Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

MEC anuncia investigação de fraudes no Fies

O Ministério da Educação (MEC) informou nesta sexta-feira (12) que desde o ano passado possíveis irregularidades no Fundo de Financiamento Estudantil (Fies) estão sob investigação. O MEC afirmou por meio de uma nota, que ‘partiu da própria instituição a decisão de pedir uma investigação sobre possíveis irregularidades’. 

Repasses irregulares no Fies

De acordo com o MEC, após ter apurado suspeitas de fraudes, a pasta pediu a abertura de investigação pela Controladoria-Geral da União (CGU) e a Polícia Federal (PF). O informe foi feito pela pasta após a publicação de uma matéria jornalística da Veja sobre o caso. De acordo com a CGU, a apuração segue em segredo de Justiça. O processo avalia o suposto repasse de recursos para faculdades que não poderiam participar do programa por conta de dívidas tributárias. 

O ministro Milton Ribeiro se manifestou pelo Twitter, com o objetivo de esclarecer a situação do processo que está sob sigilo. Nesse sentido, o chefe da pasta ressaltou a importância do Fies para o futuro do país. Além disso, afirmou que um dos seus pilares é a transparência. O ministro defendeu ainda a lisura no uso dos recursos:

“A transparência e lisura na utilização de recursos públicos são premissas do Governo Federal, tornando a medida, que investigações dessa natureza, um dever e uma resposta ao cidadão brasileiro”.

A CGU confirmou o que informou a pasta. Assim, ao se pronunciar, a CGU disse que o MEC a informou sobre as irregularidades no âmbito do Fies: “Em razão dessa comunicação, a CGU deu início à investigação sobre o assunto, que se encontra em andamento, com o devido sigilo, necessário à condução adequada dos trabalhos”.

E aí? Gostou do texto? Então deixe aqui o seu comentário.

Veja Repasse de 73% da verba federal do Fundeb pode atrasar.

Leia também 5 livros para conhecer Clarice Lispector e as suas obras.

 
Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.