Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

4.3/5 - (24 votes)

RETORNO do auxílio emergencial é cogitada NESTA situação

O retorno do auxílio emergencial está sendo cogitada. Inicialmente, é preciso destacar que os planos do Governo Federal acerca do auxílio emergencial podem ser alterados.

O retorno do auxílio emergencial está sendo cogitada. Inicialmente, é preciso destacar que os planos do Governo Federal acerca do auxílio emergencial podem ser alterados. Uma nova ameaça já está se dissipando no mundo. Trata-se da variante do coronavírus chamada Ômicron, detectada nas últimas semanas.

Veja também: NOVO auxílio de R$400 será pago para todos em janeiro? VEJA!

Como ocorreu na segunda da onda da pandemia no país, o Ministério da Economia pode criar uma nova PEC de Guerra, caso a nova cepa se espalhe pelo Brasil. Com a proposta, é possível que haja uma nova prorrogação do Auxílio Emergencial.

Normalmente o texto prevê que recursos fora do teto de gastos sejam utilizados para o financiamento de um programa, como é o caso da PEC dos Precatórios, que caso aprovada viabilizará mensalidades de R$ 400 por meio do Auxílio Brasil.

Caso a PEC do Orçamento de Guerra seja sancionada, terá vigência equivalente ao período em que for decretado o estado de calamidade pública. Quando foi adotada em 2020, impulsionou a implementação de várias outras medidas frente a pandemia.

Dentre elas, o redirecionamento dos gastos necessários para o combate à Covid-19 do Orçamento Geral da União (OGU), contratação de serviços temporários, compras de produtos e insumos necessários e realização de obras.

O Auxílio Emergencial será prorrogado?

Vale salientar que para tornar a prorrogação do coronavoucher possível algumas expectativas do Governo Federal precisam ser anuladas, a destacar a aprovação da PEC dos Precatórios. A medida visa criar espaço no Orçamento da União de 2022 liberando recursos para o financiamento do Auxílio Brasil.

O novo programa social está substituindo o Bolsa Família. Com o dinheiro dos precatórios será possível que o presidente da república, Jair Bolsonaro, cumpra sua promessa de viabilizar mensalidades médias no valor de R$ 400 para cerca de 17 milhões de famílias em situação de vulnerabilidade.

Diante disso, somente se os planos para o Auxílio Brasil derem errado, o Governo deverá editar uma nova Medida Provisória para liberar mais uma rodada do Auxílio Emergencial. Todavia, apoiadores de Bolsonaro pressionam o chefe do Executivo a conceder uma nova prorrogação.

Isso porque, 2022 é ano eleitoral e o presidente da república pode ser mal visto considerando as mais de 20 milhões de pessoas desamparadas economicamente. Contudo, para saber mais sobre esse caso é preciso estar atendo as informações das próximas semanas.

4.3/5 - (24 votes)

Veja o que é sucesso na Internet:

17 Comentários
  1. Andre lino Diz

    Converterá somos bataĺla dores sera que tao deficil o governo ajuda o póvo brasileiro

  2. Simone Barbosa Diz

    Não tem investimento nenhum em educação os governantes querem o seus eleitores ignorantes e pobres infelizmente está a realidade do Brasil.

  3. Eliana Diz

    Eu particularmente só tenho a agradecer,pelo axilio Emegencial, espero que realmente voute porque como eu muitos estão sentindo muita falta 😔 Que Deus abençoe a todos nós amém.🙏

  4. Rita Diz

    E vc mel,só fala besteira kkkk,se ponha no lugar das pessoas que realmente estão precisando,por mais empatia

  5. Guilhermina Zardini Diz

    Queria saber se o governo vai voltar o auxílio de 150 também é pouco mas ajuda, é injusto tirar isso das pessoas que precisam.

  6. Monica pinto de souza Diz

    Também acho injusto.tantos trabalhadores e pai de familia sem emprego .em plena pandemia e natal e ano novo chegando é triste doi de mais nao ter o que dar pros filhos uma comida e quem dira um presentinho que as crianças sempre esperam .eu nao estou passando fome mas nessecidade sim .estou desempregada mais de um ano tenho uma filha que no momento esta morando comigo e uma netinha de um ano e onze meses e ela tambem esta desempregada . E nem eu e nem ela esta recebendo o novo auxilio

  7. Gugu Diz

    Só no Brasil mesmo pra acabar com auxílio que por direito é da população

  8. Joedla Elza Diz

    E fácil .. para eles cortarem os benefícios, queria que eles vivessem um terço doque nos passamos só para ver se eles aguentaria .. a dor da fome , a dor de abrir os armários e ver as coisas faltando, fica aflito sem ter aí menos um bico pra fazer…

    O pouco que pagassem ajudava,quantas e quantas mães e pais de família sofrem por tudo isso, botem na consciência ,tem gente aí recebendo 400 reais para ta luxando fazendo unha cabelo indo pra festas e nos que vivemos de vivemos de favor? Onde ficamos??

  9. Daniela Gonçalves Diz

    O auxílio emergencial deveria acabar junto com a pandemia. Só acho!

  10. HILMA SANTANA COSTA Diz

    O pior não e isso e os aposentados e pensionistas q ficaram de fora do auxílio tendo q ajudar a familia q ficou desempregados e o governo so fala desse décimo quarto salario e nunca sai do papel ae meu presidente olha pelos aposentados e pensionistas q estao no sufoco

  11. Maria Madalena de Souza Diz

    Injusto está sendo com um grupo de pessoas que tem entre 60 à 64 que não teve como se aposentar, por conta da mudança do sistema previdenciário e agora vive de brisa .Sem nenhum auxilio, sem emprego …não há, emprego pra essa gente.

  12. Edvani Diz

    Desempregada, estou vivendo de doações 😢

  13. Amilton Diz

    Eu fazia participação do MEI, com uma simples vendas de pastéis, batatinha e coxinha, com o encerramento do auxílio emergencial, fiquei sem poder comprar mercadoria e pagar as prestações do programa MEI, e infelizmente,com muita tristeza fechei o
    MEI

  14. Mel Diz

    Vão trabalhar cambada.. Apreenderam a ter dinheiro fácil com o bolsa esmola do pt neh.. Kkk

  15. Vania Teresa Lanschi Ferreira Diz

    É injusto os informais e os desempregados ficarem sem o auxílio emergencial. Esse desgoverno não tem um programa de geração de emprego e renda. Tem gente já passando aperto e não tendo o que comer.

  16. Maria Helena Diz

    É injusto nós trabalhadores informais ,ficar sem assistência do governo nesse tempo difícil q estamospassamos 😢

  17. Graziele Rocha Rodrigues Diz

    Porque meu benefício acabou

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.