Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

Avalie o Texto.

Como cuidar de bonsai? Aprenda técnicas

Aprenda a cultivar essa pequena planta milenar

Bonsai é uma palavra japonesa que, na tradução, significa “plantado em uma bandeja” ou “árvore no vaso”. Entretanto, apesar do nome de origem japonesa, é uma técnica chinesa muito antiga. Essa arte consiste em recriar a natureza através de qualquer espécie de árvore. Porém, seu diferencial, claro, está em fazer isso de uma forma miniaturizada e muito realista. Sendo assim, hoje vamos ensinar como cuidar de bonsai com técnicas especiais!

Técnicas como aramação de galhos, poda, pinçamento de brotos e pouquíssima fertilização são as utilizadas no trato com o bonsai. Dessa forma, isso garante que ele tenha um crescimento saudável e com um belo formato feito por você. Em geral, o bonsai não passa de 1 metro de altura. Assim, sua arte consiste na horticultura e na beleza artística viva.

Aprenda como cuidar de bonsai -- Reprodução Canva
Aprenda como cuidar de bonsai — Reprodução Canva

Cuidados fundamentais que se deve ter com o bonsai

O bonsai não requer tantos cuidados, mas possui alguns que são essenciais para manter a árvore bonita e saudável. Assim, vamos explicar abaixo:

  • Primeiro, o sol: todo bonsai deve pegar no mínimo 2 horas de sol direto por dia;
  • Em segundo lugar, a água: é muito importante a rega do bonsai e, por isso, você deve usar bastante água até que escorra pelo fundo do vaso. Deve-se, também, borrifar as folhas. Nos dias quentes e secos, deve ser feita a rega 2 vezes ao dia, enquanto nos dias mais frios e úmidos, 1 vez é o suficiente;
  • O adubo: pode ser químico ou orgânico, mas é muito importante seguir sempre as instruções do rótulo;
  • A poda: é importante para manter o bonsai bonito, forte e saudável;
  • Substrato: normalmente é formado por cacos de telhas, pedriscos e cascos de pinus e não vai terra.

A poda do bonsai

O momento ideal para fazer a poda e aprender como cuidar de bonsai é quando ela começa a “descabelar”, ou seja, quando a planta começa a perder a forma inicial e vai nascendo galhos e folhas em excesso, fugindo do formato original de seu bonsai.

Primeiro passo 

Analisar a estrutura da planta, retirar os galhos que estão nascendo para baixo e retirar todos os galhos “ladrões”, que são aqueles que nascem no tronco da árvore e futuramente quando for retirado, vai deixar uma cicatriz no tronco do bonsai. Quando são bem novinhos, dá para ser retirado sem ajuda de alicates ou tesouras, usando somente as mãos. Enfim, devemos fazer uma limpeza geral!

Segundo passo

Retirar alguns galhos em excesso, galhos secos ou que nasceram para baixo. O corte deve ser feito bem na base, porque além de facilitar na cicatrização, vai dar um acabamento mais bonito.

Terceiro passo

Usar uma pasta cicatrizante ou selante, onde a ideia é você usar essa pasta nos galhos que foram cortados, protegendo contra fungos e bactérias.

A poda da raiz do bonsai

Retirar o bonsai do vaso e descartar todo o substrato da raiz, fazendo uma boa limpeza. Tenha bastante cuidado para não danificar muito as raízes. Logo após, replante seu bonsai em um belo vaso apropriado, colocando a manta de drenagem, arame para fixar a planta, os pedriscos grandes e, por cima, o substrato específico para bonsai. Em seguida, plante a árvore, fixe com o arame e corte o excesso. Fazendo isso, complete com o substrato, cobrindo as raízes e os arames. Tenha cuidado para que não fiquem espaços vazios no vaso. Para isso, use um hashi para ajudar a empurrar o substrato por entre as raízes.

Feito todo o processo de poda da raiz e o replantio, mergulhe o vaso em um recipiente contendo água e deixe de molho por alguns minutos. Deixe na sombra por alguns dias e, após 1 mês, já pode ser adubada. A poda do bonsai deve ser feita 1 vez ao ano.

Ferramentas usadas para os cuidados com o bonsai

O uso de material adequado vai fazer com que machuque menos a planta e, com isso, facilita a cicatrização.

  • Hashi: Ajuda para introduzir o substrato por entre as raízes, pois não se deve deixar espaços vazios;
  • Tesoura de poda: Serve para cortar os galhos finos e para desfolhar a planta;
  • Alicate lateral: Tem o corte rente, que facilita a cicatrização;
  • Alicate côncavo ou bola: Para tirar uma cicatriz deixada pelo uso de material inapropriado;
  • Gancho: Auxilia na limpeza das raízes, na retirada de todo substrato existente.

Por fim, tomando todos esses cuidados, você terá uma planta saudável e bem bonita! Aproveite as dicas e ideias ensinadas no artigo de hoje e inicie um novo hobby super relaxante cuidando dessa plantinha tão interessante que atravessa os anos e se mantém em alta!

Avalie o Texto.

Veja o que é sucesso na Internet:

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.