Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

NOVO auxílio Emergencial de R$ 1.000 criado; saiba quem pode

O Governo do estado do Paraná anunciou a criação de um Auxílio Emergencial para empresas do estado. O benefício em questão vai pagar valores que variam entre R$ 500 e R$ 1000 e vai para estabelecimentos que estão com dificuldades nesta pandemia do novo coronavírus.

De acordo com o Governo local, até mesmo os MEIs poderão receber esse benefício. Eles estão em um dos dois grupos de possíveis beneficiários do programa. A Secretaria divulgou o detalhamento da lógica desses pagamentos para as empresas.

Grupo 1

Segundo as informações oficiais, o Governo do estado dividiu o programa para dois grupos. O primeiro é o dos empreendedores que estão com cadastro ativo no Simples Nacional. Eles precisam comprovar que lucraram até R$ 360 mil durante o ano de 2020 para ter o direito de receber o dinheiro.

De acordo com o Governo, esse grupo vai receber o benefício de R$ 1000. Os pagamentos terão uma divisão em quatro parcelas. Então, pela lógica, esses estabelecimentos irão receber quatro repasses de R$ 250. Pelo menos é isso o que a Secretaria está prometendo.

Grupo 2

O segundo grupo tem os estabelecimentos que estão de fora desses cadastros nacionais. É justamente este o grupo dos MEIs. Aqui também se encontram os restaurantes, bares e lanchonetes. De acordo com o Governo do Estado, cerca de 84 mil empresas deverão receber o Auxílio deste tipo.

Os organizadores adiantaram que essas empresas receberão um benefício de R$ 500. Esse dinheiro passa por uma divisão de dois pagamentos. Então, pela lógica, eles recebem duas parcelas de R$ 250. Para saber quais setores estão em cada grupo, basta abrir o site oficial do Governo do Estado do Paraná e verificar essas informações.

Inscrição

De acordo com os produtores, o processo de inscrição neste programa ainda não começou. No entanto, deve começar em breve. A expectativa do Governo local é publicar a portaria que libera o início do projeto na próxima semana.

Logo depois desta publicação, a empresa vai poder enviar as suas informações por meio de um site oficial do próprio Governo do estado. Então não adianta tentar fazer esse processo agora, porque esse website ainda não está no ar.

Além do site, A Secretaria local quer lançar uma aplicativo. Vai ser por esse app portanto que os beneficiários irão conseguir movimentar o dinheiro do benefício. É portanto algo muito semelhante ao que acontece com o Auxílio Emergencial do Palácio do Planalto com o Caixa Tem.

Auxílio para empresas

Esta não é a primeira, e provavelmente não será a última vez que um Governo do estado faz um programa de auxílios para empresas. É que essa é uma maneira que os Governadores estão encontrando para tentar atenuar a situação destes empresários e microempresários neste momento.

Muitos desses Governos tiveram que aplicar fechamentos dos serviços justamente por causa da pandemia do novo coronavírus. O Objetivo foi portanto evitar aglomerações neste momento. O problema é que isso também acabou tendo um peso negativo em boa parte dos empresários do país.

1 comentário
  1. Pablo Diz

    Clickbait da porra! Vai se fuder! Site bloqueado já!

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.