Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

O que fazer com um funcionário preguiçoso?

O que fazer com um funcionário preguiçoso? Como lidar com esse tipo de colaborador? Será que a demissão é o único caminho?

São tantas perguntas, não é mesmo? Por isso, trouxemos algumas ideias que podem lhe ajudar a melhorar esse tipo de situação. Afinal, sabemos o quanto isso pode ser bem complicado dentro de qualquer empresa!

Para saber mais, continue conosco até o fim do texto.

O que fazer com um funcionário preguiçoso?

Primeiro de tudo, pense antes de simplesmente falar algo para o funcionário. Embora ele possa estar errado por conta da preguiça no trabalho, ele ainda é um ser humano, passível de questões emocionais.

Às vezes, essa preguiça está mais associada com a carga inapropriada de trabalho ou até mesmo com problemas pessoais. Por isso, exercite a sua paciência e empatia antes de “atirar pedras” com as palavras, ok?

Conversar de maneira franca e civilizada é sempre um bom ponto de partida. Mas, além de compreender o que se passa no coração e na mente do colaborador, veja também outras sugestões:

1- Ajude-o a organizar uma rotina com boas metas

Às vezes o colaborador sequer é preguiçoso, mas sim, uma pessoa desorganizada e sem metas coerentes.

Portanto, se você é um líder inspirador, foque em ajudá-lo a organizar a rotina. Ajude-o a entender quais tarefas estão consumindo o tempo do colaborador de forma errônea, e trace, junto dele, metas diárias – que deverão ser sempre cumpridas.

Da mesma maneira, lembre-se de cogitar o período de margem de erro ao longo do dia, como por exemplo, 1 hora de flexibilidade para potenciais imprevistos. Isso impedirá que tarefas se acumulem e imprevistos tornem o trabalho truncado.

2- Esteja sempre dando bons feedbacks

É claro que não adianta apenas traçar metas e ajudar o colaborador a criar uma rotina mais equilibrada se você não der bons feedbacks.

É fundamental acompanhar a evolução do liderado, sempre ajudando-o a entender o que pode mudar, melhorar e o que deve ser descartado.

Por isso, se você quer realmente saber o que fazer com um funcionário preguiçoso, coloque a cultura do feedback como prioridade em sua empresa.

3- Saiba “cobrar” da maneira certa

Se a pessoa realmente for preguiçosa e sem vontade de fazer as obrigações dela, provavelmente deixará de cumprir alguns prazos de vez em quando. Sendo assim, aprenda a cobrar as obrigações do seu colaborador.

Não seja uma pessoa rude ou muito “agressiva” com as palavras, mas demonstre o desapontamento mediante algo que foi acordado, mas não foi cumprido.

Demonstre, também, acreditar no potencial da pessoa, mas diga que você não pode forçá-la a nada, mas espera que, ao menos, cumpra com a própria palavra.

4- Entenda qual o momento de dar um basta na situação

Além de aprender o que fazer com um funcionário preguiçoso, é fundamental reconhecer o momento de dar um basta.

Se você deu muitas chances à pessoa, conversou, apontou metas, diminuiu a potencial sobrecarga de serviço, mas ainda assim não atingiu bons resultados, talvez seja o momento de procurar outro parceiro profissional.

Não se sinta mal por isso. O importante é dar chance, feedbacks e conversar com o colaborador. Mas, infelizmente, se ele não cumprir com a parte dele, não está no seu alcance mudar isso. Apenas dê um basta e parta para outra. 😉

Leia Também:

Está "bombando" na Internet:

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.