Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

Avalie o Texto.

Novo Auxílio de R$400 terá vaga para todos? VEJA

De acordo com o Governo Federal, Auxílio Brasil vai atender cerca de 17 milhões de pessoas a partir do próximo ano

O Governo Federal está seguindo nesta semana com os últimos pagamentos da segunda rodada de repasses do Auxílio Brasil. Mas o fato é que já tem muita gente de olho no que vai acontecer mesmo a partir do próximo ano. De acordo com as informações oficiais, mais pessoas entrarão no benefício a partir de 2022.

Hoje, de acordo com o Ministério da Cidadania, cerca de 14,5 milhões de brasileiros estão recebendo o dinheiro do programa em questão. Neste primeiro momento apenas as pessoas que estavam no Bolsa Família até outubro é que estão tendo o direito de receber o montante. Pelo menos é isso o que se sabe até então.

Para janeiro, o Governo espera atender cerca de 17 milhões de pessoas. Isso indica dizer que eles irão inserir pouco mais de 2 milhões de brasileiros na folha de pagamento. Por mais que essa seja uma boa notícia para muita gente, o fato é que esse número ainda não é suficiente para atender todo mundo que precisa do dinheiro.

De acordo com a Rede Nacional de Renda Básica, o Brasil tem neste momento cerca de 19 milhões de pessoas passando fome. Isso inclui os indivíduos que estão no Cadúnico ou não. De alguma forma, o Governo Federal não deve conseguir atender todas elas a partir do próximo ano.

O mesmo pode se dizer do público que estava no Auxílio Emergencial. De acordo com as informações do próprio Ministério da Cidadania, cerca de 25 milhões de brasileiros que estavam recebendo esse benefício estão sem nenhum tipo de ajuda do Governo Federal e, não existe nenhum indício de que esta situação irá mudar.

Não foi por falta de tentativa

Vale lembrar que o Governo optou por não aumentar o número de usuários. A Câmara dos Deputados chegou a aprovar um dispositivo que obrigava o Palácio do Planalto a não deixar mais as filas de espera do programa se formarem.

Entretanto, quando o texto chegou ao Senado, isso acabou mudando. Dessa forma, o Planalto não vai ter mais a obrigação de atender todo mundo, mas sim, apenas os 17 milhões que eles vinham prometendo anteriormente.

Quem deve entrar em janeiro

De acordo com o Ministério da Cidadania, pouco mais de 2 milhões de brasileiros irão conseguir entrar no Auxílio Brasil a partir de janeiro. A expectativa é que eles priorizem apenas as pessoas que estão há mais tempo na fila de espera.

Teoricamente falando, os usuários que faziam parte do Auxílio Emergencial possuem uma chance de entrar no programa. Todavia isso só será possível apenas se eles atenderem a todos os requisitos de seleção deste novo benefício.

Auxílio Brasil

Como dito, o Governo Federal começou os pagamentos do Auxílio Brasil ainda no último mês de novembro. De acordo com o Ministério da Cidadania, naquele primeiro momento as pessoas estavam recebendo um valor de R$ 220 em média.

Agora em dezembro, o número de usuários não aumentou, mas os valores subiram. Ainda segundo o Ministério da Cidadania, neste momento nenhum usuário está recebendo menos do que a cota mínima de R$ 400.

Avalie o Texto.

Veja o que é sucesso na Internet:

2 Comentários
  1. Maria Aparecida Diz

    Eu preciso

  2. Maria Aparecida Diz

    Todos precisam

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.