Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

Como a ansiedade atrapalha a concentração?

A ansiedade atrapalha a concentração de diversas maneiras distintas, que vão desde questões relacionadas à sobrevivência, até questões fisiológicas e ancoradas na saúde mental. Por isso, reconhecer os sintomas e buscar a ajuda profissional é sempre tão importante.

Entretanto, se você quer saber mais sobre os impactos da ansiedade sobre a nossa capacidade de concentração, acompanhe o conteúdo de hoje e saiba mais!

Como a ansiedade atrapalha a concentração?

Como dito acima, a ansiedade atrapalha a concentração de diversas maneiras diferentes. Inclusive, é importante destacar que os impactos das crises de ansiedade podem ser bem variáveis, ou seja, diferentes de uma pessoa para outra.

Afinal, cada ser humano e cada organismo é único, o que faz com que cada um responda à ansiedade de maneira distinta.

Compreendido isso, leve em consideração os apontamentos abaixo como uma média do que costuma acontecer com grande parte das pessoas. Acompanhe:

1- A luta e fuga pode desviar nosso foco

A ansiedade, em essência, está relacionada à nossa sobrevivência. Assim sendo, é uma resposta natural do nosso organismo mediante uma “ameaça”. O problema surge, obviamente, quando essa resposta do organismo está desconectada com a realidade, ou seja, é uma resposta exagerada.

A consequência disso é fazer com que o nosso corpo se prepare para “lutar ou fugir” do problema, o que faz com que o foco total fique no que pode vir a acontecer, e não no que está acontecendo.

Logo, nosso corpo e nossa mente estão prontos para abrir mão ou simplesmente brigar, o que não faz jus a uma prova da escola, por exemplo.

2- Nossa mente se ancora no “problema”

Seguindo o ponto acima, é evidente que quando estamos ansiosos a nossa mente foca apenas no problema e não nos caminhos promissores que podemos seguir. Isso faz com que o nosso raciocínio fique, digamos, “empacado” no problema. Logo, temos a sensação de não sair do lugar nunca.

3- O excesso de futuro atrapalha a percepção do presente

Ficar pensando apenas nas coisas ruins que podem acontecer (e não necessariamente vão), atrapalha a nossa percepção do presente.

Ficamos absolutamente focados nos pontos negativos que sequer existem no presente, deixando que a concentração seja posta de lado e soframos de antecipação.

4- Sintomas fisiológicos dificultam a concentração

Batimentos acelerados, sudorese, dor de cabeça, enjôo… São diversos sintomas fisiológicos que podem surgir em uma crise, fazendo a ansiedade atrapalhar a concentração.

Afinal, quem sente uma dor no estômago por conta da ansiedade, dificilmente conseguirá manter a atenção em uma tarefa minuciosa, concorda?

Se estiver ansioso, busque ajuda

Agora você compreende como ansiedade atrapalha a concentração e pôde ter mais informações quanto a isso. Entretanto, se você tem percebido esses impactos em sua vida, não hesite em buscar ajuda!

A psicoterapia, por exemplo, pode ser um bom ponto de partida para restabelecer o seu gerenciamento emocional. Cuide de você e busque auxílio de profissionais que possam lhe dar um bom suporte nesse tipo de situação.

Leia Também:

Está "bombando" na Internet:

Acesse www.pensarcursos.com.br
Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.