Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

4.2/5 - (24 votes)

Salário mínimo definido mais uma vez abaixo da inflação: veja o valor

O Governo Federal utilizou 10,02% para reajustar o piso nacional, no entanto, conforme a divulgação do IBGE e INPC, o percentual é de 10,16%, o que gerou um salário mínimo inferior ao que devia.

Na última terça-feira (11), o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) divulgou a taxa inflacionária acumulada no decorrer de 2021, definida pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC).

Veja também:Vale Gás NACIONAL 2022: Revelada data do início dos pagamentos

A inflação é utilizada para estabelecer o valor do salário mínimo anualmente. O Governo Federal utilizou 10,02% para reajustar o piso nacional, no entanto, conforme a divulgação do IBGE e INPC, o percentual é de 10,16%, o que gerou um salário mínimo inferior ao que devia.

Reajuste abaixo da inflação

De acordo com a Constituição, o reajuste do piso ocorre para que os cidadãos não percam o poder de compra frente a inflação. A ação deve ser realizada todo início de ano com base nas perdas inflacionárias do ano anterior.

De acordo com o Ministério da Economia, a situação acontece, por que, “historicamente, a diferença, seja negativa ou positiva, entre a estimação e o dado realizado do INPC é restabelecida na composição do salário mínimo do ano posterior”, diz em nota.

A equipe ainda disse que o reajuste do salário mínimo é aplicado no primeiro dia do ano desde 2010. Desta forma, o Governo Federal utiliza a projeção do IBGE com os dados inflacionários entre janeiro e novembro, contando ainda com a estimativa do INPC no mês de dezembro.

Como funciona o cálculo do salário mínimo?

Todos os anos, no mês de dezembro, representantes do poder Executivo realizam um cálculo de quanto deve ser o salário mínimo no ano seguinte, segundo a regra em vigente. Lembrando que até 2019, a correção do piso nacional era realizada por duas bases, sendo elas o PIB (Produto Interno Bruto) e o INPC.

No entanto, desde 2020 essa regra mudou. O PIB deixou de ser utilizado na base de cálculo mantendo apenas o INPC como referencial de reajuste. Isso faz com que o salário mínimo não receba ganhos reais, ficando sempre no nível da inflação.

Todavia, o maior problema se refere a correção abaixo da inflação. Este ano o governo utilizou uma previsão no valor de 10,02% para o INPC, o que somados aos R$ 2 que ficou em falta no piso do ano passado, a remuneração também ficou abaixo da taxa. Desta forma, o salário mínimo ficou definido em R$ 1.212.

4.2/5 - (24 votes)
14 Comentários
  1. daniel oliveira Diz

    O povo aceita caladinho fazer o que

  2. Roger Souza Diz

    Criar LEI Constituinte que, estipule, que todo Político brasileiro , receba no máximo 3 salários mínimos, só isso. Daí todos iriam cair fora da mamata. Simples assim

  3. ISAC DE CASSIO PEREIRA MACHADO Diz

    Esses políticos deveria receber salário mínimo também
    Daí vcs vão ver . salário mínimo subir

  4. MARIA TEREZA DE AGUIAR Diz

    É simples… querem mais é que morramos, pra sobrar cada vez mais, pra eles…

  5. Vinícius Diz

    Vagabundos , trabalhamos o ano todo e o salário que ganhamos é somente para sobreviver ,o nosso dinheiro perdeu o valor nas nossas mãos,
    com administração desses vagabundos

  6. Maria do Carmo Diz

    O IBGE está ignorando qdo se fala de inflação, o salário mínimo era pra ser no mínimo, cinco mil reais! os nossos colarinhos brancos qdo aumentam os seus salários por conta própria é, de mais quarenta por cento, e para o povão fica falando que o Brasil está quebrando?! Muito simples começar diminuir noventa por cento os gastos deles, residência, sapato, viagens e muito mais

  7. Izidorio Mariano de Lima filho Diz

    Realmente, uma ninharia de nada em relação aos salários desses políticos ladrões. É uma LÁSTIMA as vantagens que eles tem. Salários altíssimo e os trabalhadores sofrem pra ganhar por mês. Até quando viveremos nesse sofrimento. Os políticos só roubam e não fazem nada pra melhorar a vida de quem os elegem…..

  8. Henry Diz

    Enquanto existir um momento te de tipo de benefícios tanto pros políticos ,quanto pra pessoas q se aproveitam ,vai continuar a msm merda sempre infelizmente.

  9. Diná Laurentina Pereira Diz

    Acham que estão sendo justos,esses vagabundos trabalham dois dias na semana,recebem todo tipo de auxílio,e acham que o verdadeiro trabalhador,tem que sobreviver com essa mixaria, isso é uma vergonha… infelizmente essa é a realidade,temos um pais tão rico e maravilhoso,mas,temos no comando um bando de ladrões e vagabundos sem noção…

  10. Elton Luis Fontana Diz

    É muita guerra por tão pouco. Por favor Brasil (e site esse), vamos ser meis autênticos e sérios??

  11. Nilson Diz

    Único q nós temos q confiar e só em Deus! Políticos são verme!

  12. C.A Cavaleiro Diz

    Eles tá com os bolsos cheios aí aumenta essa mixaria são todos farinha do mesmo saco.

  13. Nay Diz

    Pro pobres uma mixaria aí da reclamo bando políticos vagabundoa

  14. Claudio Diz

    Ingraçado é que tudo aumentou cerca de 30% ou mais e o salario minimo só aumenta 10% isso são uns politicos de merda mesmo.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.