Grande NOVIDADE da AMAZON surpreende brasileiros

A Amazon está sempre em busca de inovação e expansão, e agora está revolucionando sua rede logística para oferecer um serviço ainda mais completo aos seus parceiros comerciais. Com o objetivo de controlar o estoque de seus 2 milhões de parceiros, a gigante do comércio eletrônico está permitindo que eles entreguem seus produtos diretamente em lojas físicas e armazéns. Essa iniciativa faz parte de um esforço contínuo da Amazon para expandir sua presença além do atendimento aos compradores online.

Um Novo Serviço para Parceiros Comerciais

A Amazon anunciou recentemente um novo serviço que permitirá que seus parceiros comerciais enviem seus estoques para lojas físicas e armazéns. Atualmente em fase de testes, esse serviço estará disponível de forma mais ampla ainda este ano. A notícia foi revelada durante a conferência Amazon Accelerate, que atraiu cerca de 2 mil comerciantes online para Seattle.

Essa estratégia da Amazon visa controlar mais etapas da cadeia de suprimentos, desde o armazenamento do estoque até a venda final. Os comerciantes poderão utilizar esse serviço para enviar seus produtos para armazéns administrados por outros provedores logísticos, outros mercados online e até mesmo para lojas físicas, onde poderão ser colocados diretamente nas prateleiras.

Expansão de Programas Existentes

Esse novo serviço da Amazon é um complemento aos programas já existentes, como o Buy with Prime. Esse programa permite que os comerciantes paguem à Amazon para a entrega de produtos aos clientes que compram em sites que não são da Amazon. Com a adição desse novo serviço, a Amazon está consolidando sua posição como líder em logística, supervisionando todo o fluxo de produtos, desde as fábricas na China até as portas dos clientes em todo o mundo.

A Amazon vem agregando serviços há anos, buscando substituir uma variedade de empresas que lidam com tarefas como frete marítimo, alfândega, transporte terrestre e armazenamento de estoque. Com essa iniciativa, a Amazon oferece um serviço contínuo, simplificando a logística para seus parceiros comerciais. Outras empresas também estão interessadas nesse espaço, como a startup de logística Flexport, que anunciou serviços semelhantes recentemente.

O Foco nos Comerciantes Independentes

Cerca de 60% de todos os produtos vendidos na Amazon são de comerciantes independentes. Esses comerciantes pagam comissões à Amazon por cada venda, além de taxas adicionais de logística e publicidade. Nos últimos anos, a Amazon tem dedicado cada vez mais atenção a esses comerciantes, especialmente diante do desaceleramento do crescimento das vendas online.

No segundo trimestre deste ano, os serviços de vendas da Amazon geraram US$ 32,3 bilhões, um aumento de 18% em relação ao mesmo período do ano anterior. Essa receita superou até mesmo o lucrativo negócio de serviços em nuvem da empresa. No entanto, as taxas e encargos da Amazon têm aumentado, absorvendo cerca de metade do custo de cada venda, o que tem impactado os lucros dos comerciantes. Nos Estados Unidos, o maior mercado da Amazon, a empresa captura cerca de 37,6% de todos os gastos online, de acordo com a Insider Intelligence.

Benefícios para os Comerciantes

Com esse novo serviço logístico da Amazon, os comerciantes poderão reduzir a complexidade da logística de suas cadeias de suprimentos. Eles poderão enviar seus produtos, tanto para as lojas físicas da Amazon quanto para outros canais de venda, de forma mais eficiente e com menor custo. Isso permitirá que eles economizem mais dinheiro, impulsionem o crescimento de seus negócios e tenham mais tempo para se dedicar à criação de produtos incríveis para os clientes.

Dharmesh Mehta, vice-presidente da Amazon responsável pelos serviços de vendas em todo o mundo, comentou sobre essa novidade: “Estamos entusiasmados em ajudar os vendedores, dentro e fora da Amazon, a economizar mais dinheiro, impulsionar mais crescimento dos negócios e ter mais tempo para continuar inventando produtos incríveis para os clientes.”

A Amazon está sempre buscando maneiras de inovar e expandir seus serviços. Com esse novo serviço logístico, a empresa está revolucionando sua rede de distribuição, permitindo que seus parceiros comerciais entreguem seus estoques diretamente em lojas físicas e armazéns. Essa iniciativa visa simplificar a logística para os comerciantes independentes e consolidar a posição da Amazon como líder em logística global.

Com essa expansão, a Amazon oferece aos comerciantes a oportunidade de reduzir custos, economizar tempo e impulsionar o crescimento de seus negócios. Essa estratégia reflete o compromisso da Amazon em oferecer um serviço cada vez mais completo e eficiente para seus parceiros comerciais, além de fortalecer sua posição no mercado global de comércio eletrônico.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.