Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

Avalie o Texto.

Auxílio-taxista fará seis pagamentos até o final do ano

De acordo com informações de bastidores, o auxílio-taxista vai repassar seis parcelas entre os meses de agosto e dezembro deste ano

O auxílio-taxista do Governo Federal realizará seis pagamentos ainda neste ano de 2022. Ao menos é o que prevê o Ministério do Trabalho agora, que analisa a possibilidade de iniciar os repasses já a partir do próximo dia 9 de agosto. Inicialmente, o programa está garantido até o final deste ano de 2022.

Há um problema nesta equação. O Governo Federal pretende realizar seis pagamentos, mas o ano só conta com mais cinco meses pela frente, já que se considera que não há mais tempo hábil para realizar os repasses em julho. Dessa forma, o Ministério teria que liberar seis depósitos em um período de cinco meses.

Para tentar resolver o problema, o Ministério do Trabalho analisa a possibilidade de pagar uma parcela dobrada já no mês de agosto. Seria uma espécie de retroativo destinado aos usuários que não receberam nada em julho, ou seja, todos os beneficiários. Caso a ideia se confirme, os usuários receberiam o patamar dobrado já no próximo mês.

Ainda há uma indefinição sobre a questão do valor dos pagamentos do programa. A projeção inicial do Governo Federal apontava para depósitos que poderiam variar entre R$ 200 e R$ 300. Contudo, internamente cresce a ideia de subir o saldo dos repasses mensais para a casa de R$ 1mil por mês. O projeto ainda precisa ser regulamentado.

O fato é que a quantidade de usuários que estarão aptos ao recebimento do benefício definirá o valor final dos depósitos. Se mais gente receber o dinheiro, o pagamento seria reduzido. Por outro lado, se o número de usuários aptos ao recebimento for menor do que prevê o Governo Federal, o valor sobe para a casa de R$ 1 mil.

A seleção do Auxílio

Você pode estar se perguntando sobre o processo de seleção para o programa social em questão. Afinal de contas, como é possível se inscrever para fazer parte do benefício? Oficialmente, o Governo ainda não aplicou uma definição sobre o tema.

Seja como for, o mais provável é que o Ministério do Trabalho não abra nenhum tipo de inscrição direta para o programa. A tendência natural é que eles selecionem os nomes dos beneficiários apenas com base em informações já existentes.

Seria um sistema de seleção semelhante ao que ocorre hoje no Auxílio Brasil, que também é pago pelo Governo Federal. O programa seleciona as pessoas através de dados que estão disponíveis nas bases de informações do Cadúnico.

Pix Caminhoneiro

Além do auxílio-taxista, o Governo Federal também pretende iniciar os pagamentos do Pix Caminhoneiro a partir do mês de agosto. Ambos os projetos sociais realizarão depósitos com seis parcelas até o final deste ano de 2022.

Em live no final da semana passada, o presidente Jair Bolsonaro (PL) confirmou que a ideia aqui é pagar repasses de R$ 1 mil. Pela mesma lógica do auxílio para taxistas, os caminhoneiros também receberiam o patamar dobrado em agosto.

De qualquer forma, é importante lembrar que os dois programas ainda precisam de regulamentação por parte do Ministério do Trabalho. É neste documento que o Governo Federal definirá as regras básicas para os dois projetos sociais.

Avalie o Texto.
Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.