Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

Avalie o Texto.

Rotina de liderança: Você tem uma rotina?

A rotina de liderança pode ser uma forte aliada no desenvolvimento de qualquer líder. Por meio dela se torna possível estabelecer uma melhor organização das metas e das ações do líder.

Porém, o que não deve faltar nessa rotina de trabalho? E por que ela é tão importante? Esses e outros questionamentos respondemos no decorrer deste conteúdo. Continue lendo.

Por que ter uma rotina de liderança?

A rotina de liderança é de suma importância para aqueles que querem, verdadeiramente, desenvolver-se enquanto líder. Isto é, não é porque você já é líder que não precisa colocar em prática uma organização para manter o seu constante crescimento.

Todos nós precisamos de rotinas, prioridades, metas e métodos. Caso contrário, podemos cair no erro de “caminhar em círculos”.

Assim sendo, se você deseja ser um líder exemplar e quer oferecer um suporte inteligente aos seus liderados, comece a estabelecer uma rotina estruturada para você!

Quais ações não devem faltar em uma rotina de liderança?

Quando pensamos nas ações que não devem faltar em uma rotina de liderança, podemos focar nos feedbacks, no acompanhamento do time, no espaço para conhecer cada colaborador, etc.

Essas ações permitem que o líder tenha uma visão mais profunda do seu grupo, viabilizando tomadas de decisão que são mais inteligentes.

Abaixo destacamos essas e outras ações com mais detalhes:

1. Feedbacks periódicos e consistentes

Os feedbacks devem fazer parte da rotina de liderança de qualquer líder, independente da área de atuação. Sem feedbacks qualificados e periódicos, o time pode ficar muito “desamparado”, uma vez que não recebe nem reconhecimentos, e nem “correções”.

Portanto, comece a criar um cronograma de feedback para a sua equipe e trabalhe em cima disso.

2. Acompanhamento

Acompanhe o seu time de perto. Esteja sempre disponível e por perto do que estiver acontecendo. Se você criar um abismo entre você e os seus liderados, há chances de haver uma grande desconexão entre vocês.

Assim sendo, procure encaixar na sua rotina de liderança esse acompanhamento. Claro que você não precisa “colar” nos liderados, o tempo todo, mas é necessária uma certa proximidade.

3. Busca por desenvolvimento do time

Inclua na sua rotina a busca pelo desenvolvimento do seu time. Será que vale ir atrás de um curso específico para oferecer aos colaboradores? Que tal uma palestra? E uma roda de conversa? Tudo isso precisa fazer parte do cotidiano da empresa.

4. Espaço para conhecer o time

Abra um espaço para conhecer o seu time. Esteja por perto, discutam sobre coisas que, às vezes, não têm a ver com o trabalho. Chame para um café, fale sobre informalidades… Tudo isso lhe ajuda a conhecer melhor cada um, criando uma conexão mais forte que, mais tarde, ajuda na hora de delegar tarefas.

5. Planos e metas estruturados

A sua rotina de liderança também precisa considerar a necessidade de investir em planos e metas estruturados. Você precisa saber aonde deseja chegar e como chegará lá. Caso contrário, poderá “andar em círculos”, sem crescer e sem abrir caminhos para os liderados.

Avalie o Texto.

Veja o que é sucesso na Internet:

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.