Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

Auxílio Emergencial: Beneficiários que nasceram em janeiro recebem sexta parcela

Penúltima parcela do benefício começa a ser depositada hoje para o público geral, ou seja, aqueles que não fazem parte do Bolsa Família.

Começa hoje, 21 de setembro, o pagamento da sexta parcela do Auxílio Emergencial para beneficiários que não fazem parte do Bolsa Família. Desse modo, inicia-se pelos que nasceram em janeiro. Estes participantes, portanto, terão acesso ao depósito em suas Poupanças Sociais Digitais, conta da Caixa Econômica.

Com os valores recebidos, estes beneficiários podem realizar o pagamento de contas e boleto no próprio aplicativo, por meio de um cartão de débito digital. Contudo, caso haja interesse pelo dinheiro em mãos, a plataforma da Caixa não oferece esse serviço por enquanto, sendo necessário aguardar o calendário específico de saques ou recorrer a outros tipo de aplicativos.

Além disso, também beneficiários do Bolsa Família continuarão a receber a sexta rodada do Auxílio Emergencial. Estes iniciaram o recebimento em 17 de setembro, a partir daqueles que possuem NIS (Número de Identificação Social) de final 1. Hoje, é a vez daqueles que possuem NIS de final 3.

O que é o aplicativo Caixa Tem?

De acordo com a Caixa, este aplicativo foi criado para “facilitar o acesso de todos os brasileiros a serviços e transações bancárias de sua conta Poupança Digital Social”. Assim, com o pagamento do Auxílio Emergencial, esta plataforma se fez muito importante.

Nele, portanto, é possível:

  • Consultar saldos e extratos
  • Fazer pagamentos de contas e boletos (com limite de até R$ 1.200)
  • Realizar transferências e compras na internet por meio do Cartão de Débito Virtual (com limite de até R$ 600 por transação)
  • Realizar compras através de QR Code (um tipo de código de barras)

Como o beneficiários consegue realizar pagamentos por meio do aplicativo Caixa Tem?

Os participantes do público geral, ou seja, que não fazem parte do Bolsa Família, podem, por enquanto, pagar suas contas no próprio aplicativo da Caixa. Para fazer isso, então, é necessário:

  • Primeiramente, realizar o login no aplicativo do Caixa Tem.
  • Em seguida, o usuário deve clicar em “Pagar suas contas”, na tela inicial.
  • A plataforma irá abri uma nova tela, em que será necessário selecionar a opção “Ler código com a câmera” ou “Digitar código de barras”. Isto é, o usuário precisará passar o código de barras do boleto para o programa, seja por meio da câmera, que fará uma leitura automática, ou digitando os números do código.
  • Para que o programa identifique o código de barras, basta posicionar a câmera do celular de frente para o código e aguardar o reconhecimento automático. Contudo, caso isso não aconteça, o usuário pode digitar o código manualmente.
  • O aplicativo, então, informará o valor mínimo de pagamento do boleto, quando será possível alterar o valor. Depois, basta clicar em “Enviar”.
  • Em seguida, o usuário irá visualizar um resumo de toda a compra ou pagamento, com todos os dados da transação. Este passo é importante para ter certeza de que não há qualquer erro. Desse modo, estando todos os dados corretos, o usuário poderá clique em “Sim, realizar o pagamento”.
  • Por fim, será necessário digitar a senha do Caixa Tem para confirmar a movimentação. Além disso, o usuário também pode selecionar a opção “Ver comprovante” para guardar como segurança.

Como sacar os valores antes do calendário?

O público geral do Auxílio Emergencial não tem a possibilidade de sacar seus valores logo de início. Assim, é necessário aguardar um calendário posterior que é específico para a liberação de saques em dinheiro e transferências. Até lá, o beneficiário apenas pode realizar pagamentos de boletos pelo próprio aplicativo, como explicado acima.

Contudo, é possível utilizar outros tipos de plataformas para conseguir transferir estes valores e até mesmo sacá-los, antes do calendário específico. Para tanto, o beneficiário deve:

  • Abrir o aplicativo de um banco digital
  • Em seguida, procurar pela opção de “Cobrança” para criar um boleto
  • Neste momento, o usuário pode escolher o valor a ser cobrado.
  • Assim que o boleto for gerado, é possível enviá-lo ou copiar seu código de barras
  • Então, o beneficiário deve se dirigir ao aplicativo Caixa Tem para pagá-lo.
  • Seguindo os passos normais de pagamento do Caixa Tem (acima), o beneficiário irá transferir os valores para a conta digital.
  • Com os valores transferidos, é possível sacá-los.

Por fim, ainda, o beneficiário não precisa se preocupar, visto que a movimentação é completamente legal. Assim, este não precisará aguardar pelo calendário de saques da sexta parcela, que apenas se inicia em 04 de outubro.

Calendário da sexta parcela para o público geral

Beneficiários que fazem parte do público geral, ou seja, que se inscreveram pelo Cadastro Único ou pelo próprio aplicativo, recebem os valores a partir do mês em que nasceram. Desse modo, os depósitos da sexta parcela do Auxílio Emergencial acontecerão da seguinte maneira:

  • 21 de setembro, terça-feira: recebem os participantes que nasceram em janeiro
  • 22 de setembro, quarta-feira: depósito para aniversariantes de fevereiro
  • 23 de setembro, quinta-feira: recebem os participantes que nasceram em março
  • 24 de setembro, sexta-feira: depósito para aniversariantes de abril
  • 25 de setembro, sábado: recebem os participantes que nasceram em maio
  • 26 de setembro, domingo: depósito para aniversariantes de junho
  • 28 de setembro, terça-feira: recebem os participantes que nasceram em julho
  • 29 de setembro, quarta-feira: depósito para aniversariantes de agosto
  • 30 de setembro, quinta-feira: recebem os participantes que nasceram em setembro
  • 1º de outubro, sexta-feira: depósito para aniversariantes de outubro
  • 02 de outubro, sábado: recebem os participantes que nasceram em novembro
  • 03 de outubro, domingo: depósito para aniversariantes de dezembro

Calendário da sexta parcela para beneficiários do Bolsa Família

Já os beneficiários que faziam parte do Bolsa Família se dividem pelo final de seu NIS, recebendo sempre nos últimos dez dias úteis do mês. Desse modo, estes beneficiários receberão a sexta parcela nos seguintes dias:

  • 17 de setembro, sexta-feira: recebem aqueles com NIS de final 1
  • 20 de setembro, segunda-feira: recebem aqueles com NIS de final 2
  • 21 de setembro, terça-feira: recebem aqueles com NIS de final 3
  • 22 de setembro, quarta-feira: recebem aqueles com NIS de final 4
  • 23 de setembro, quinta-feira: recebem aqueles com NIS de final 5
  • 24 de setembro, sexta-feira: recebem aqueles com NIS de final 6
  • 27 de setembro, segunda-feira: recebem aqueles com NIS de final 7
  • 28 de setembro, terça-feira: recebem aqueles com NIS de final 8
  • 29 de setembro, quarta-feira: recebem aqueles com NIS de final 9
  • 30 de outubro, quinta-feira: recebem aqueles com NIS de final 0

Leia Também:

Está "bombando" na Internet:

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.