Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

O que é salário emocional? Qual a importância?

Você já ouviu falar em salário emocional? Entenda esse conceito importante.

Entender o que é salário emocional e qual a sua importância podem lhe ajudar a ter um olhar mais atento a esse conceito, a partir de hoje. Por meio dele, torna-se viável a observação do ambiente de trabalho, viabilizando mais qualidade de vida na corporação.

Por conta desses fatores, convidamos você para acompanhar este nosso conteúdo de hoje e saber mais sobre o tema. Vamos lá? 🙂

O que é salário emocional?

O salário emocional nada tem a ver com o dinheiro que você recebe, todos os meses, como pagamento pelos seus serviços. Na realidade, o salário emocional está muito mais envolvido com o ambiente e o clima organizacional.

Ele é composto por diferentes fatores, que podem ainda sofrer alterações a partir do ponto de vista de cada pessoa. É como se ele fosse as “recompensas” e os “prazeres” que o trabalho pode gerar para um indivíduo.

Dentre as possibilidades de se ter um salário emocional positivo, podemos citar:

  • Ambiente de trabalho organizado, sem poluição visual ou auditiva. Um espaço que seja confortável e adequado para as atividades laborais.
  • Reconhecimento do trabalho, que vai além do dinheiro, com feedbacks recorrentes.
  • Quantidade de trabalho alinhada à possibilidade de gestão saudável. Isto é, sem sobrecarga de atividades.
  • Trabalho que gera prazer e felicidade no indivíduo, ou seja, o famoso “trabalhar por amor”.
  • Boas relações no ambiente de trabalho.
  • Flexibilidade quanto ao horário e prazos para determinadas tarefas.
  • Treinamentos e capacitações oferecidas pela corporação.
  • Auxílios específicos e que supram as necessidades dos colaboradores, como por exemplo, o auxílio creche.
  • Premiações e reconhecimentos diferenciados.
  • Folgas qualificadas e remuneradas.
  • Entre outras possibilidades.

Viu só como o salário emocional pode ser bem amplo? Então vamos agora discutir sobre a importância deste!

Qual a importância do salário emocional?

O salário emocional é fundamental na vida de qualquer pessoa. Afinal, como diz o ditado, “dinheiro não traz felicidade”. E realmente não traz, por si só. A saúde mental precisa estar equilibrada para que o salário em dinheiro faça algum sentido, não acha?

Isso porque, convenhamos, a nossa felicidade e motivação não podem estar pautadas apenas no dinheiro que receberemos no mês seguinte, não é mesmo? Caso esteja, as chances de termos crises de ansiedade, estresse e muita frustração no trabalho, são grandes.

Por isso, e por tantos outros motivos, dizemos que o salário emocional é muito importante. É ele quem poderá viabilizar:

  • Mais motivação no dia a dia de trabalho, mesmo diante de desafios mais intensos.
  • Autoestima e autoconfiança mais elevadas.
  • Sensação de bem estar e produtividade mais aflorados.
  • Mais inciativa e criatividade para seguir caminhos mais promissores e positivos para o colaborador e a empresa como um todo.
  • Mais qualidade de vida, felicidade, bem-estar e saúde de maneira geral.
  • Satisfação com a vida como um todo e com o trabalho.
  • Possibilidades de crescimento e planejamento de metas e sonhos.
  • Entre muitos outros benefícios.

Esse salário é fundamental na vida de qualquer pessoa.

E você? Tem recebido um bom salário emocional? Pense sobre isso e cogite discutir com os seus gestores as possibilidades de melhorias. 🙂

Leia Também:

Está "bombando" na Internet:

Acesse www.pensarcursos.com.br
Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.