Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

5/5 - (2 votes)

INSS: veja como saber se está na lista do pente-fino do Auxílio Doença

De acordo com o próprio INSS, milhares de pessoas poderão perder o benefício do Auxílio doença já a partir desta quinta-feira (11)

O Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) está prestes a cortar o Benefício por Incapacidade temporária de milhares de brasileiros. Para quem não sabe, esse é o antigo auxílio doença. Trata-se portanto de um dinheiro que está indo para as pessoas que não estão conseguindo trabalhar e precisam dessa ajuda de renda.

Ainda em setembro, o INSS enviou um pedido de reavaliação da perícia médica de cerca de 96 mil segurados que recebem esse auxílio. Mas, de acordo com os dados oficiais, apenas cerca de 10 mil foram agendar o processo. Isso significa dizer que a grande maioria não seguiu a determinação. Essas pessoas estão prestes a perder esse direito.

O INSS tentou entrar em contato com esses indivíduos de várias formas. O fato, no entanto, é que a esta altura do campeonato, muita gente ainda nem sabe se recebeu esse chamado ou não. A boa notícia agora é que é possível saber se você está entre as pessoas que estão precisando marcar essa perícia médica.

Para fazer isso, basta ir até o edital oficial de chamamento que está disponível na internet. O link está no final deste artigo. Por lá, o cidadão vai encontrar uma série de nomes de todas as pessoas que receberam a chamada. Para acelerar o processo, basta acionar o modo de pesquisa da página e digitar o seu nome completo.

É importante também olhar a numeração do benefício que vai estar bem ao lado do nome. Isso seria portanto a confirmação de que aquele indivíduo é você ou não. Acontece que existem várias pessoas que possuem exatamente o mesmo nome e sobrenome. Por isso, é importante confirmar também com essa sequência numeral.

Como agendar a perícia do Auxílio doença?

O nome está na lista? Então é preciso agendar essa perícia o quanto antes. Existem três formas básicas de se fazer isso. A primeira é pelo aplicativo do Meu INSS. Essa é ideal para as pessoas que possuem uma boa conexão com a internet.

Quem não gosta muito do mundo virtual, pode ainda ligar para a Central de Atendimento do próprio INSS. Eles atendem pelo número 135. Uma terceira opção é ir até a página oficial do próprio Instituto na Internet. Todos os caminhos dão no mesmo lugar.

Importante lembrar que quem vai fazer essa perícia precisa levar alguns documentos como RG, ou pelo menos a Carteira Nacional de Habilitação (CNH). Ainda é preciso levar exames médicos que comprovem a incapacidade de trabalhar, além do laudo com o nome do médico.

Auxílio Doença do INSS

Mesmo depois de tanto tempo, muita gente ainda tem dúvidas básicas sobre o Auxílio doença. Uma das mais comuns gira em torno do público alvo desse benefício. Afinal, quem pode receber esse dinheiro?

De acordo com as regras gerais, o auxílio doença vai basicamente para o trabalhador que precisou se afastar do trabalho por mais de 15 dias. Isso considerando portanto motivo de doença ou mesmo de acidente.

Até esse 15º dia de afastamento, esse salário deve ser pago pelo empregador. Só depois disso é que o INSS entra em ação. Até por isso, vale sempre lembrar que esse é um benefício que vai apenas para os segurados do instituto. Sejam eles de carteira assinada ou não.

5/5 - (2 votes)

Leia Também:

Está "bombando" na Internet:

1 comentário
  1. Rodrigo ferreira rosas Diz

    Eu tinha os pes torto mas auando era pequeno fiz cirugia bilateral nas duas pernas .minha pernas ficaram fina antes eu nao sentia dor mas agora estou sentindo muitas dores nas minhas pernas. Preciso muito desse auxilio doenca .nao e que eu nao queria trabalhar por que eu sempre trabalhei muito .

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.