Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

Avalie o Texto.

WhatsApp pode reforçar a segurança de pagamentos pelo aplicativo

Apenas 7% dos usuários da plataforma de mensagens cadastraram seus cartões de débito no recurso. Isso indica a baixa adesão e aceitação da ferramenta.

A função de pagamento pelo WhatsApp não teve um retorno favorável ao aplicativo. Apenas 7% dos usuários da plataforma de mensagens cadastraram seus cartões de débito no recurso. Isso indica a baixa adesão e aceitação da ferramenta.

Pensando nisso, segundo o XDA Developers, o mensageiro incluiu em sua nova versão algumas linhas de código que indicam uma espécie de requisição de documento de identificação pessoal para que a transação seja confirmada.

Veja também: Whatsapp: Saiba como bloquear contatos ou desconhecidos

Todavia, o aplicativo ainda não confirmou a informação, mas conferindo as alterações é possível que essa mudança seja implementada na plataforma. Conforme o site especializado, ainda não é possível identificar essa funcionalidade de segurança em países que contam com os pagamentos pelo aplicativo, ou seja, no Brasil e na Índia.

Vale ressaltar que o WhatsApp Pay foi lançado inicialmente na Índia, após vários testes de funcionalidade e operação. Na sequência, o recurso chegou ao Brasil. A ferramenta permite transferências de valores pelo aplicativo, no Brasil a operação ocorre pela Cielo.

Além disso, a função é disponibilizada tanto para pessoas físicas quanto para pessoas jurídicas. Para as operações entre pessoas físicas não há cobrança de taxas, já para as jurídicas, é cobrado 3,99% por operação.

Contudo, o recurso já está disponível no aplicativo e para utilizá-lo basta registrar um cartão de débito. No mais, pessoas jurídicas devem utilizar o a opção na versão Business no WhatsApp.

Veja a lista de celulares com o WhatsApp bloqueado

Na  última segunda-feira (1º), muitos celulares deixaram de operar o WhatsApp. O mensageiro vem avisando sobre a ação há alguns meses, porém, aqueles que não sabiam da novidade foram pegos de surpresa.

O mensageiro passou por uma atualização deixando de ser compatível com sistemas operacionais mais antigos, como o Android 4.0.4 e inferiores e o iOS 9 e anteriores. Desta forma, os usuários que possuem um celular com essas versões, precisam atualizar o aparelho ou transferir a conta para um dispositivo com uma versão mais recente.

WhatsApp fez um alerta para os dispositivos que deixariam de funcionar o aplicativo. “A partir do dia 1º de novembro de 2021, o WhatsApp não será mais compatível com aparelhos Android com o sistema operacional 4.0.4 e versões anteriores”, diz o aviso.

Neste sentido, o mensageiro continuará operando nos seguintes sistemas:

  • Celulares com Android 4.1 e mais recentes;
  • iPhones com iOS 10 e mais recentes;
  • Alguns modelos com KaiOS 2.5.1 e mais recentes.

Neste caso, o acesso a configuração é distinto conforme a fabricante. Então, confira a seguir como realizar a operação em celulares diferentes:

Samsung

  1. Abra as “Configurações”;
  2. Clique em “Sobre o telefone”;
  3. Clique em “Informações do software”;
  4. Busque por “Versão Android”.

Motorola

  1. Abra as “Configurações”;
  2. Clique em “Sistema”;
  3. Clique em “Sobre o dispositivo”;
  4. Busque por “Versão do Android”.

iPhone – Apple

  • Abra o menu “Ajustes”;
  • Clique em “Geral”;
  • Clique em “Sobre”.
Avalie o Texto.

Leia Também:

Está "bombando" na Internet:

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.