Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

Pix Saque e Pix Troco: benefícios para clientes e comerciantes

Confira quais são os benefícios do Pix Saque e do Pix Troco para clientes e comerciantes, conforme definição do Banco Central. Veja!

Pix Saque e Pix Troco

O Banco Central definiu que em novembro, a partir do dia 29, serão implementados o Pix Saque e o Pix Troco. Confira algumas das vantagens dessas melhorias, conforme definição do próprio BC.

Não haverá cobrança de tarifas para clientes 

Conforme informa o BC, não haverá cobrança de tarifas para clientes pessoas naturais (incluindo empresários individuais) por parte da instituição detentora da conta de depósitos ou da conta de pagamento pré-paga para a realização do Pix Saque e/ou do Pix Troco para até oito transações mensais.

Pix Saque e do Pix Troco: quais são as vantagens para o comércio?

 Além disso, para o comércio que disponibilizar o serviço, as operações do Pix Saque e do Pix Troco representarão o recebimento de uma tarifa que pode variar de R$ 0,25 a R$ 0,95 por transação, a depender da negociação com a sua instituição de relacionamento, informa o BC.

O Banco Central informa que a instituição de relacionamento do usuário sacador é quem fará o pagamento dessa tarifa. O uso do serviço será totalmente gratuito para o cliente final pessoa física até 8 operações por mês.

Sendo assim, a oferta do serviço diminuirá os custos dos estabelecimentos com gestão de numerário, como aqueles relacionados à segurança e aos depósitos. Além de possibilitar que os estabelecimentos ganhem mais visibilidade para seus produtos e serviços (“efeito vitrine”).

Incentivo constante à digitalização e à redução de custos nas operações

Por outro lado, para o Sistema Financeiro Nacional (SFN), as melhorias representam um incentivo constante à digitalização e à redução de custos nas operações. Além disso, ainda estimulam a competição, ao facilitar a oferta de serviço de saque por fintechs e instituições digitais, nivelando condições concorrenciais, observa o BC.

Segurança nas transações

Além disso, o Pix Saque e o Pix Troco se atêm às estritas normas de segurança do serviço. Pois o prestador de serviço de saque deverá avaliar a necessidade de estabelecer limites transacionais aos agentes de saque, de acordo com dados como perfil, localização, horários e outros critérios de segurança, por exemplo. 

Além disso, o Pix Saque, quando ofertado, deve estar disponível para todos os clientes de qualquer instituição participante do Pix. Dessa maneira, o BC informa que com a adoção do Pix Saque e do Pix Troco, o Banco Central espera continuar a incentivar a digitalização da sociedade nos sistemas financeiro e de pagamentos, como prevê a Agenda BC#, na sua dimensão competitividade. É importante acompanhar o site do Banco Central para verificar possíveis alterações no cronograma do Pix.

Leia Também:

Está "bombando" na Internet:

Acesse www.pensarcursos.com.br
Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.