Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

Bolsonaro volta a dizer que governo não vai pagar Auxílio por muito tempo

O Presidente da Republica, Jair Bolsonaro, retomou a fala na última quarta-feira (31) sobre a nova rodada Auxílio Emergencial. Na companhia de autoridades, em um evento de lançamento, o presidente reafirmou que o governo não conseguirá pagar o benefício por muito tempo.

De acordo com Bolsonaro, os cofres públicos do Governo estão no limite, ou seja, que não suportam mais gastos. No texto da medida que prorrogou o benefício, destaca que o governo federal vai pagar quatro parcelas de valores que variam entre R$ 150 e R$ 375.

No entanto, segundo o ministro da Economia, Paulo Guedes, é possível prorrogar essas parcelas. Informações de bastidores do ministério, dizem que já se estuda a possibilidade de manter o pagamento do auxílio por mais dois meses.

Ainda assim, o líder do executivo não parece aprovar a ideia do companheiro. Na ocasião, ele voltou a dizer que a melhor medida para o povo ganhar dinheiro e voltando a trabalhar. Bolsonaro ainda criticou os Prefeitos e aos Governadores do país.

“O apelo que a gente faz aqui é que essa política de lockdown seja revista. Isso cabe, na ponta da linha, aos governadores e prefeitos”, disse o presidente.  Esta foi a primeira vez que ele faz uma crítica aos governantes.

Auxílio Emergencial

No início do no ano, o governo afirmava que não teria capacidade de custear uma nova rodada de parcelas do auxílio emergencial. Entretanto, mais tarde, a União percebeu a necessidade do país diante o cenário mais crítico da pandemia da Covid-19.

Atualmente, com o benefício prestes a ser liberado, resta somente a lista dos cidadãos que se encaixam nos novos critérios do programa e que foram contemplados.

De acordo com o cronograma já liberado pelo governo, os pagamentos do benefício só irão começar no próximo dia 6 de abril. Neste momento, apenas os cadastrados via site, aplicativo e CadÚnico que irão receber o auxílio. Os inscritos do Bolsa Família devem receber a primeira parcela a partir do dia 16 de abril.

Calendário do novo auxílio emergencial

Nascidos em: Janeiro
1º parcela 06/abr
Saque 04/mai
2º parcela 16/mai
Saque 08/jun
3º parcela 20/jun
Saque 13/jul
4º parcela 23/jul
Saque 13/ago
Nascidos em: Fevereiro
1º parcela 09/abr
Saque 06/mai
2º parcela 19/mai
Saque 10/jun
3º parcela 23/jun
Saque 15/jul
4º parcela 25/jul
Saque 17/ago
Nascidos em: Março
1º parcela 11/abr
Saque 10/mai
2º parcela 23/mai
Saque 15/jun
3º parcela 25/jun
Saque 16/jul
4º parcela 28/jul
Saque 19/ago
Nascidos em: Abril
1º parcela 13/abr
Saque 12/mai
2º parcela 26/mai
Saque 17/jun
3º parcela 27/jun
Saque 20/jul
4º parcela 01/ago
Saque 23/ago
Nascidos em: Maio
1º parcela 15/abr
Saque 14/mai
2º parcela 28/mai
Saque 18/jun
3º parcela 30/jun
Saque 22/jul
4º parcela 03/ago
Saque 25/ago
Nascidos em: Junho
1º parcela 18/abr
Saque 18/mai
2º parcela 30/mai
Saque 22/jun
3º parcela 04/jul
Saque 27/jul
4º parcela 05/ago
Saque 27/ago
Nascidos em: Julho
1º parcela 20/abr
Saque 20/mai
2º parcela 02/jun
Saque 24/jun
3º parcela 06/jul
Saque 29/jul
4º parcela 08/ago
Saque 30/ago
Nascidos em: Agosto
1º parcela 22/abr
Saque 21/mai
2º parcela 06/jun
Saque 29/jun
3º parcela 09/jul
Saque 30/jul
4º parcela 11/ago
Saque 01/set
Nascidos em: Setembro
1º parcela 25/abr
Saque 25/mai
2º parcela 09/jun
Saque 01/jul
3º parcela 11/jul
Saque 04/ago
4º parcela 15/ago
Saque 03/set
Nascidos em: Outubro
1º parcela 27/abr
Saque 27/mai
2º parcela 11/jun
Saque 02/jul
3º parcela 14/jul
Saque 06/ago
4º parcela 18/ago
Saque 06/set
Nascidos em: Novembro
1º parcela 29/abr
Saque 01/jun
2º parcela 13/jun
Saque 05/jul
3º parcela 18/jul
Saque 10/ago
4º parcela 20/ago
Saque 08/set
Nascidos em: Dezembro
1º parcela 30/abr
Saque 04/jun
2º parcela 16/jun
Saque 08/jul
3º parcela 21/jul
Saque 12/ago
4º parcela 22/ago
Saque 10/set

Pagamento para os inscritos do Bolsa família

Os trabalhadores inscritos do Bolsa Família começam a receber o pagamento a partir de 16 de abril e seguirão o calendário habitual do benefício, que acontece sempre nos últimos dez dias úteis de cada mês.

Calendário do Bolsa Família

Os inscritos no programa seguirão este cronograma abaixo:

Final do NIS 1ª parcela (abril) 2ª parcela (maio) 3ª parcela (junho) 4ª parcela (julho)
1 16 de abril 18 de maio 17 de junho 19 de julho
2 19 de abril 19 de maio 18 de junho 20 de julho
3 20 de abril 20 de maio 21 de junho 21 de julho
4 22 de abril 21 de maio 22 de junho 22 de julho
5 23 de abril 24 de maio 23 de junho 23 de julho
6 26 de abril 25 de maio 24 de junho 26 de julho
7 27 de abril 26 de maio 25 de junho 27 de julho
8 28 de abril 27 de maio 28 de junho 28 de julho
9 29 de abril 28 de maio 29 de junho 29 de julho
0 30 de abril 31 de maio 30 de junho 30 de julho

Leia Também:

Está "bombando" na Internet:

Acesse www.pensarcursos.com.br
4 Comentários
  1. Hélio Jorge da Silva Diz

    Precisam ser breve na liberação e melhorar os valores. Uma galinha de granja custa quase 50,00. O que vamos poder comprar e por quanto tempo?

  2. Salete valtrich de Oliveira Diz

    Quero saber se vou receber o auxílio emergêncial

  3. Marli Diz

    Auxilo emergencial simb para todis desempregados e pessoas de bauxa renda.

  4. Carla Heloisa Monteiro Diz

    O Brasil é um país maravilhoso. Tantas riquezas mas muito cacique para pouco índio. Com tanto dinheiro arrecadado em impostos com tantos superfaturamentos. Liberem logo a vacina para as pessoas podetem trabalhar em paz. Ou vao dizer que não tem dinheiro para a vacina? Nós queremos é voltar com nossas vidas ao normal.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.