Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

3.7/5 - (37 votes)

Auxílio emergencial: retorno dos pagamentos pode acontecer ainda em 2021

Embora o Governo Federal tenha declarado oficialmente o fim do programa, o mesmo poder retornar como um plano B.

O Auxílio Emergencial foi encerrado no mês passado, mas pode voltar caso necessário. Embora o Governo Federal tenha declarado oficialmente o fim do programa, o mesmo poder retornar como um plano B.

Veja também: Auxílio emergencial: CAIXA paga novo lote de até R$375 hoje

Para que o benefício emergencial seja renovado, é necessário que o destino do novo programa social, Auxílio Brasil, seja um fracasso. Isso vai depender da concessão da PEC dos Precatórios. A medida visa abrir um espaço no Orçamento da União para viabilizar o novo projeto.

Desta forma, caso a proposta não seja aprovada, o Governo Federal pode investir em uma nova rodada do Auxílio Emergencial, por meio de um crédito extraordinário. Até o momento a PEC só foi aprovada em dois turnos na Câmara dos Deputados.

Contudo, caso os tramites com o Auxílio Brasil realmente sejam aprovados, mais de 22 milhões de pessoas que recebiam do coronavoucher ficarão desamparadas. O Auxílio Brasil atenderá apenas 17 milhões de família, incluindo as 14,6 milhões já atendidas pelo Bolsa Família.

Preocupações com o Auxílio Brasil

Devido ao critério crucial para participar do Auxílio Brasil, milhares de pessoas estão correndo atrás da sua inscrição ou atualização do CadÚnico. Isso está gerando grandes filas nos Centros de Referência em Assistência Social (CRAS), o que pode atrasar a entrada de alguns candidatos.

“Já estamos observando uma certa decepção destas pessoas ao enfrentar enormes filas para renovar seu cadastro. A frustração vai aumentar quando essas 20 milhões de pessoas descobrirem que não vão mais ter direito ao benefício do governo federal”, disse um assessor presidencial que defende a volta do Auxílio Emergencial.

Incertezas do Auxílio Emergencial

Mais de 20 milhões de pessoas que recebiam o Auxílio Emergencial não devem ter mais a ajuda do Governo Federal a partir de novembro. Além disso, não devem conseguir ao menos algum espaço para participar do Auxílio Brasil.

Todavia, é preciso aguardar as próximas movimentações acerca dos avanços da PEC dos Precatórios e o futuro definitivo do benefício emergencial.

3.7/5 - (37 votes)
13 Comentários
  1. Suenu Diz

    Só observo essa política safada com a cara dos trabalhadores q trabalharão uma vida inteira impostos altos um salário miserável guando fica desempregado e realmente não alcança o povo do bolssa familia pq já era trabalhadores hoje as classe mudou de média pra pobre de pobre pra miserável ou seja se agente não morrer de fome pçao um tempo atraz seria covide. desempregados sem emprego morando 3 4 família juntos pra diminuir custos hoje um gaz q está caríssimo sem emprego ou seja trabalhamos so pra sustentar esse filhos da puta a lidarem com nosso trabalho dinheiro público sendo roubado a toda hora
    Hospitais sem remédio esses políticos tudo com as contas gordas la fora qualquer cousa todos correm para outros países cheio de dinheiros nas cuecas nas malas nas contas e o trabalhador sendo roubando vcs devem muito dinheiro ao povo brasileiro acho engraçado dizer q um auxilio quebra o país mais os roubos desses políticos a vida toda não quebra ne pq somos nós q pagamos trabalhando os roubos riquezas luxúria esse povo tem q aprender q é direito do povo o auxílio ir as ruas quebra o barraco mostra q ngm aqui é otário chega de um monte de pinguins ladrões bota pra lasca nus trabalhadores pra mim nenhummmm presta todos covarde ngm luta ainda pelos idéias dos trabalhadores e sim lutam pela grana q pode sobrar pra eles roubarem mais revoltada estou e muitas as vizinhas tbm.aqui o povo tá acordando essas eleições não tem nenhum q preste tudo covarde deveria eliminar todos eles dessa pandemia e ter logo uma reforma política cansada de parar de pai pra filho de filho pra neto de partido pra partido e nois a ver navios tomara q tem uma guerra do povo revoltado um dia essa conta pode chegar pra vcs q se acham dono do nosso dinheiro pq vcs não trabalham so roubam e sai da porta da delegacias pela frente ora dividir as fatias e rindo de nossa cara ai q ódio desses nojentos se não haver uma reforma política esse Brasil vai a merda e eles vai pra fora do país riquíssimo e nos ficamos a passar necessidades na verdade deveria para de ta decidindo quem vai da o dinheiro de nois trabalhadores e todos irem pra rua exigir nosso dinheiro na mesa no pão no faz emprego etc bando de demônio .esse políticos

  2. Jose Claudio Diz

    Eu fico bôbo, como alguns do povo são ingrato, o presidente fazendo o que pode para ajudar e o pessoal ameaçando não o reeleger se o auxilio acabar. Mas, não ver os partidos político e senadores que estão querendo derrubar a PEC no senado ACORDA povo ingrato.

  3. Margareth Diz

    PODEM SIM,AO MENOS DEIXAR PASSAR FIM DE ANO,E ENTRAR JANEIRO, AI O POVO IRÁ TER UM NATAL E ANO NOVO, COM COMIDA DESCENTE, PELO AMOR DE DEUS….

  4. Silvia Gomes Diz

    Esse auxílio Brasil foi um tiro no pé , se quer se reeleito , o.povo vem em primeiro lugar .

  5. Ádala Diz

    Excelente

  6. Wendell charles Diz

    E o melhor presente pra mim sera terminar meus estudos através do AED , OBRIGADO

  7. Cristiane Diz

    Poxa quer dizer que vamos findar o ano liza por causa de um governo que não estar nem aí com o povo . Não custava nada fazer o natal de muita gente com comida na mesa , pagando o auxílio emergencial novembro e dezembro aí sim terminava . assim como eu muitas pessoas vão passar o natal ou sem roupa nova ou sem comida .

  8. Cissa de Oliveira Diz

    Eu acho que tem que passar um pente fino, no pessoal do bolsa família, eu não acho justo às pessoas que não precisa pegar,é quem realmente precisa,não pegar.

  9. Amilton José batista Diz

    Pagam isso aos povos

  10. Amilton José batista Diz

    Que vergonha um país rico desse tenho vergonha de ser brasileiro kde o dinheiro que aqueles bando roubaram tá tudo aí nos confres de Brasília senhores ministros deputado pagam o áuxilio as pessoas param de swou vcs podem sim dá um áudio de 500 ou mais dinheiro tem sim

  11. Cissa de Oliveira Diz

    Eu acho que tem que passar um pente fino, no pessoal do bolsa família,eu não acho justo,pessoas que não precisa,fica tomando,o lugar de quem realmente precisa.

  12. Eucineide Diz

    Isso é pq não são vocês do governo que está precisando desse auxílio, Deus tenha misericórdia

  13. Andres Diz

    Se o presidente não retornar o auxílio emergencial ainda até dezembro pode ter certeza que vai perder a reeleição São muitas pessoas sem ajuda e o bolsa verde o número é menor pra ele ganhar as eleições falando o verbo já perdeu a reeleição pois deixar o povo sem auxílio

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.