Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

Avalie o Texto.

Saiba como cuidar do seu carro diante fortes chuvas: veja 20 dicas

infelizmente os desabamentos de água têm deixado os condutores muitas vezes ilhados em enchentes ou sem que o limpador de para-brisa consiga vencer a quantidade de água da chuva.

Proprietários de veículos estão preocupados devido as fortes chuvas nos últimos dias. Isso porque, infelizmente os desabamentos de água têm deixado os condutores muitas vezes ilhados em enchentes ou sem que o limpador de para-brisa consiga vencer a quantidade de água da chuva.

Veja também: Caixa Tem: Tutorial de como antecipar o saque do FGTS via aplicativo

Pensando nisso, o engenheiro mecânico e especialista em manutenção de automóveis, Denis Marum, dá dicas de algumas ações preventivas que devem ser tomadas para não deixar o condutor em perigo ou danificar o automóvel.

“Só no meio do temporal, percebemos que era necessário trocar a palheta do para-brisa ou a bateria, porque há sobrecarrega com a parte elétrica acendendo as lanternas, ar condicionado, desembaçador traseiro e o rádio para saber qual melhor alternativa de trânsito. Todos os motoristas devem checar esses itens, mas os que têm carros com mais de dois anos devem ter cuidado especial para o estado da bateria”, alerta.

Dicas de prevenção para enfrentar os dias de chuva:

  1. A bateria do carro deve estar sempre em bom estado e carregada.
  2. As palhetas do para-brisa não podem estar ressecadas ou desgastadas;
  3. A água do esguicho deve ter líquido desengordurante (detergente ou similar);
  4. As luzes das lanternas devem estar em perfeito estado;
  5. Os pneus não podem estar carecas;
  6. Faça manutenção frequente do sistema de freios;
  7. Verifique se os desembaçadores traseiro e dianteiro estão funcionando;
  8. As borrachas das portas devem estar em bom estado para vedar a entrada de água;
  9. Evite entrar em áreas alagadas; e
  10. Se atente aos aplicativos de trânsito e noticiário de rádio para saber como evitar as áreas alagadas.

“Não enfrente a enchente achando que pode ultrapassá-la. Como os veículos têm os comandos elétricos, é muito fácil o carro dar pane e você ficar no meio da água”, explica Marum.

Caso esteja em um congestionamento e a água suba rápido, procure:

  1. Acelerar o carro durante toda travessia para evitar a entrada de água pelo escapamento;
  2. Evitar “quebra-molas” ou lombadas para que a água não alcance a entrada do filtro de ar;
  3. Fique atento a passagem de caminhões e carros ao seu lado ou em sentido contrário;
  4. Caso o carro morra, não tente fazê-lo pegar. Peça ajuda e retire-o do local onde está parado; e
  5. Confira a altura máxima para passar numa área alagada, sendo de até metade da roda.

Para os condutores que tiveram seus veículos alagados, é preciso ser rápido na manutenção interna, principalmente do motor. “Depois de enfrentar a enchente, o carro precisa ir para uma oficina e passar pela verificação detalhada e lavagem interna completa, senão a perda e a desvalorização serão ainda maiores”, completa Marum.

  1. Será necessário trocar os óleos do motor, transmissão e diferencial do veículo;
  2. Limpar a parte externa do radiador;
  3. Verificar o filtro de ar e água nos faróis;
  4. Limpar o sistema de freios; e
  5. Fazer uma limpeza interna, nos bancos, carpete e forrações.
Avalie o Texto.
Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.