Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

Auxílio emergencial: por que é importante verificar site do programa constantemente

De acordo com informações do Dataprev, os cancelamentos do Auxílio podem acontecer a qualquer momento

O Governo Federal vai seguir realizando cancelamentos em contas do Auxílio Emergencial. Pelo menos é isso o que diz o próprio Dataprev. De acordo com o órgão essa é uma medida que visa tentar diminuir a quantidade de fraudes no programa em questão. E é justamente por isso que é importante verificar o site da consulta do projeto constantemente.

É que de acordo com as informações oficiais, quando um cancelamento acontece, eles enviam essa informação para este site da consulta. Não há portanto nenhum tipo de envio de notificação para esse trabalhador. Então é por isso que muita gente acaba nem sabendo que teve um cancelamento no perfil do projeto.

De acordo com especialistas, o ideal é ficar de olho no site pelo menos uma vez por semana. É só abrir o link, inserir as informações básicas e gerar o resultado. Em caso de cancelamento, o Dataprev vai enviar também o motivo do bloqueio. E é justamente aí que o cidadão vai saber se concorda ou não com essa alegação.

Olhar o site constantemente é importante porque as pessoas que não concordam com o resultado possuem um limite de tempo para contestação. Esse prazo é de 10 dias úteis. Então quem passar disso vai acabar perdendo de vez o direito ao benefício. Por isso que é importante prestar atenção nestas datas.

Em alguns casos, por exemplo, o beneficiário só descobre que teve o cancelamento depois que percebe que o dinheiro não caiu mais em sua conta. E aí quando ele vai verificar o site, percebe que teve o bloqueio e que o prazo de contestação passou. Para evitar que isso aconteça, é importante checar sempre esse site. Quem não tem conexão com internet, pode saber dessa informação através do número 111.

Queda de beneficiários

De acordo com as informações oficiais, o Auxílio Emergencial deste ano começou fazendo pagamentos para cerca de 39 milhões de brasileiros. Esse número caiu para o patamar de 37 milhões agora. E a tendência é que caia ainda mais.

Segundo informações do Governo Federal, esses brasileiros que estão saindo do programa são aqueles que não se enquadram mais em todas as regras do benefício. Por isso, eles não poderiam mais estar recebendo o dinheiro do projeto.

Por causa desses cancelamentos, o Governo está conseguindo economizar a quantia destinada ao programa. A previsão inicial era gastar R$ 44 bilhões com esses quatro primeiros meses. Agora, no entanto, eles acreditam que irão usar R$ 7 bilhões a menos do que isso.

Auxílio Emergencial

A versão das pessoas que perderam o benefício é diferente dessa que o Governo está dando. De acordo com boa parte dos brasileiros que tiveram o cancelamento, os motivos estariam errados.

Muitos deles afirmam, por exemplo, que eles não tiveram a oportunidade de pedir uma contestação no site oficial. Há também os casos de mães chefes de família que afirmam que não chegaram a receber uma justificativa para o cancelamento.

O Governo Federal explica que nem todo mundo pode contestar o resultado porque nem todos os cancelamentos são passíveis de questionamentos. Sobre as mães chefes de família, eles ainda não explicaram o que pode ter acontecido.

3 Comentários
  1. Valeroa Diz

    Eles tiram de quem precisa que não tem emprego e filho pequeno pra muitas vezes deixar quem trabalha recebendo, esse é um baita exemplo de governo

  2. Ivane Diz

    Então por causa da banda podre as pessoas que precisam estão sendo prejudicadas…recebi as parcelas durante o ano todo de 2020,agora em 2021recebi a primeira e a segunda na terceira o pagamento foi aprovado e na hora de repassar para caixa foi bloqueado,não entendi o motivo do bloqueio,se continua tudo como estava,nenhum dado novo foi repassado,continuo desempregada, minha renda não aumentou nenhum centavo,continuo vivendo com menos de duzentos 200,00 por mês, continuo morando sozinha com minha filha de 07 anos,ou seja,não houve mudança nenhuma para ter bloqueado meu auxílio….MUITA INJUSTIÇA COM QUEM PRECISA…..tentei contestar fala que ja inspirou o tempo de contestação…..ja vai fazer um mês que enviei e -mail para o dataprev mais já está programada para começar o pagamento da quarta parcela e nada de responder o meu e-mail e minha situação continua a mesma……

  3. Não importa Diz

    Vai toma no cu esses políticos desgraçados que recebe dezenas de salários mínimo e mandam o banco selecionar aleatoriamente quem deve receber. Vai se fuder essa porra de estado, o presidente, o planalto, a porra dos vereador deputado os karalho a 4, bando de vagabundo, esse Brasil é uma piada, e merece pra o resto da eternidade desse mundo ser uma piada. Lixo de país de merda, seja direita, esquerda, centro, metáforicamente são iguais minhas bolas.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.