Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

4/5 - (1 vote)

Vale-gás nacional também deverá ter fila de espera, aponta Governo

Assim como acontece com o Auxílio Brasil, o vale-gás nacional também deverá contar com sua própria fila de espera

Você certamente já ouviu falar sobre o termo fila de espera. Nos últimos meses, esse assunto ganhou mais destaque na mídia em geral por causa do Auxílio Brasil. É que há uma grande discussão em torno deste tema. E o fato é que há uma grande chance de esse problema se estender para o vale-gás.

Antes de mais nada, é importante deixar claro o que é a fila de espera. Todos os anos o Governo Federal estipula um orçamento para o pagamento de um determinado programa social. Isso quer dizer, portanto, que os gastos em torno desses repasses não podem ultrapassar esse teto. Isso não é tão difícil de entender.

Normalmente em momento de crise, o número de pessoas que entram para o Cadúnico e passam a ficar em situação de vulnerabilidade aumenta, consequentemente, o número de brasileiros que passam a ter direito de receber os projetos sociais também aumenta, mas, em contrapartida, o orçamento do programa não sobe. Na prática, nós passamos a ter mais gente precisando e o mesmo dinheiro para atender todo mundo.

Quando isso acontece, normalmente, uma fila de espera formada por pessoas que possuem o direito de receber o benefício se constrói, mas que por falta de orçamento do Governo, precisam aguardar mais um pouco. De acordo com o Consórcio Nordeste, cerca de 2,4 milhões estão nesta lista do Auxílio Brasil.

O mesmo deve acontecer com o vale-gás nacional. Segundo números oficiais divulgados pelo próprio Governo Federal, espera-se que o novo programa social também tenha uma fila de espera para chamar de sua. A expectativa é de que ela seja bem maior do que a que vemos no Auxílio Brasil.

A fila do Vale-gás

Mas afinal, qual vai ser mesmo o tamanho da fila de entrada no vale-gás nacional? De acordo com as informações oficiais, o programa em questão vai fazer os pagamentos de dezembro com uma liberação de crédito de R$ 300 milhões.

Isso vai dar para atender neste primeiro momento algo em torno de 5,5 milhões de pessoas. Imagina-se que cerca de 24 milhões tenham direito logo, a fila de espera inicial deverá ter mais 18 milhões de brasileiros.

E para 2022?

Para 2022, a situação ainda não está muito clara. De acordo com o texto oficial do projeto em questão, o que se sabe mesmo é que os repasses do benefício irão seguir essa mesma lógica nos dois primeiros pagamentos.

Como estamos falando de um benefício de liberação bimestral, então os primeiros dois pagamentos acontecerão em dezembro de 2021 e fevereiro de 2022. Logo, imagina-se que qualquer mudança só vai acontecer mesmo após este período.

Quando começa?

O plano e a promessa do Governo Federal é começar a pagar o vale-gás nacional ainda neste mês de dezembro. Acontece que tudo vai depender da votação do Projeto de Lei (PL) que libera o benefício em tramitação no Congresso Nacional.

Na última segunda-feira (13), esse projeto chegou a entrar em pauta, mas por causa da falta de acordo entre os líderes partidários, ele acabou sendo travado. A expectativa é que uma nova tentativa de votação aconteça nesta sexta-feira (17).

4/5 - (1 vote)

Veja o que é sucesso na Internet:

1 comentário
  1. Flavia Lúcia Pereira dos Santos Diz

    E muito bom

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.