Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

Auxílio emergencial: 7ª parcela de até R$375 começa semana que vem

Atenção, trabalhadores! A Caixa Econômica Federal segue com a liberação de novos lotes de saques da 6ª parcela do auxílio emergencial. De acordo com o que consta no calendário oficial do Governo Federal, o banco agora seguirá para os depósitos referente a 7ª parcela do benefício. Sendo assim, já crescem as expectativas pela liberação do novo lote, até então a última etapa de pagamentos.

Veja também: Prorrogação do auxílio emergencial até 2022 DESTA forma

Os depósitos da 7ª parcela têm previsão de começar breve. De acordo com o cronograma do Governo Federal, a ideia é iniciar os depósitos no dia 20 de outubro. Dessa forma, já na semana que vem os trabalhadores terão a liberação de novos depósitos nas contas. Os pagamentos seguirão sendo efetuados até 31 de outubro, quando os nascidos em dezembro terão o valor do benefício depositado em suas contas.

No que diz respeito aos saques em espécie, a CAIXA já revelou quando os trabalhadores poderão ter acesso ao valor. Segundo o banco, o calendário de saques da 7ª parcela terá início no dia 1º de novembro deste ano. A liberação do dinheiro em espécie continuará até o dia 19 de novembro. Até então continua sendo a última liberação do benefício, uma vez que já existe movimentos pela prorrogação do auxílio emergencial ainda este ano.

Atualmente, a Caixa libera valores que oscilam de R$ 150 a R$ 375, conforme a composição familiar do beneficiário. No momento, já existe um grupo de membros do Palácio do Planalto disposto a convencer o Presidente Jair Bolsonaro a prorrogar o Auxílio Emergencial. E o grupo está confiante de que pode aumentar o valor dos pagamentos do programa em questão.

A ideia dessa ala governista é convencer o Presidente Jair Bolsonaro a subir os pagamentos para cerca de R$ 500 para todos os usuários. O grupo também não acharia ruim se o Governo decidisse subir esse patamar para R$ 400.

Calendário 7ª parcela do auxílio emergencial – Público Geral

Mês de nascimento Depósitos Saques
Janeiro 20 de outubro 1º de novembro
Fevereiro 21 de outubro 3 de novembro
Março 22 de outubro 4 de novembro
Abril 23 de outubro 5 de novembro
Maio 23 de outubro 9 de novembro
Junho 26 de outubro 10 de novembro
Julho 27 de outubro 11 de novembro
Agosto 28 de outubro 12 de novembro
Setembro 29 de outubro 16 de novembro
Outubro 30 de outubro 17 de novembro
Novembro 30 de outubro 18 de novembro
Dezembro 31 de outubro 19 de novembro

 

Calendário 7ª parcela do auxílio emergencial – Bolsa Família

  • NIS com final 1: 18 de outubro;
  • NIS com final 2: 19 de outubro;
  • NIS com final 3: 20 de outubro;
  • NIS com final 4: 21 de outubro;
  • NIS com final 5: 22 de outubro;
  • NIS com final 6: 25 de outubro;
  • NIS com final 7: 26 de outubro;
  • NIS com final 8: 27 de outubro;
  • NIS com final 9: 28 de outubro;
  • NIS com final 0: 29 de outubro.

Prorrogação do auxílio emergencial

Se você ainda não sabe se o Governo Federal vai prorrogar o Auxílio Emergencial, fique sabendo que nem o próprio Palácio do Planalto sabe ainda. De acordo com as informações de bastidores, estaria muito difícil chegar em um consenso entre as diferentes alas do Palácio do Planalto neste momento.

De um lado, um grupo do Governo quer a prorrogação do Auxílio Emergencial. Chama atenção aqui o Ministro da Cidadania, João Roma. Ele vem dizendo em diversas entrevistas que a extensão do programa seria importante. Recentemente, ele disse que se o Planalto não fizer isso, cerca de 25 milhões ficarão sem nada a partir de novembro.

Vale lembrar que o Ministro João Roma está em seus momentos finais neste cargo. Ainda de acordo com informações de bastidores, eles deverão sair dessa posição para cuidar da sua candidatura ao Governo do estado da Bahia. Ele ainda não confirma essa informação, mas também não está negando.

Leia Também:

Está "bombando" na Internet:

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.