Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

Principais impactos sociais do desmatamento

O desmatamento é um tema que está sempre em debate no contexto ecológico. No entanto, é preciso compreender também quais são os prejuízos econômicos e políticos que resultam dessa prática.

Em primeiro lugar, podemos destacar os conflitos sociais. É comum abrirmos o jornal e nos deparamos com notícias de conflitos violentos entre indígenas e garimpeiros. Muitas vezes, esses conflitos se estendem por meses, e muitas vidas são perdidas nesse processo.

Outro impacto que podemos notar, associado ao anterior, é o genocídio dos povos indígenas. Isso se dá porque o avanço do desmatamento atinge diretamente a demarcação das terras indígenas. Há anos a relação desse povo com o lugar onde vive é ignorada pelos governantes.

Agredir a floresta de modo deliberado causa um enorme desequilíbrio na natureza. Esse comportamento reflete em fenômenos como furacões, ciclones, enxurradas, e até tsunamis, por exemplo, que atingem milhares de pessoas todos os anos. Além disso, há também as doenças e outros problemas de saúde que fazem centenas de vítimas.

O reflexo negativo na economia é visível, e há algum tempo vem derrubando a imagem do Brasil diante de outros. Muitos deles têm se negado a importar os produtos do Brasil por conta da má fiscalização dos recursos naturais. Por isso, nações como a Finlândia, por exemplo, chegaram a parar de comprar a soja e a carne do Brasil. Outros países propuseram um boicote envolvendo toda a União Europeia.

No entanto, é importante lembrar que o desmatamento nem sempre é ilegal. A lei de n. 11.428/2006 permite a retirada controlada de vegetação em áreas de Mata Atlântica, por exemplo. O problema são as flexibilizações ilegais dessa permissão, concedidas muitas vezes em benefício pessoal de latifundiários.

E aí? Gostou do texto? Então deixe aqui o seu comentário!

Veja também O que é e como funciona uma ONG.

Leia Também:

Está "bombando" na Internet:

Acesse www.pensarcursos.com.br
Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.