Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

SAIU! Liberado novo calendário de pagamentos do INSS 2021

O ano de 2020 encerra nesta quinta-feira, 31 de dezembro. Agora, com a chegada do ano novo, muitos são os segurados do INSS que buscam informações sobre os pagamentos e também o calendário de pagamentos para o novo ano. O calendário serve de referência para aproximadamente 35,8 milhões de segurados, que envolvem aposentadorias, pensões, auxílios e BPC.

Segundo o cronograma de pagamentos liberado pela autarquia, as datas de pagamentos variam conforme o valor do benefício e o número final do benefício, sem considerar o dígito. Veja o exemplo:

  • beneficiário que tem número do benefício é 132.645.871 – 0, desconsidere o 0 (dígito). O número final é 1.

Como será feito os pagamentos?

Os pagamentos por meio do INSS acontecerão da seguinte maneira:

  • Primeiramente receberão quem recebe um salário mínimo;
  • Para quem ganha mais do que o salário as datas são diferentes para recebimento.

Vale destacar que caso aconteça algum pagamento no feriado, o depósito será realizado no próximo dia útil.

Qual será o valor pago?

Quem recebe um salário mínimo por meio do INSS terá o seu benefício reajustado pelo Governo. Para 2021, o valor vai aumentar de R$1.045 para R$1.100, o que representa um aumento nominal de 5,26%.

Sendo descontado a inflação projetada pelo Governo para 2020, cujo percentual foi de 4,11%, um salário mínimo de R$ 1.100 representa aumento real de 1,2%.

O novo valor de R$1.100,00 corresponde ao salário mínimo nacional que será pago a partir de 2021. O valor serve como referência para trabalhadores (setor público e privado), e também para as aposentadorias e pensões.

Calendário de pagamentos do INSS 2021

Final 1

Para quem ganha até um salário mínimo

  • 25/1
  • 22/2
  • 25/3
  • 26/4
  • 25/5
  • 24/6
  • 26/7
  • 25/8
  • 24/9
  • 25/10
  • 24/11
  • 23/12

Para quem ganha mais de um salário mínimo

  • 1º/2
  • 1º/3
  • 1º/4
  • 3/5
  • 1º/6
  • 1º/7
  • 2/8
  • 1º/9
  • 1º/10
  • 1º/11
  • 1º/12
  • 3/1/2022

Final 2

Para quem ganha até um salário mínimo

  • 26/1
  • 23/2
  • 26/3
  • 27/4
  • 26/5
  • 25/6
  • 27/7
  • 26/8
  • 27/9
  • 26/10
  • 25/11
  • 27/12

Para quem ganha mais de um salário mínimo

  • 2/2
  • 2/3
  • 5/4
  • 4/5
  • 2/6
  • 2/7
  • 3/8
  • 2/9
  • 4/10
  • 3/11
  • 2/12
  • 4/1/2022

Final 3

Para quem ganha até um salário mínimo

  • 27/1
  • 24/2
  • 29/3
  • 28/4
  • 27/5
  • 28/6
  • 28/7
  • 27/8
  • 28/9
  • 27/10
  • 26/11
  • 28/12

Para quem ganha mais de um salário mínimo

  • 3/2
  • 3/3
  • 6/4
  • 5/5
  • 4/6
  • 5/7
  • 4/8
  • 3/9
  • 5/10
  • 4/11
  • 3/12
  • 5/1/2022

Final 4

Para quem ganha até um salário mínimo

  • 28/1
  • 25/2
  • 30/3
  • 29/4
  • 28/5
  • 29/6
  • 29/7
  • 30/8
  • 27/9
  • 28/10
  • 29/11
  • 29/12

Para quem ganha mais de um salário mínimo

  • 4/2
  • 4/3
  • 7/4
  • 6/5
  • 7/6
  • 6/7
  • 5/8
  • 6/9
  • 6/10
  • 5/11
  • 6/12
  • 6/1/2022

Final 5

Para quem ganha até um salário mínimo

  • 29/1
  • 26/2
  • 31/3
  • 30/4
  • 31/5
  • 30/6
  • 30/7
  • 31/8
  • 30/9
  • 29/10
  • 30/11
  • 30/12

Para quem ganha mais de um salário mínimo

  • 5/2
  • 5/3
  • 8/4
  • 7/5
  • 8/6
  • 7/7
  • 6/8
  • 8/9
  • 7/10
  • 8/11
  • 7/12
  • 7/1/2022

Final 6

Para qualquer valor

  • 1º/2
  • 1º/3
  • 1º/4
  • 3/5
  • 1º/6
  • 1º/7
  • 2/8
  • 1º/9
  • 1º/10
  • 1º/11
  • 1º/12
  • 3/1/2022

Final 7

Para qualquer valor

  • 2/2
  • 2/3
  • 5/4
  • 4/5
  • 2/6
  • 2/7
  • 3/8
  • 2/9
  • 4/10
  • 3/11
  • 2/12
  • 4/1/2022

Final 8

Para qualquer valor

  • 3/2
  • 3/3
  • 6/4
  • 5/5
  • 4/6
  • 5/7
  • 4/8
  • 3/9
  • 5/10
  • 4/11
  • 3/12
  • 5/1/2022

Final 9

Para qualquer valor

  • 4/2
  • 4/3
  • 7/4
  • 6/5
  • 7/6
  • 6/7
  • 5/8
  • 6/9
  • 6/10
  • 5/11
  • 6/12
  • 6/1/2022

Final 0

Para qualquer valor

  • 5/2
  • 5/3
  • 8/4
  • 7/5
  • 8/6
  • 7/7
  • 6/8
  • 8/9
  • 7/10
  • 8/11
  • 7/12
  • 7/1/2022

Leia Também:

Está "bombando" na Internet:

Acesse www.pensarcursos.com.br
5 Comentários
  1. LEONTINA ANTONIA DA SILVA Diz

    Não tive natal e n Reveion

    .comi arroz , feijão e taioba e hoje nem sei…carne?fiquei apenas com o cheiro no ar,vindo das casas de vizinhos.,.socorro
    Alguém me ajuda,fiquei esperando AQUELES 2.000 e com tristeza vi 1ue o covarde não aprovou…. até os viciados em drogas receberam benefício e fizeram a festa….quero nada não, só comida na mesa,aliás no prato,porque nem mesa tenho…meu nome é LEONTINA,tenho 61 anos e recebo PENSÃO PÓS MORTE,QUE ESTÃO AGORA QUERENDO TIRAR…JESUS NOS ABENÇOE E COLOQUE AMOR NO CORAÇÃO DESSAS AUTORIDADES…OBRIGADO

  2. Ana Diz

    Como pode um beneficiário do inss ficar um mês sem receber,vai comer o quê?é o mês de janeiro q o beneficiário não vai receber ,vai para onde?

  3. Jefferson dos santos leão Diz

    Toma no cu estão gastando um dinheiro com esse auxílio emergêncial mais para os aposentados e pensionistas não fizeram nada só fica nesse lenga lenga !!!

  4. Lorena Machado Pacheco Diz

    Eu, estou esperando que saia minha aposentadoria , para poder pagar um plano de saúde, e realizar à cirurgia p colocação de próteses nos joelhos .Como já foi recomendada, pelos medicos especialistas na área de ortopedia e traumatologia. Tenho gonartrose bilateral nos joelhos e tbm muitas dores e limitações. Já se vão quatro (4) anos restrita ao leito . Porém por uma força divina, tenho cuidando do meu esposo q necessita de cuidados, pq perdeu á visão por completo e tem mais comorbidades q o impedem de realizar coisas simples do dia a dia. Tudo q falei é verídico. Quisera eu, se fosse diferente, pq neste Novo Ano q se inicia meu desejo é singelo…. Poder caminhar e ñ sentir tanta dor!!!!! Paz e bem!

  5. Joelma Schritzmeyer Diz

    VOCEIS ESTÃO FICANDO MALUCOS E, ESTÃO DEIXANDO O POVO TAMÉM.
    PEGUEI VÁRIAS TABELAS, A ÚLTIMA QUE ANOTEI, NO DIA 05/01, IRIA RECEBER MEU SALÁRIO,
    AGORA VOU RECEBER SÓ 02/02, VOU FICAR SEM SALÁRIO NO MÊS DE JANEIRO, SE NÃO TENHO NADA EM CASA, PARA LIMPESA, COMIDA, COMO VOU VIVER.
    POR FAVOR, VOLTEM COMO ERA ANTES.
    SABEM O QUE VAI ACONTECER COM ESSAS TABELAS MALUCAS, VAI TER AGLOMERAÇÃO NOS BANCOS, NOS ALTO ATENDIMENTOS E, O POVO NÃO TEM CULPA.
    APESAR DOS MEUS 79 ANOS, NÃO QUERO FICAR DOENTE.
    COLOQUEM OS PÉS NO CHÃO E NÃO FAÇAM MAIS BURRADAS (SERIA OUTRA PALAVRA),
    A CENSURA NÃO DEIXA.

    ATENCIOSAMENTE

    JOELMA SCHRITZMEYER – MOGI DAS CRUZES / SP

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.