Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

3.4/5 - (21 votes)

Auxílio Emergencial será pago em 2022; veja quem terá direito

As cotas extras serão repassadas aos pais solteiros chefes de família monoparental.

O Governo Federal publicou a Medida Provisória (MP) 1.084 que destina R$ 4,1 bilhões ao Ministério da Cidadania para realizar os novos pagamentos do Auxílio Emergencial. As cotas extras serão repassadas aos pais solteiros chefes de família monoparental.

Veja também: Novo auxílio para trabalhadores do carnaval deverá ser pago

Quando começa os pagamentos?

O Ministério da Cidadania ainda não sabe como os pagamentos serão realizados ou quando isso ocorrerá. Mas a pasta informou que em breve novos detalhes devem ser publicados ao público interessado.

Vale ressaltar que a MP aprovada é válida apenas para as cinco primeiras parcelas do Auxílio Emergencial, pagas em 2020. Na época, as mães solteiras receberam do Governo Federal cotas duplas no valor de R$ 1.200.

Quem tem direito aos novos pagamentos?

Terão direito aos novos valores os pais solteiros chefes de família monoparetal, ou seja, que não possui cônjuge ou companheira(o) e que sustenta sozinho dependente(s) menor(es) de idade. Além disso, é preciso estar devidamente inscrito no CadÚnico e ter sido comtemplados com as primeiras parcelas do programa no valor de R$ 600 em 2020.

Na ocasião, esse público não foi atendido devidamente por causa de um veto decidido pelo presidente da república, Jair Bolsonaro. A ação impossibilitou que os pais recebessem os pagamentos duplos mesmo estando sob as mesmas condições que a mulheres contempladas. No entanto, em junho de 2021, o Congresso Nacional conseguiu derrubar este veto estendendo o direito aos homens.

Quais os valores?

Pelo fato da Medida Provisória considerar apenas as primeiras cinco parcelas do Auxílio Emergencial, os pais de direito terão acesso a um benefício complementar disponibilizado em parcela única de forma retroativa. Cada um deve receber o valor de R$ 3 mil, a contar as parcelas de R$ 600 concedidas em 2020.

Como consultar?

Para verificar se terá ou não acesso aos valores, é preciso:

  1. Acessar o aplicativo ou site do Auxílio Emergencial;
  2. Informar o CPF, nome completo e o nome completo da mãe. Caso não saiba, marque a opção “Mãe desconhecida”;
  3. A data de nascimento também deve ser informada;
  4. Para consultar, basta clicar em “Enviar”.
3.4/5 - (21 votes)
17 Comentários
  1. João Luís Vitor Filho Diz

    Como sabe se eu tenho direito

  2. Margarida Diz

    Estou desempregada tenho filho 3 anos eu recebia depois foi bloqueado meus auxilio maio de 2021 agora vou ter direito

  3. Margarida Alves Ferreira Machado Diz

    Estou desempregada tenho filho 3 anos eu recebia depois foi bloqueado meus auxilio maio de 2021 agora vou ter direito

  4. Fabiana oliveira Diz

    Sou mãe solteira e recebi só 600 em 2021 como Faso pra mudar o cadastro pois não coloquei meu filho que é meu dependente

  5. IZABEL SOBRAL REIS Diz

    Fiz o recadastramento em 17 de novembro de 2021 e até hoje não fui contemplada absurdo isso até quando vamos aguardar essa situação.

  6. Sandra Matos de Oliveira Diz

    Oi Bom dia meu nome é Sandra gostaria de saber se eu vou ter direito de receber o auxílio porque recebi 150 reais até outubro aí foi escaneado sou autônoma trabalho vendendo produtos gostaria de saber se vou continuar recebendo

  7. Luciana Diz

    É uma piada.
    Conheço pai solteiro que recebeu e não precisa gastou com cerveja e churrasco.
    Não se importa com filhos.
    Aaah filhos é da mãe né.
    Não sabe nada dos filhos nem onde estuda.
    Ainda vai pegar grana. Aff

  8. Silvia Diz

    Só gostaria de saber se nós mãe solteira viúva vamos ficar de fora o problema não é o valor sendo solteiro ou casado todos estão passando por está grande crise financeira seja 1200ou 600 oque importa é que todos os que verdadeiramente necessita recebam que Deus continue abençoando a todos nós

  9. Fernanda Fontoura Diz

    Como pode eu sou mãe solteira tenho dois filhos menores não posso trabalhar fora pois os dois tem problemas psicólogo sou autônoma pago aluguel e não consegui entrar no programa do governo

  10. Lindomar gino Diz

    Boa tarde ,Sou pai solteiro tenho 2 filho ;10 e 12 .fui vacinado e deu problema no meu braço .não consigo levantar e os dedos ficam inchado .faz cuatro meses que não posso fazer nada.sera que tenho posibilidade de receber? e como posso fazer para actualizar o meu cadastro? eu recebia o ano pasado 150 reais.

  11. Naira Diz

    As mães muitas vezes os filhos pede algumas coisas as mães não tem como comprar isso parte o coração e os pais já são mais despreocupado e realmente gastar com os filhos é bem difícil eles vão mesmo é gastar com bebedeiras e mulherada

  12. Lourdes Gonçalves de Oliveira Diz

    Estou desempregada eu e a minha filha gostaria de saber se eu vou continuar recebendo

  13. Vera Diz

    Eu fiz para meu irmão a inscrição no primeiro auxílio emergencial, foi para a análise. Ele recebeu duas parcelas. Depois estava liberado no datapreve e na CEF não. Infelizmente não recebeu, teve covit19 e só sobreviveu porque eu sem poder ajudei. E quem ficou com o dinheiro?Até hoje não sei.

  14. Jairo ribeiro Diz

    Bom dia! Gostaria de saber se vou ter direito de receber aux se emergência em janeiro 2022, Pq eu nao recebi o aux de emergência novembro e dezembro .

  15. Beatriz Diz

    Pais solteiros faz me rir né muitos vão gastar e com cerveja e churrasquinho enquanto isso as mães solteira que não tem auxílio Brasil ficam sem dinheiro pra cuidar realmente dos filhos governo de bosta

  16. Cristiano Alves de Freitas Diz

    Bom dia, como faço para ter acesso ao meu cadastro no auxílio emergencial que fiz em 2020. Recebi 4 parcelas de R$600,00.

  17. Manoel Vicente Marcondes Diz

    Se eu vou receber meu axilio merjecial porque sou pai solteiro

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.