Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

Avalie o Texto.

Auxílio Brasil deverá ter revisão mensal nas contas dos usuários

De acordo com as informações oficiais do Governo Federal, Auxílio Brasil deverá contar com revisões mensais nas suas contas

O Auxílio Brasil deverá ter revisões mensais em suas contas. Pelo menos é isso o que está dizendo o Governo Federal. Isso significa que membros do Ministério da Cidadania irão reavaliar as condições de cada um dos beneficiários do programa. Quem não atender a todas as regras, vai acabar sendo bloqueado.

Quem fez parte do Auxílio Emergencial sabe bem como isso funciona. A lógica vai ser a mesma. No programa que chegou ao fim em outubro, a Dataprev costumava fazer essas reavaliações com uma certa frequência. E isso acabava fazendo com que as pessoas tivessem que passar por bloqueios.

O Ministro da Cidadania, João Roma, explicou que isso acontecia como uma espécie de tentativa de evitar que fraudes acontecessem. É que, de acordo com o Tribunal de Contas da União (TCU), o Palácio do Planalto gastou bilhões de reais em pagamentos indevidos. Eles não querem mais repetir essa dose.

Essa ideia de reavaliar as contas dos usuários de certa forma sempre existiu no Bolsa Família. Neste programa, algumas pessoas também eram excluídas do projeto. Mas entende-se que não era nesse patamar. De acordo com o Ministério da Cidadania, mais de 4 milhões de usuários perderam o Auxílio Emergencial depois dessas revisões.

O número de usuários do novo Bolsa Família, vale lembrar, vai ser menor. A ideia do Governo Federal é começar os repasses para cerca de 14,6 milhões de pessoas. E em caso de aprovação da PEC dos Precatórios, o número deve subir para os 17 milhões já a partir do próximo mês de dezembro.

Cadúnico vai decidir

É importante sempre lembrar que o Cadúnico vai acabar decidindo quem vai receber e quem não vai receber o benefício em questão. Pelo menos é isso o que se sabe até aqui. Por isso é importante prestar atenção nesses dados.

Para saber como está a situação do Cadúnico, o cidadão não precisa sair de casa. Basta acessar o app Meu Cadúnico ou então o site oficial do mesmo. Por lá, vai ser possível saber se os dados estão atualizados ou não.

Caso não estejam, aí o cidadão não vai ter escolha. Vai ser preciso ir até um Centro de Referência em Assistência Social (CRAS) ou um centro do próprio Cadúnico para conseguir fazer essa atualização. Só pode ser presencial mesmo.

Quem deve atualizar para ganhar o Auxílio Brasil

Com a proximidade dos pagamentos do Auxílio Brasil, muitas pessoas estão correndo para o CRAS ou mesmo para esses centros do Cadúnico. Nas últimas semanas, o que se vê são multidões esperando na fila para conseguir fazer essas atualizações.

O fato, no entanto, é que nem todo mundo vai precisar fazer isso. Quem já está no Bolsa Família, por exemplo, vai entrar no Auxílio Brasil de maneira automática. Não vai ser preciso nenhum tipo de nova inscrição. Nem mesmo no Cadúnico.

Na prática, só mesmo quem não está com os dados atualizados e não faz parte do Bolsa Família é que precisa atualizar os dados em questão. Pelo menos é isso o que o próprio Ministério da Cidadania está afirmando.

Avalie o Texto.

Está "bombando" na Internet:

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.