por vir e saber mais sobre o que deve ser feito para chegar lá.

Portanto, comece estudando a área que você deseja atuar. Analise as métricas do mercado, as exigências, os pontos fortes e fracos, etc. Esses conhecimentos vão lhe dar subsídios para fazer a transição de carreira.

2- Prepare-se psicologicamente, academicamente e financeiramente

Assim que você analisar o seu mercado, é hora de começar a se preparar para ele. Inicie analisando quais são as questões acadêmicas que devem ser levadas em conta, como algumas habilidades específicas.

É claro que você não necessariamente deverá iniciar uma nova faculdade, mas fazer cursos complementares é valioso para o processo de desenvolvimento.

Em paralelo a isso, faça o seu planejamento financeiro, organizando-se para as mudanças no orçamento da família. E tudo isso em paralelo às suas questões emocionais: viva elas. Fale sobre elas. Entenda-as. E assim por diante.

3- Desenvolva o seu networking

Desenvolva o seu networking, pois ele também faz toda a diferença na hora de fazer a transição de carreira. Afinal, você precisará de novos contatos profissionais, dentro da sua nova área de atuação.

Para isso, use redes sociais profissionais, como o próprio LinkedIn.

4- Dê um passo de cada vez – Mas dê o primeiro passo!

Dê o primeiro passo e siga no seu ritmo. Fazer a transição de carreira é algo muito subjetivo, por isso, dê um passo de cada vez e vá na direção que faça sentido para você. Temos certeza de que você é capaz!

Avalie o Texto.

Veja o que é sucesso na Internet:

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.