Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

Auxílio emergencial: 6ª parcela não caiu na conta? Veja o que fazer

Alguns usuários estão dizendo que o dinheiro da 6ª parcela do Auxílio Emergencial ainda não caiu na conta digital

Nesta semana, o Governo Federal segue com com os pagamentos do auxílio emergencial. Nesta quinta-feira (23), por exemplo, a liberação da parcela está acontecendo para os informais que nasceram no mês de abril. Além disso, o dinheiro também está caindo para os usuários do Bolsa Família que tenham o Número de Inscrição Social (NIS) terminando em 5.

Só que nas redes sociais, alguns beneficiários do programa estão dizendo que o dinheiro ainda não caiu em suas contas. Isso mesmo considerando que a data do seu grupo já chegou. O que pode ter acontecido? De acordo com a Caixa Econômica Federal, há várias explicações possíveis.

Quando isso acontece, o primeiro passo é ir até o site oficial da consulta do Auxílio Emergencial. Por lá, o cidadão vai ter que inserir os seus dados pessoais básicos. Eles pedem o nome completo, o número do CPF, a data de nascimento e o nome completo da mãe. Pronto. Isso é suficiente para que o usuário entre em sua conta.

Neste momento, ele vai poder saber como está a situação do seu perfil. Em alguns casos, o beneficiário vai perceber que aconteceu um cancelamento do benefício. Nessa situação, ele vai precisar clicar no ícone i e saber qual foi o motivo alegado para que o projeto em questão tenha sido descontinuado.

Caso ele não concorde com o argumento, ele vai poder fazer uma contestação. De acordo com a Dataprev, no entanto, essa não é uma situação que estará disponível para todo mundo. Isso porque no caso dos bloqueios definitivos, eles não oferecem a possibilidade de reclamação do resultado em questão.

Sem contestação

Vale lembrar que esse período de contestação é válido por até 10 dias depois do cancelamento. Então quem tiver esse prazo ativo e tiver também a opção da reclamação disponível pode fazer isso. Logo depois é só esperar por uma resposta da Dataprev.

Caso o cidadão tenha passado da data de contestação ou não tenha essa opção de reclamação, precisa tentar outras vias. Uma possibilidade, por exemplo, é tentar entrar em contato com a Defensoria Pública mais próxima.

De acordo com relatos de usuários do programa, servidores da DPU estão trabalhando para ajudar as pessoas que estão tentando recuperar o benefício depois de cancelamentos. Por isso, a ajuda deles pode ser importante antes de decidir entrar na Justiça de fato.

Auxílio ativo

Essas são as situações imaginando um cenário de benefício bloqueado. No entanto, há relatos de pessoas que dizem que o seu perfil no programa está ativo e mesmo assim o dinheiro não caiu. Quem estiver passando por essa situação precisa entrar em contato com a Caixa Econômica Federal.

Esse é o banco pagador do programa em questão. Então se há um problema entre a liberação da quantia pela Dataprev e o recebimento do dinheiro, é preciso tentar entrar em contato com a instituição bancária. Pelo menos é isso o que dizem os analistas.

É preciso ter muita atenção neste processo. Em um momento de desespero e por medo de ter perdido o Auxílio, algumas pessoas acabam inserindo dados pessoais em sites e apps duvidosos. O melhor a se fazer neste momento é se certificar de que está fazendo uso dos canais oficiais seja da Caixa Econômica Federal, da Dataprev ou mesmo do Ministério da Cidadania. 

Leia Também:

Está "bombando" na Internet:

7 Comentários
  1. Waldir crispim Diz

    meu nome é Waldir crispim, sou pai de família estou desempregado há mais de 10 meses ei governo bloqueou o meu único dinheiro que eu tinha pra por condução no meu bilhete pra correr atrás de trabalho e ajudar comprar alguma comida na minha casa, por favor eu pesso me ajudem eu não sei mais o que fazer obrigado.

  2. Patrícia da Silva Gomes Diz

    Eu não recebi há 6 parcela do benefício auxílio emergencial e tbm não fui avisada se o meu benefício foi cancelado

  3. Rosilene Rosa Diz

    O meu auxílio foi cancelada desde agosto ,pois eu trabalhei 40 dias ,tive que sai do trabalho por conta da depressão e síndrome do pânico faço tratamento a 4 anos ,tomo muito medicamento pois tentei um emprego por conta de que nem todos meus remédio consigo na prefeitura, outros preciso comprar, e o auxílio tava me ajudando, minha carteira de trabalho foi dado baixa dia 19 de agosto, pois achei que em setembro iria receber já que a data preve faz análise todos os meses achei que eles irian vê que não tô empregada, agora tô na esperança que receba esse mês de outubro 😔

  4. ana Claudia da cruz Rodrigues Diz

    porque nao recebo mais

  5. ana Claudia da cruz Rodrigues Diz

    nao sei o porquê bloqueou o meu axilio preciso muito

  6. Moisesfrranciscosilva Diz

    Boa .t arde eu preciso necessito Para. Ajuda a minha família tô desempregado a ano s muinto trabalhar. Tomei já 2 vacina.

  7. emanuely Diz

    emanuellymarcondees@gmail.com
    Só dos czkzbsscye kdksbsnsioss s

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.