Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

NOVO auxílio com valor de R$ 271 é liberado; veja quem recebe

De acordo com informações oficiais, cerca de 4 mil famílias de trabalhadores irão receber auxílio mensal de R$ 271

O Governador do estado de Pernambuco, Paulo Câmara (PSB) decretou nesta quinta-feira (30) a liberação do Auxílio Chapéu de Palha. O projeto vai pagar quatro parcelas no valor de R$ 271 cada uma. A ideia é que o programa acabe chegando na casa de algo em torno de 4 mil famílias de trabalhadores da região.

Veja também: Auxílio Emergencial: veja quem recebe 6ª parcela nesta sexta, 1

O projeto Chapéu de Palha existe em Pernambuco desde 2007. A ideia do benefício é dar uma ajuda financeira para trabalhadores em período de entressafra. Trata-se portanto daquele tipo de trabalho que só é oferecido durante um período de tempo. A ideia é que as pessoas peguem esse dinheiro no momento em que não há serviço.

Se encaixam aqui, por exemplo, os empregados que trabalham no corte da cana-de-açucar ou mesmo os pescadores artesanais. São profissões em que o nível de trabalho e consequentemente de sustento só acontece durante um período específico do ano. Logo depois, o dinheiro acaba.

Desta vez, o decreto de Paulo Câmara deve fazer o benefício em questão chegar na casa de 4 mil trabalhadores que não estão no projeto ainda. São pessoas que se encaixam em todas as regras do programa, mas que não estão recebendo nada ainda. É que durante o período da pandemia, muita gente não conseguiu se inscrever junto aos órgãos competentes.

Para saber como funciona esse processo de inscrição, o trabalhador precisa entrar no site oficial do Governo do estado de Pernambuco e saber como funciona essa situação no seu município. É que esse benefício não vale para todas as cidades do estado de Pernambuco. Embora se saiba que apenas pernambucanos possam participar.

Auxílio Chapéu de Palha

Ainda de acordo com informações do Governo do estado de Pernambuco, eles deverão gastar algo em torno de R$ 3,6 milhões com esses pagamentos. Isso considerando apenas esse adicional de 4 mil novos membros no projeto em questão.

Eles também disseram que o pagamento desse benefício deve ser feito através de um cartão social emergencial. Dessa forma, eles esperam evitar ao máximo que fraudes acabem atrapalhando o funcionamento do programa.

Desde 2007, o projeto em questão atende algo em torno de 37 mil trabalhadores todos os anos. É portanto uma espécie de Auxílio que existe muito antes de a pandemia começar, mas que passou por problemas durante este período pandêmico.

O que dá para comprar

No momento do anúncio deste adicional, o Governador Paulo Câmara explicou o que vai dar para fazer com esse cartão. Ele disse ainda que o auxílio em questão vai ajudar as pessoas em vulnerabilidade nesta pandemia.

“Esse auxílio poderá ser usado para comprar alimentos, produtos de higiene e limpeza, e é mais uma ajuda para minimizar os efeitos desse período de crise”, disse o Governador ao anunciar os detalhes do projeto em questão.

“O valor é correspondente ao da bolsa do Programa Chapéu de Palha. Assim, vamos dar mais um passo importante, com mais um instrumento de apoio aos trabalhadores rurais”, completou o Governador do estado de Pernambuco.

Leia Também:

Está "bombando" na Internet:

Acesse www.pensarcursos.com.br
Sem comentários
  1. Edvan Diz

    Queria sabe quem já tá cadastrado no programa vai recebe também

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.