Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

“MAIS” ou “MAS”: quando usar?

“Mais” ou “Mas”: quando usar cada um desses termos?

Os diferentes usos de “mais” e “mas” confundem muitos estudantes, vestibulandos e concurseiros em todo o país. O uso desses termos pode aparecer como uma questão de português em um concurso ou vestibular, por exemplo. Ainda, você precisará dominar o uso correto das duas expressões para utilizá-las na sua redação.

Assim, percebe-se a importância de dominar o uso dos dois termos. E é justamente por isso que o artigo de hoje separou um resumo para que você aprenda de uma vez por todas a usar “mais” e “mas”.

Porém, antes de qualquer outra coisa é válido ressaltar que as duas palavras existem na língua portuguesa e que ambas estão corretas quanto à grafia, diferindo apenas no significado e no contexto em que devem ser utilizadas.

“Mas”: quando usar?

O “mas” deve ser utilizado sempre que você desejar criar uma ideia de oposição ou de contrariedade em relação ao que foi afirmado anteriormente.

Lembre-se de que o “mas” pode ser substituído, sem perda de significado, por eventualmente “porém”, “contudo”, “todavia” e “não obstante”

Vamos conferir dois exemplos:

  • Gostaria de ir de avião, mas (porém, contudo, não obstante, todavia) não tenho dinheiro para comprar a passagem.
  • Eu fui bem na prova, mas (porém, contudo, não obstante, todavia) não consegui passar no vestibular.

“Mais”: quando usar?

O “mais” deve ser utilizado quando você deseja criar, dentro da sua frase, uma ideia de intensidade, de quantidade ou de excesso. Ainda, o “mais” pode exercer diferentes funções. Entre as principais, podemos citar aquelas de: substantivo, conjunção, pronome indefinido, advérbio de intensidade e preposição.

Vamos conferir, a seguir, dois exemplos: 

  • Meu amigo é o atleta mais dedicado de toda a escola.
  • A prova da Fuvest é a mais difícil de todas.

Lembre-se de que “mais” é o antônimo de “menos”. Assim, uma excelente dica para utilizar o termo corretamente é realizar uma substituição pelo seu antônimo e verificar se a frase continua fazendo sentido. Se continuar, então o uso está correto.

  • Meu amigo é o atleta menos dedicado de toda a escola.
  • A prova da Fuvest é a menos difícil de todas.
Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.