Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

Educação: Votação do Fundeb deve ocorrer nesta terça

A votação da proposta de emenda à Constituição (PEC) quanto ao novo Fundeb (Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação) deveria ter acontecido ontem, segunda-feira (20).

Contudo, após reunião na manhã da segunda-feira (20), a votação foi adiada mais uma vez e deve acontecer ainda nesta terça-feira (21), na Câmara dos Deputados.

Nesse sentido, o líder do PSL, deputado Alessandro Molon (RJ), afirmou que o Fundeb começou a ser debatido ontem (segunda-feira), mas só será votado hoje.

Na tarde de ontem a discussão da proposta de emenda foi iniciada com a leitura do parecer da deputada Dorinha Seabra (DEM-TO). Assim, a análise do texto deverá ocorrer hoje, antes da votação do novo Fundeb.

A votação foi adiada de última hora a pedido do governo, que solicitou mais tempo para formatar proposta.

O texto foi construído em um trabalho de articulação entre parlamentares e educadores feito pela professora e parlamentar Dorinha Seabra durantes meses. O governo até então havia optado por ficar fora dos debates.

Contudo, na reunião de ontem, o ministro Luiz Eduardo Ramos (Secretaria de Governo) se juntou com parte dos partidos mais próximos do Planalto para explicar os pontos que gostariam de mudar. Por esse motivo, entidades criticam o adiamento da votação por conta de uma proposta de última hora.

As informações são do G1.

O que é e como o Fundeb funciona?

O Fundeb consiste em um conjunto de 27 fundos (1 do Distrito Federal e 26 estaduais) responsável pela redistribuição dos recursos voltados à Educação Básica no Brasil.

Assim, os recursos direcionados a creches, escolas primárias, escolas de ensino fundamental, de ensino médio e também à Educação de Jovens e Adultos passam pelo Fundeb.

Criado em 2006, o fundo entrou em vigor em janeiro de 2007  e deve se estender até dezembro de 2020, como determinado pela Emenda Constitucional nº 53, que alterou o Art. 60 do Ato de Disposições Constitucionais Transitórias (ADCT). Por esse motivo, surge a necessidade de uma nova votação para determinar futuro do Fundeb.

Gostou deste texto? Então deixe seu comentário.

Veja também:
Curiosidades: 5 fatos sobre o Ensino no Brasil.
Confira os principais pensadores brasileiros da área da Educação.

Acesse Agora as Principais Notícias no Brasil e fique atualizado

FUNDEB: Entenda o que é e como funciona

Leia Também:

brasil 123  

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Obrigado por se cadastrar nas Push Notifications!

Quais os assuntos do seu interesse?