Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

Restituição Imposto de Renda 2021: consulta de novo lote é liberado

Você se pergunta sobre o calendário de restituição do imposto de renda 2021? Você quer saber quando vai receber? Qual a data dos lotes de restituição? Leia o artigo até o final e fique por dentro e tudo que já se sabe.

Uma boa notícia para quem espera pela restituição do imposto de renda 2021 deve animar, o último lote já está liberado para consulta. De acordo com a Receita Federal os pagamentos devem ser feitos no próximo dia 30.

Para saber se você receberá neste segundo lote, você poderá consultar das seguintes formas:

Quando será o pagamento do 5º lote da restituição do imposto de renda 2021? 

Apesar da consulta do segundo lote de restituição ter sido liberado para esta quinta-feira (23), o pagamento está previsto para o dia 30.

Ao todo, a Receita Federal prevê que 358.162 milhões de contribuintes devem receber algum valor de restituição, somados os valores chegam a R$ 562 milhões.

O lote e valores também tem incluso restituições do imposto de renda de anos anteriores.

  • idosos acima de 80 anos (4.955 pessoas);
  • Pessoas entre 60 e 79 anos (47.465 pessoas);
  • Contribuintes com alguma deficiência física ou mental ou moléstia grave (4.927 pessoas);
  • Contribuintes cuja maior fonte de renda seja o magistério (19.211 pessoas);

Confira o calendário completo do imposto de renda 2021:

  • 1º lote: 31 de maio (já pago);
  • 2º lote: 30 de junho;
  • 3º lote: 30 de julho;
  • 4º lote: 31 de agosto;
  • 5º lote: 30 de setembro.

Malha fina

A restituição acontece por ondem de entrega da declaração do imposto de renda, mas a inconsistência de dados (malha fina) pode ser um problema.

A inconsistência acontece quando a Receita Federal entende que você deixou de declarar alguma informação ou valores, por isso sua declaração é retida.

Os valores de restituição podem ser liberados depois que os dados forem corrigidos pelo contribuinte.

Leia Também:

Está "bombando" na Internet:

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.